Imagem da matéria: Stablecoin algorítmica da Deus Finance perde paridade com dólar e desaba
(Foto: Shutterstock)

DEI, uma stablecoin algorítmica do protocolo de Finanças Descentralizadas (ou DeFi, na abreviatura em inglês) DEUS Finance, começou a perder a paridade com o dólar no domingo (15), segundo dados do CoinMarketCap.

Atualmente, a stablecoin DEI está sendo negociada a US$ 0,64 após ter se recuperado de uma baixa recorde de US$ 0,55, registrada nesta segunda-feira (16).

Publicidade

Apesar de DEI ser muito parecida com a UST do Terra, a stablecoin do DEUS Finance possui garantias (diferente da UST).

DEUS Finance usa dois tokens chamados DEUS e DEI. DEUS é o token nativo de governança do projeto e DEI é sua stablecoin lastreada em dólar.

Usuários podem emitir 1 DEI ao depositar US$ 1 em garantias. A garantia pode ser a stablecoin USDC do Circle, o token FTM do Fantom, a stablecoin DAI do Maker, o token WBTC (uma versão tokenizada do bitcoin) ou uma combinação de DEUS e USDC. A proporção de garantias entre a USDC e o token nativo DEUS é de 80%.

A paridade em dólar da DEI é estabilizado assim como a UST do Terra, alavancando um mecanismo de emissão e queima bem similar entre DEUS e DEI.

Publicidade

Durante a emissão de DEI, a garantia em DEUS é “queimada” (removida de circulação) a menos que uma forma diferente de garantia seja usada (como USDC, FTM ou WBTC, por exemplo). Ao devolver DEI para obter as garantias de volta, tokens DEUS também são emitidos junto com as garantias.

Caso você deseje emitir DEI usando apenas USDC como garantia, por exemplo, ao resgatar sua garantia, você receberá 80% em USDC e 20% em DEUS.

Resgate (ou “redemption”) é o processo de converter a stablecoin pelas garantias depositadas.

Se o preço da DEI estiver acima de US$ 1, usuários podem emitir 1 DEI usando US$ 1 em garantia e vender a stablecoin no mercado para lucrar com a diferença.

Se a DEI cair abaixo de US$ 1, usuários podem comprar 1 DEI por menos de um dólar no mercado aberto e resgatá-la por US$ 1 em garantias em USDC e DEUS.

Publicidade

Como DEI perdeu seu lastro?

Nos últimos dois meses, o ecossistema DEUS Finance sofreu dois ataques de empréstimo-relâmpago (ou “flash loan attacks”) que resultaram na perda de mais de US$ 30 milhões.

Junto com a stablecoin, o token DEUS caiu cerca de 45% nesta manhã, atingindo US$ 162 por token. Agora, está sendo negociado a US$ 260 após ter atingido uma alta recorde de US$ 1.123,34 registrada no dia 2 de abril, segundo o CoinMarketCap.

Esses dois fatores depreciaram o valor das garantias da stablecoin e, por isso, diminuíram a proporção de garantias para 43%, segundo dados do DEUS Finance.

Embora a proporção de garantias esteja baixa, resgates da DEI estão difíceis de serem finalizados, pois não existe capital suficiente servindo de lastro para a stablecoin.

Agora que a stablecoin DEI está sendo negociada bem abaixo de US$ 1, muitos usuários se aproveitaram da oportunidade de arbitragem para comprar a stablecoin em corretoras e resgatá-la por US$ 1 em garantias.

Publicidade

Para reduzir os riscos de colapso, a equipe do DEUS Finance suspendeu o processo de resgate para ajudar a estabilizar a moeda. Também anunciaram que vão ajudar a alocar garantias para DEI.

*Traduzido por Daniela Pereira do Nascimento com autorização do Decrypt.co.

Talvez você queira ler
Binance

Justiça proíbe Binance de acessar R$ 430 milhões bloqueados em disputa com Capitual

Disputa entre Binance e Capitual já dura mais de um ano; Justiça já alterou quatro vezes a decisão sobre bloqueio dos R$ 430 milhões
Smartphone mostra logotipo da Binance à frente de tela de negociação

Binance suspende negociação de stablecoin que valorizou 200%: “Volatilidade anormal”

A Binance também listou novos pares de criptomoedas, incluindo IOTA e a polêmica Terra Classic (LUNC)
Ilustração de bandeira do Brasil dentro moeda de Bitcoin

Senado aprova projeto de lei que cria imposto para criptomoedas mantidas em corretoras fora do Brasil

Alíquota de 15% faz parte de um plano mais amplo de tributar fundos exclusivos e offshores de brasileiros mantidos no exterior
Imagem da matéria: Manhã Cripto: FTX já pode vender R$ 4,2 bilhões em ativos; Tesouro dos EUA quer mais poder sobre mercado cripto 

Manhã Cripto: FTX já pode vender R$ 4,2 bilhões em ativos; Tesouro dos EUA quer mais poder sobre mercado cripto 

Administradores da massa falida da FTX receberam aprovação judicial para vender ativos da Grayscale e Bitwise