Imagem da matéria: Threads: Golpes e criptomoedas falsas infestam a nova rede social de Mark Zuckerberg 
Shutterstock

A Threads, rede social da Meta – grupo pilotado por Mark Zuckerberg, que surgiu no início de julho para concorrer com o Twitter de Elon Musk – se tornou a plataforma de crescimento mais rápido da história: foram 100 milhões de novos usuários em apenas cinco dias.

Entre esses milhões de usuários legítimos, não era de se estranhar que golpistas  entrassem no meio para espalhar suas fraudes de criptomoedas.

Publicidade

Em apenas 24 horas de mapeamento, a empresa de segurança cibernética Kaspersky foi capaz de encontrar mais de 200 links suspeitos que usavam a Threads como isca para enganar possíveis vítimas, segundo relatório ao qual o Portal do Bitcoin teve acesso

Parte desses golpistas usam tokens falsos que fingem ter alguma ligação oficial com o Threads para atrair investidores. A Kaspersky encontrou, por exemplo, os golpes “Threadscoin” e “Threadstoken” que operam dessa maneira. 

O Threadstoken diz ser o “futuro das moedas digitais”, se vendendo como algo “estável” e “acessível”. Com essas propagandas enganosas, direciona pessoas para a plataforma de venda de tokens e as incentiva a aportar um valor para ganhar a quantia correspondente do novo token na carteira. 

Tudo não passa de uma farsa e, quando a vítima deposita suas criptomoedas para o golpista, não recebe nada em troca além de prejuízo.

Publicidade
Página fraudulenta do Threads Token (Fonte: Kaspersky)
Página fraudulenta do Threads Token (Fonte: Kaspersky)

Golpes no Threads

O levantamento da Kaspersky encontrou uma grande variedade de golpes sendo aplicados no Threads. Alguns golpes de phishing usam como isca a venda de seguidores para perfil na nova rede social para roubar logins e senhas dos usuários. 

Os criminosos também usam o fato de Threads não estar disponível para computador para atrair vítimas com sites que se passam como legítimas versões web da rede social.

O “golpe da Shein” também encontrou espaço para se espalhar no Threads. Ao analisar esses endereços suspeitos, a Kaspersky conseguiu confirmar o primeiro golpe em português do gênero. 

O "Golpe da Shein" também está presente no Threads (Fonte: Kaspersky)
O “Golpe da Shein” também está presente no Threads (Fonte: Kaspersky)

Neste esquema fraudulento, os criminosos oferecem um salário de R$ 12 mil para as pessoas curtirem e comentarem os posts na nova rede social se a vítima comprar por R$ 147 a licença do app “Threads Lucrativo”. A estimativa é que este golpe está em circulação desde o dia 7 de julho, ou seja, dois dias depois do Threads ser criado.

Publicidade

Leia também: “Paguei pelo Avaliador Premiado, recebi um curso e não devolvem o dinheiro”

“O Brasil é o terceiro maior consumidor de redes sociais do mundo, portanto é natural o surgimento de golpes. Os criminosos não são reconhecidos por sua ética, então usam qualquer artifício para chegar ao seu objetivo – e o mais comum é a monetização, ou seja, roubar as vítimas”, comenta Fabio Assolini, diretor da Equipe Global de Pesquisa e Análise da Kaspersky para a América Latina.

Entre as recomendações para evitar cair em golpes como os citados acima está desconfiar de mensagens oferecendo salários altos ou ofertas “grátis”; verificar o endereço do site clicado, se há erros gramaticais ou o uso de termos genéricos; usar senhas fortes e não baixar programas de sites não oficiais.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Hamster Kombat: aprenda a jogar o mini puzzle para ganhar chaves valiosas

Hamster Kombat: aprenda a jogar o mini puzzle para ganhar chaves valiosas

O novo mini jogo de quebra-cabeça no Hamster Kombat introduz chaves que serão úteis no futuro. Aqui está o guia de como jogar.
Imagem da matéria: Musk Empire: Veja o combo diário desta terça-feira (23)

Musk Empire: Veja o combo diário desta terça-feira (23)

Procurando o combo diário do Musk Empire para terça-feira, 23 de julho? Aqui estão as últimas escolhas da bolsa de valores para o crescente jogo de criptomoeda no Telegram
Imagem da matéria: Ethereum (ETH) deve passar de US$ 5 mil com estreia dos ETFs, diz Bitwise

Ethereum (ETH) deve passar de US$ 5 mil com estreia dos ETFs, diz Bitwise

Firma de investimentos entende que a alta do ether terá três motores principais; confira abaixo
Imagem da matéria: Diretor da Binance no Brasil faz reunião com Banco Central para tratar sobre “supervisão”

Diretor da Binance no Brasil faz reunião com Banco Central para tratar sobre “supervisão”

Sobrinho do Ministro da Economia, Guilherme Haddad Nazar irá se encontrar o diretor de fiscalização e a diretora de supervisão de conduta do BC