Imagem da matéria: Nova coleção da Sorare traz cards de futebol com realidade aumentada
Divulgação/Sorare

A plataforma Web3 de esportes francesa Sorare anunciou o lançamento de uma coleção de cartões digitais 3D de jogadores de futebol com capacidades integradas de realidade aumentada (AR, na sigla em inglês).

“Ao fazer esses cartões 3D, com um recurso de AR, queremos trazer mais emoção em nossos cartões e torná-los mais desejáveis para todos os fãs de esportes”, disse um porta-voz da Sorare.

Publicidade

Os holders poderão interagir com os seus cartões digitais 3D através do app SoRare a qualquer momento, quer estejam vendo um jogo em um estádio ou com os amigos em casa. 

O leilão inaugural das cartas começa no mercado Sorare a partir de 13 de setembro, com a primeira formação com jogadores da Premier League inglesa, incluindo Erling Haaland, Marcus Rashford e Bukayo Saka. 

Estes cartões 3D AR estão definidos para se tornarem padrão para a temporada 2023/24 do Sorare. 

“Queremos preencher a lacuna entre os apaixonados por esportes on-line e físicos para melhor servir nossa comunidade de fãs”, disse o cofundador e CTO da Sorare, Adrien Montfort, em um comunicado para a imprensa compartilhado com o Decrypt

“Estamos muito satisfeitos em lançar novos cards, novos designs e novos recursos para marcar a nova temporada de futebol, para que os Técnicos Sorare possam adquirir cards especiais para eles e possam interagir com eles e exibi-los ao mundo”, acrescentou.

Publicidade

“Este é o mais recente passo em nossa estratégia de longo prazo para construir um produto geracional que combine tecnologia inovadora e design de ponta para transformar a experiência dos fãs de esportes.”

Cards da nova coleção (Divulgação/Sorare)

Uma caça ao tesouro global

A empresa francesa lançou também nesta terça-feira uma caça ao tesouro global, espalhada por três cidades. A empresa está oferecendo uma “viagem única na vida” ao vencedor.

“Este tesouro aguarda em uma carteira Ethereum, onde os usuários terão que desmascarar um conjunto de palavras ocultas que desbloqueiam uma chave para a carteira”, disse um porta-voz da Sorare ao Decrypt.

Nos próximos sete dias, Sorare lançará vídeos teaser contendo várias pistas. O primeiro, filmado em Londres, foi publicado esta terça-feira nas redes sociais da Sorare.

Publicidade

O lançamento e a caça ao tesouro fazem parte da tentativa da Sorare de atrair um público mais amplo de fãs de esportes que não estão familiarizados com criptomoedas, chegando apenas algumas semanas após o lançamento de uma carteira digital in-game a qual permite aos jogadores comprar e vender cartões com moeda fiduciária também. 

Lançado em 2018 por Nicolas Julia e Adrien Montfort, a Sorare é uma plataforma e mercado de jogos de esportes de fantasia onde os usuários podem comprar, vender e interagir com cartões de jogadores digitais licenciados.

Até à data, a plataforma acumulou uma base de usuários de mais de 5 milhões em 180 países e formou parcerias com várias ligas e clubes. Financeiramente, a empresa está avaliada em US$ 4,3 bilhões e obteve recentemente uma rodada de financiamento Série B de US$ 680 milhões.

*Traduzido por Gustavo Martins com autorização do Decrypt.

VOCÊ PODE GOSTAR
Cofre dourado no formato de baleia receb moedas shiba inu SHIB

Baleias voltam a encher os bolsos de Bitcoin, mostra análise

A acumulação acelerada de baleias é um sinal de que o mercado altista do Bitcoin ainda está ativo
Imagem da matéria: Fed e o Banco do Japão levarão o Bitcoin a US$ 1 milhão, diz Arthur Hayes

Fed e o Banco do Japão levarão o Bitcoin a US$ 1 milhão, diz Arthur Hayes

Um complexo emaranhado entre bancos centrais em relação ao iene levará a uma frenética impressão de dinheiro, elevando o preço do Bitcoin, diz o cofundador da BitMEX
Imagem da matéria: Minerador sortudo de Bitcoin resolve bloco sozinho e fatura R$ 1 milhão

Minerador sortudo de Bitcoin resolve bloco sozinho e fatura R$ 1 milhão

Minerador solo completou o bloco 843.231 do Bitcoin usando software da CKpool
Antônio Ais posa para foto ao lado de carro

Criador da Braiscompany, Antônio Neto Ais é solto na Argentina

O benefício de prisão domiciliar valerá até que o processo de extradição para Brasil seja resolvido