Logo da ftx, dólares e bitcoin
Shutterstock

Analistas da K33 Research prevêem uma tendência de alta no mercado de criptomoedas quando a falida exchange FTX começar a reembolsar os credores, de acordo com o relatório de Vetle Lunde e Anders Hesleth publicado na terça-feira (14). A empresa, que foi comandada por Sam Bankman-Fried, preso atualmente nos EUA, deve cerca de US$ 11 bilhões.

Segundo os balanços, com a recuperação judicial, a FTX conseguiu levantar entre US$ 14,5 e US$ 16,3 bilhões em dinheiro, montantes que foram comparados aos de outras entidades, como Mt. Gox e Gemini, que também precisam prestar contas com clientes em cerca de US$ 10 bilhões.

Publicidade

Embora os pagamentos possam intensificar as pressões de venda à medida em que os credores forem recebendo suas criptomoedas, disseram os analistas, o influxo de dinheiro da FTX pode estimular a procura, potencialmente promovendo a estabilidade do mercado.

Mas há de considerar que os credores também poderão receber seus reembolsos em dinheiro, o que não representa problemas para o mercado.

Os pagamentos aos credores da FTX, que podem acontecer ainda neste ano, dependem ainda de uma audiência de confirmação depois de outro evento, que é uma audiência de declaração de divulgação, agendada para o dia 25 de junho.

Token da FTX ganha volume

Embora a FTX não tenha conseguido voltar a operar, anulando qualquer potencial uso futuro do token FTT, o ativo deu sinais de vida na semana passada quando a massa falida prometeu devolver 118% dos fundos para 98% dos credores. segundo levantamento feito pelo site The Block, só no dia  8 de maio, o volume à vista em pares FTT foi de US$ 139 milhões.

Publicidade

Nesta tarde de quinta-feira (16), o FTT enfrenta uma queda de 2,6% nas últimas 24 horas e negociado em US$ 1,65. Nos últimos 30 dias, o token contabilizou 30% de valorização.

VOCÊ PODE GOSTAR
Fachada da GameStop em Tyler no Texas

Memecoin da rede Solana com tema GameStop sobe 1.900% e desperta febre do GME

A memecoin GME decolou na segunda-feira (13), entregando retornos consideráveis, superando os das ações da GameStop
Cachorro Shiba Inu que inspitou Dogecoin

Kabosu, a cachorrinha que inspirou a Dogecoin, falece aos 18 anos

Kabosu sofria de doença crônica e já era muito idosa; segundo sua dona, a cachorrinha “faleceu silenciosamente”
Celular com o logo da CVM e notebook aberto no site da Comissãod e Valores Mobiliários

CVM reconhece ativo de blockchain como token de pagamento

Dynasty Global AG recebeu na última semana a classificação do D¥N como um token de pagamento pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM).
Imagem da matéria: Epik Duck: Conheça o projeto que foi de piada a memecoin de US$ 25 milhões

Epik Duck: Conheça o projeto que foi de piada a memecoin de US$ 25 milhões

Memecoins como a EPIK estão se tornando cada vez mais populares no universo das criptomoedas. Isso é bom ou ruim?