Moedas de bitcoin sob mesa escura com sigal ETF
Shutterstock

O Bitcoin (BTC) mostra estabilidade nesta quarta-feira (15), com ganhos de 1,5% nas últimas 24 horas que elevam sua cotação para US$ 62.675, segundo dados do CoinGecko. 

Em reais, o Bitcoin sobe 1,2% no dia, sendo negociado a R$ 323.811, de acordo com o Índice de Preço do Bitcoin (IPB).   

Publicidade

O governo dos EUA divulga logo mais às 9h30 (horário de Brasília), o novo relatório do Índice de Preços ao Consumidor (CPI, na sigla em inglês). Essa é uma das principais métricas que o Federal Reserve usa para determinar se deve reduzir a taxa de juros e, dependendo do resultado, pode influenciar o apetite dos investidores a ativos de risco, como as criptomoedas. Segundo o Decrypt, economistas dizem que o mercado já está se preparando para outro relatório “decepcionantemente alto”.

Uma notícia positiva para o mercado cripto é que os fundos negociados em bolsa de Bitcoin voltaram a atrair a atenção dos investidores dos EUA. Os ETFs registraram mais de US$ 100 milhões em fluxo líquido diário ontem (14), com o ETF da 21Shares (ARKB) liderando as entradas ao captar sozinho US$ 133 milhões no dia, segundo dados da SoSo Value

A maioria dos ETFs de Bitcoin também registrou entradas na terça-feira, mas o iShares Bitcoin Trust (IBIT) da BlackRock foi uma das exceções. De toda forma, o ETF segue sendo um dos mais importantes do mercado e teve a sua relevância reafirmada ontem com a notícia de que o Conselho de Investimentos do Estado de Wisconsin (SWIB) fez um investimento de cerca de R$ 510 milhões no ETF de Bitcoin da BlackRock.

Veredito sobre ETFs de Ethereum está próximo

Ainda sobre ETFs, o prazo para a Comissão de Valores Mobiliários dos EUA (SEC) tomar uma decisão sobre os fundos baseados em Ethereum termina já na próxima semana. Nos dias 23 e 24 de maio, os reguladores devem decidir se aceitam os pedidos de ETFs à vista de Ethereum das gestoras VanEck e ArkInvest/21Shares, respectivamente.

Publicidade

Os especialistas do mercado não estão confiantes que a SEC aprove os ETFs e há o temor que durante a rejeição, a entidade enquadre oficialmente o Ethereum como um valor mobiliário.

A expectativa para a decisão da SEC também deve influenciar o preço do Ether nos próximos dias. Jake Ostrovskis, trader de OTC da Wintermute, disse ao The Block que a volatilidade implícita das opções de Ether provavelmente aumentará próximo ao momento em que se espera que a SEC tome decisões sobre os ETFs.

“Há uma leve curvatura na estrutura de prazo da volatilidade implícita do Ether. A precificação para 31 de maio está em torno de 60%, antes que o mercado se estabilize e depois suba novamente de junho até o final do ano. Isso representa um prêmio de 8 pontos em relação à precificação da volatilidade do Bitcoin, que se mantém em torno de 52% no mesmo prazo”, analisa.

Outros destaques desta quarta

Ryan Salame, um ex-executivo da FTX que se declarou culpado de acusações de fraude, está pedindo uma sentença de 18 meses para o tribunal que julga seu caso, segundo um memorando de sentença apresentado na terça-feira (14). A defesa de Salame argumenta que o papel dele na FTX e Alameda era “menos central para a fraude” e mais operacional. Também dizem que ele cooperou com as autoridades e agora demonstra “remorso genuíno”, aponta o CoinDesk.

Publicidade

A empresa de investimentos em criptomoedas BlockTower Capital foi alvo de um ataque hacker e teve seu principal fundo de hedge “parcialmente drenado”, revelou a Bloomberg citando fontes familiarizadas com o assunto. A BlockTower ainda não divulgou a quantia de fundos roubados, mas já contratou especialistas em blockchain para investigar o caso. Vale lembrar que em fevereiro de 2023, a BlockTower já havia perdido US$ 1,5 milhão em tokens TrueFi em outro ataque.

VOCÊ PODE GOSTAR
Moedas de ethereum à frente de ilustração de cadeado

A SEC vai finalmente aprovar os ETFs de Ethereum? Entenda

Vence no fim desta semana o prazo para a SEC aprovar ou não alguns pedidos de ETFs de Ethereum e a expectativa agora é mais positiva do que nunca
ilustração mostra logo da pepecoin PEPE subindo ao céu

PEPE e BONK valorizam mais de 30% nas últimas 24 horas

Memecoin PEPE bateu sua máxima histórica nesta terça-feira (21), em momento de forte aquecimento do mercado cripto
Imagem da matéria: Bitcoin sobe mais de 3% após dado de inflação dos EUA cair em abril

Bitcoin sobe mais de 3% após dado de inflação dos EUA cair em abril

Bitcoin, Ethereum e outras criptomoedas sobem nesta quarta-feira após o relatório do CPI dos EUA mostrar que os preços subiram mais lentamente que o esperado
Celular com o logo da CVM e notebook aberto no site da Comissãod e Valores Mobiliários

CVM reconhece ativo de blockchain como token de pagamento

Dynasty Global AG recebeu na última semana a classificação do D¥N como um token de pagamento pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM).