Imagem da matéria: "Esquerda precisa começar a entender potencial do bitcoin", diz Glenn Greenwald
Foto: Reprodução/YouTube

O jornalista Glenn Greenwald disse em entrevista ao podcast Flow que a esquerda precisa começar a entender o potencial do bitcoin. Segundo o britânico, as criptomoedas são um meio de impedir censura e barrar o fortalecimento de poderes centralizados.

Glenn foi o jornalista que coordenou a divulgação em 2013 do material colhido por Edward Snowden, analista que trabalhava na NSA (sigla em inglês para Agência Nacional de Segurança) e coletou milhares de informações mostrando que o governo dos Estados Unidos espionava vastamente líderes e países estrangeiros (aliados e inimigos) e seus próprios cidadãos.

Publicidade

“A esquerda precisa começar a entender o potencial do bitcoin. Todo o trabalho que fizemos começando com o Snowden, sobre privacidade e criptografia, tudo isso estava chegando no ponto do bitcoin. Cripto vai impedir a possibilidade de alguém censurar, como acontece em casos que forçam com Facebook e Twitter. E vai destruir a possibilidade de ter poder centralizado”, disse Glenn Greenwald.

O jornalista deu a entrevista junto com o deputado federal David Miranda (PSOL/RJ), com quem é casado.

Confira abaixo a fala do jornalista – a declaração sobre bitcoin começa após uma 1 hora e 39 minutos de vídeo:

Caso Snowden

A divulgação dos dados coletados por Edward Snowden foi o fato que gerou o maior debate dos últimos anos sobre privacidade, poderes do Estado e direitos dos indivíduos – todos temas que os entusiastas do bitcoin, em geral, também abordam para defender a moeda.

A primeira reportagem com os dados do ex-analista da NSA foi publicada pelo jornal britânico The Guardian no dia 5 de junho de 2013, assinada por Glenn Greenwald.

Publicidade

As informações de Snowden mostravam que o governo dos Estados Unidos utilizava sistemas de empresas privadas como Facebook, Twitter, Google, Skype e Yahoo para espionar pessoas e insituições de todo o mundo (inclusive do próprio Estados Unidos).

O hoje deputado federal David Miranda ficou detido por quase nove horas no aeroporto de Heathrow, em Londres, no dia 18 de agosto de 2013. Na época, o brasileiro disse que as autoridades tentaram intimidá-lo pelo seu envolvimento no caso Snowden.

Dilma espionada

Glenn também auxiliou no que culminou em uma reportagem veiculada pela TV Globo no programa “Fantástico” mostrando que os Estados Unidos espionaram de forma direta a presidente Dilma Rousseff e seus principais assessores.

O episódio fez com que a presidente do Brasil cancelasse uma viagem diplomática que já estava marcada para os Estados Unidos.

Publicidade

Snowden na Rússia

Desde 2013 Snowden vive na Rússia, país que concordou em dar asilo político ao ex-analista da NSA. Ele foi formalmente acusado de espionagem pelo governo dos Estados Unidos.

Mais recentemente, os Estados Unidos abriram um novo processo contra Snowden, no qual buscam confiscar o dinheiro que ele obteve com palestras e a publicação de um livro.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Manhã Cripto: Queda de 4% leva o Bitcoin abaixo de US$ 60 mil e provoca liquidações de US$ 307 mi

Manhã Cripto: Queda de 4% leva o Bitcoin abaixo de US$ 60 mil e provoca liquidações de US$ 307 mi

É a primeira vez desde o início de maio que o Bitcoin apresenta uma cotação tão baixa
Imagem da matéria: Sydney Sweeney tem Twitter hackeado para divulgação de golpe cripto

Sydney Sweeney tem Twitter hackeado para divulgação de golpe cripto

Mais um dia, mais um hack de celebridade: a atriz Sydney Sweeney teve sua conta no X invadida (novamente!) para promover um golpe de pump-and-dump
Imagem da matéria: "Buy Bitcoin": 7 anos atrás, estagiário dizia para o mundo comprar Bitcoin no Congresso dos EUA

“Buy Bitcoin”: 7 anos atrás, estagiário dizia para o mundo comprar Bitcoin no Congresso dos EUA

Quem seguiu o conselho tomou uma sábia decisão: o Bitcoin valorizou 2.321% desde então, indo de US$ 2.387 para US$ 57.801
moeda de bitcoin ao lado de celular com logo da mt gox

Despejo da Mt. Gox ameaça muito mais o Bitcoin Cash do que o Bitcoin, diz analista

Ao todo, os clientes da Mt. Gox terão para receber US$ 9,5 bilhões em Bitcoin e US$ 73 milhões em Bitcoin Cash