Imagem da matéria: Graças aos ganhos com Bitcoin, Tether obteve um lucro de R$ 23 bilhões no primeiro trimestre 

A Tether registrou um lucro recorde de US$ 4,52 bilhões (R$ 23,4 bilhões) no primeiro trimestre — uma quantia excepcionalmente grande, mesmo para o provedor de stablecoin de grande sucesso e dominante.

Conforme seu relatório de atestado do primeiro trimestre de 2024 publicado na quarta-feira, a empresa obteve aproximadamente US$ 1 bilhão em lucros operacionais líquidos de seus ativos do Tesouro dos EUA. Esses T-Bills de curto prazo compõem a grande maioria das reservas da Tether, que garantem sua stablecoin USDT, com paridade de US$ 110 bilhões.

Publicidade

No entanto, o restante pode ser creditado a ganhos massivos de marcação a mercado no valor das reservas de Bitcoin (BTC) e ouro da empresa. Em comparação com o trimestre anterior, o tamanho das reservas de BTC da Tether subiu de US$ 2,8 bilhões para US$ 5,4 bilhões, enquanto sua posição em ouro subiu de US$ 3,5 bilhões para US$ 3,7 bilhões.

Somente no primeiro trimestre, mais de 12 bilhões de novos tokens USDT foram emitidos.

“Mais uma vez, a Tether demonstra seu compromisso com transparência, abertura e gerenciamento de riscos conservador, mantendo uma grande quantidade de reservas excedentes e fornecendo divulgações para o Grupo,” escreveu o CEO da Tether, Paolo Ardoino, no Twitter.

A Tether anunciou em maio de 2023 que havia começado a investir em Bitcoin com parte de seus lucros operacionais, chamando-o de um esforço para diversificar seu portfólio. Dados on-chain sugerem que a empresa agora detém 75.300 BTC em seu endereço de Bitcoin, acima dos 66.400 BTC após uma compra no início de 2024.

As reservas excedentes da Tether agora totalizam US$ 6,3 bilhões, quase US$ 1 bilhão a mais do que no último trimestre, o que, segundo a empresa, proporciona uma proteção contra possíveis reduções ou riscos relacionados à composição de suas reservas principais. Isso cobre mais do que os US$ 4,7 bilhões em empréstimos garantidos em seu balanço, pelos quais a empresa foi amplamente criticada por depender como parte de suas reservas principais.

Publicidade

Ao contrário de outros emissores de stablecoins como a Circle, a Tether ainda não passou por uma auditoria formal, com Ardoino afirmando que é porque as quatro grandes empresas de contabilidade — Deloitte, PwC, EY e KPMG — consideram isso um risco reputacional. Em uma entrevista neste mês, ele disse que a Tether está “tentando fazer o caso,” em um esforço para “construir relacionamentos para obter a auditoria de uma das quatro grandes empresas.”

Enquanto isso, os relatórios trimestrais de “atestação” da Tether revelam o estado de seu balanço até uma data específica, conforme atestado pela BDO — uma rede contábil multinacional que é a quinta maior do mundo.

O CEO da Cantor Fitzgerald, Howard Lutnick, também apoiou a Tether, afirmando que sua empresa vê e controla grande parte da carteira de títulos que garantem os tokens USDT da Tether.

Desde a data de atestação de 31 de março, o preço do Bitcoin caiu de US$ 71.000 para US$ 57.300 — provavelmente revertendo parte dos ganhos não realizados da Tether no primeiro trimestre.

*Traduzido com autorização do Decrypt.

Quer desvendar os mistérios do Bitcoin? Adquira “O Livro de Satoshi”, um compilado de escritos e insights de Satoshi Nakamoto

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Trader transforma US$ 27 mil em US$ 2 milhões ao antecipar alta da GameStop

Trader transforma US$ 27 mil em US$ 2 milhões ao antecipar alta da GameStop

O súbito ressurgimento das ações “memes” nesta semana rendeu uma pequena fortuna aos traders que nunca desistiram das loucuras de 2021
Moedas de ethereum à frente de ilustração de cadeado

A SEC vai finalmente aprovar os ETFs de Ethereum? Entenda

Vence no fim desta semana o prazo para a SEC aprovar ou não alguns pedidos de ETFs de Ethereum e a expectativa agora é mais positiva do que nunca
Silhueta de pessoa jogando videogame À frente de TV

Os maiores tokens de jogos lançados em 2024 – até agora

O Notcoin aparece na lista dos maiores tokens de jogos deste ano, ao lado de Pixels, Portal, Saga e muito mais
Imagem da matéria: Volume de negociação de 'Notcoin' ultrapassa US$ 1 bilhão no maior airdrop de jogos de 2024

Volume de negociação de ‘Notcoin’ ultrapassa US$ 1 bilhão no maior airdrop de jogos de 2024

Jogo Notcoin, baseado no Telegram, lançou mais de 80 bilhões de tokens para cerca de 35 milhões de jogadores em um airdrop