Imagem da matéria: ChatGPT revela os principais suspeitos de serem Satoshi Nakamoto, o criador do Bitcoin
Estátua do misterioso fundador do Bitcoin, Satoshi Nakamoto, instalada em Budapest, na Hungria (Foto: Shutterstock)

O Portal do Bitcoin perguntou nessa segunda-feira (24) para o popular programa de inteligência artificial ChatGPT quais seriam as pessoas com maiores probabilidades de serem os indivíduos por trás do pseudônimo de Satoshi Nakamoto, o misterioso e ainda anônimo criador do Bitcoin.

A identidade por trás da pessoa – ou grupo de pessoas – que assina o documento original da criptomoeda “Bitcoin, um sistema de dinheiro eletrônico ponto a ponto” já levantou diversas teorias, discussões e até mesmo processos jurídicos de propriedade intelectual no mundo todo. Mas sem nenhuma evidência conclusiva, tudo o que temos são especulações.

Publicidade

O ChatGPT faz questão de deixar claro que a identidade do criador do Bitcoin é um grande mistério que “pode nunca ser resolvido”. Quando interrogado sobre as probabilidades reais para cada nome listado, o programa de computador afirma que é incapaz de fornecer números e probabilidades reais.

Ainda assim, ele criou um lista com os nomes que mais costumam ser apontados em sua base de dados como os suspeitos de serem Satoshi Nakamoto. Segundo a Inteligência Artificial, eis aqui os mais cotados:

  • Nick Szabo; um cientista da computação e criptógrafo considerado por alguns como o pai dos contratos inteligentes. Ele é conhecido por seu trabalho em moedas digitais e foi citado como um possível candidato a Satoshi Nakamoto devido à sua experiência técnica e envolvimento no desenvolvimento inicial do Bitcoin.
  • Hal Finney; um programador de computador e um dos usuários iniciais de Bitcoin, que foi a primeira pessoa a receber uma transação de BTC de Satoshi Nakamoto. Ele esteve fortemente envolvido no desenvolvimento inicial da criptomoeda e tinha uma sólida experiência em criptografia e ciência da computação.
  • Gavin Andresen; um programador de software que foi apontado como o principal desenvolvedor do Bitcoin após a saída de Satoshi Nakamoto em 2011. Ele afirmou que não tem conhecimento da verdadeira identidade de Satoshi Nakamoto, mas seu envolvimento próximo com o desenvolvimento inicial do Bitcoin levou algumas pessoas a especularem que ele pode ter feito parte da equipe original.

Estes três primeiro candidatos levantados pelo ChatGPT são os mais aceitos como possíveis candidatos, por terem relações diretas com o Bitcoin, sob seus nomes verdadeiros, ou então em projetos relacionados — também com seus próprios nomes.

Além destes, são citados pela Inteligência Artificial, com as respectivas justificativas:

  • Paul Le Roux; um ex-programador e mentor do crime que atualmente cumpre pena de prisão. Alguns sugeriram que o histórico de Le Roux em criptografia e programação, bem como sua reputação de sigilo e desejo de anonimato, fazem dele um candidato em potencial para o criador do Bitcoin. Outros apontaram para supostas semelhanças nos estilos de escrita usados por Satoshi Nakamoto e Le Roux, ou o uso de pseudônimos semelhantes a Satoshi no passado: “Solotshi”.
  • Dorian Nakamoto; um nipo-americano que foi erroneamente identificado como Satoshi Nakamoto por um jornalista em 2014. Embora ele tenha negado qualquer envolvimento com Bitcoin e posteriormente tenha entrado com uma ação contra o jornalista, algumas pessoas ainda acreditam que ele pode ser o verdadeiro Satoshi Nakamoto.
  • Wei Dai; é engenheiro de computação e esteve envolvido na criação do b-money, que foi uma das primeiras propostas para uma moeda digital descentralizada. Seu trabalho tem semelhanças com os conceitos por trás do Bitcoin.
  • Adam Back; um criptógrafo e cientista da computação que desenvolveu o sistema de prova de trabalho Hashcash, que é usado em filtros de spam de e-mail e foi uma das inspirações para o Bitcoin.
  • Ian Grigg; um criptógrafo financeiro conhecido por seu trabalho em sistemas de moeda digital, incluindo a criação do Ricardian Contract, uma estrutura legal e técnica para contratos inteligentes.
  • Bram Cohen: o criador do protocolo de compartilhamento de arquivos peer-to-peer BitTorrent, que tem algumas semelhanças com a estrutura descentralizada do Bitcoin.
  • Jed McCaleb: um programador e empresário que criou a primeira grande exchange de Bitcoin, Mt. Gox, e mais tarde fundou outros projetos de criptomoeda, como Ripple e Stellar.
  • Craig Wright; um cientista da computação australiano que afirma ser Satoshi Nakamoto desde 2016. No entanto, suas reivindicações foram amplamente contestadas e ele esteve envolvido em várias disputas legais sobre seu suposto papel na criação do Bitcoin.
  • Wright é um defensor do Bitcoin SV (BSV), uma criptomoeda criada a partir do fork do Bitcoin Cash (BCH), que por sua vez foi resultado de uma divisão na rede do Bitcoin — separando-o do Bitcoin Core (BTC).

Uma matéria do portal BeInCrypto também fez perguntas semelhantes para o ChatGPT e um dos resultados que encontrou foi uma suposta probabilidade de 60% de que Satoshi Nakamoto seja um único indivíduo e não um grupo de pessoas.

VOCÊ PODE GOSTAR
CEO da Galaxy Digital, Mike Novogratz, em entrevista ao BNN Bloomberg no YouTube

O Bitcoin precisa de uma nova narrativa para voltar a subir, segundo CEO da Galaxy Digital

Mike Novogratz também acredita que o preço do BTC flutue entre US$ 55 mil e US$ 75 mil até que novos eventos ocorram
Cofre dourado no formato de baleia receb moedas shiba inu SHIB

Baleias voltam a encher os bolsos de Bitcoin, mostra análise

A acumulação acelerada de baleias é um sinal de que o mercado altista do Bitcoin ainda está ativo
Anic de Almeida Peixoto Herdy é casada com herdeiro da Unigranrio

Herdeira é sequestrada em Petrópolis e criminosos exigem resgate em Bitcoin

Técnico de informática amigo do casal conversou com sequestradores por entender de criptomoedas e foi preso por suspeita de envolvimento
Pizza em uma mão moeda de bitcoin na outra

Bitcoin Pizza Day: Corretoras comemoram data histórica do Bitcoin com promoções; confira

Semana tem pizza grátis, cashback, joguinho e descontos em comemoração à primeira transação comercial com o Bitcoin realizada há 14 anos