Imagem da matéria: Zona econômica de Honduras adota Bitcoin como unidade de conta; entenda
Foto: Shutterstock

A zona econômica Próspera, em Honduras, reconheceu oficialmente o Bitcoin (BTC) como unidade de conta. Ou seja, a criptomoeda agora poderá servir como base de cálculo de tributos e transações, além de ser usada como pagamento na região.

O anúncio foi feito em 5 de janeiro pelo gerente interino e comissário tributário da região, Jorge Colindres, que descreveu as condições sob as quais as entidades legais podem adotar o Bitcoin como sua unidade de conta.

Publicidade

“A Próspera ZEDE reconhece o direito de entidades legais residentes organizadas ou registradas sob a autoridade do Estatuto de Registro de Entidade Prospero para usar o Bitcoin (BTC) como sua respectiva unidade de conta, no sentido da unidade monetária ou medida de valor em termos dos quais suas contas são mantidas e os valores declarados”, afirma o comunicado.

A Próspera é uma ZEDE, Zona de Emprego e Desenvolvimento Econômico, uma área que possui certa autonomia em relação ao governo de Honduras. Portanto, essa decisão não é aplicada a todo o país.

Criada em 2020 na ilha Roatan, a Próspera espera atrair US$ 500 milhões em capital estrangeiro e criar 10 mil empregos diretos até 2025. Segundo Colindres, até agora, a região já viu a entrada de US$ 100 milhões e a criação de 1.200 empregos.

Nas redes sociais, Colindres reforçou que a zona econômica acredita “no direito à liberdade financeira e à liberdade monetária”. As pessoas devem ser livres para realizar transações, fazer a sua contabilidade e declarar impostos na moeda da sua livre escolha”, disse ele.

Publicidade

Segundo a nota da Próspera, as entidades interessadas em adotar o Bitcoin devem registrar um aviso ao comissário tributário dentro de 30 dias após o encerramento do período fiscal, escolhendo ainda uma exchange aprovada, como Kraken ou Coinbase.

Pagamento de impostos com Bitcoin

Até a implementação do procedimento final de pagamento de impostos em BTC, os passivos fiscais das entidades eleitas serão determinados em referência ao BTC para fins contábeis internos, mas relatados a Próspera ZEDE em dólares americanos ou na moeda local Lempira.

Após a implementação do procedimento final de pagamento de impostos em BTC, os passivos fiscais serão relatados na criptomoeda e as entidades pagarão o valor correspondente à Próspera ZEDE em Bitcoin.

Recentemente aumentaram os rumores de que Honduras poderia seguir os passos de El Salvador e adotar o Bitcoin como moeda de curso legal, o que não aconteceu. Em 2022, o Banco Central do país já havia rejeitado a ideia de adotar o BTC, inclusive fazendo um alerta na época contra o uso de criptomoedas em cenários de pagamento, enfatizando a falta de apoio legal para essas transações.

VOCÊ PODE GOSTAR
mescla de dólares e moedas de bitcoin sobre a mesa

Mt. Gox inicia pagamentos de Bitcoin, mas credores podem ter que esperar até 3 meses para receber

Apesar do início dos pagamentos da Mt. Gox, a data em que o valor em Bitcoin aparecerá na conta dependerá da corretora escolhida pelo credor
Imagem da matéria: PixelTap: aprenda a ganhar milhões de tokens no jogo do Telegram da Pixelverse

PixelTap: aprenda a ganhar milhões de tokens no jogo do Telegram da Pixelverse

O jogo PixelTap do Telegram permite que você lute contra robôs para ganhar moedas antes de um airdrop de token — e você pode ganhar muito mais com esse bônus fácil
Jamie DImon, CEO do JP Morgan

Crítico do Bitcoin, CEO do JP Morgan é cotado por Trump para assumir Tesouro dos EUA

Dimon poderia ser o Secretário do Tesouro ideal, de acordo com o candidato presidencial republicano Donald Trump
Imagem da matéria: Grayscale lança fundo para oferecer exposição  a protocolos que conectam blockchain e IA

Grayscale lança fundo para oferecer exposição a protocolos que conectam blockchain e IA

“Os protocolos de IA baseados em blockchain incorporam descentralização, acessibilidade e transparência”, diz Grayscale