Imagem da matéria: Criador da LUNA não será mais extraditado para os EUA
Do Kwon em janeiro de 2021. (Imagem: Reprodução/Delphi Media)

O Tribunal de Apelações de Montenegro revogou o acordo que tinha permitido a extradição do ex-CEO da TerraForm Labs, Do Kwon, para os Estados Unidos, segundo um comunicado emitido pelo tribunal.

A decisão de extraditar Kwon foi tomada originalmente pelo Tribunal Superior de Podgorica no início de dezembro. Mas algumas semanas mais tarde, os seus advogados interpuseram recurso e ele foi autorizado a permanecer em Montenegro enquanto o tribunal de recurso apreciava o caso.

Publicidade

O tribunal afirmou que a decisão original de extraditar Kwon foi “afetada por violações significativas”, de acordo com uma cópia traduzida do comunicado de imprensa, “porque o texto da decisão é incompreensível, as decisões não têm razão para fatos decisivos, e as razões dadas não são claras”.

A declaração prosseguia afirmando que o tribunal de primeira instância ignorou a ordem de chegada dos pedidos de extradição, o que implica que a Coreia do Sul foi a primeira a solicitar a extradição de Kwon.

Kwon está em Montenegro desde o ano passado e recentemente cumpriu pena por uso de passaporte falso. Depois que um tribunal o considerou culpado, ele foi sentenciado a quatro meses de prisão. Mas há um cabo de guerra sobre a extradição de Kwon para os EUA ou para a Coreia do Sul por causa de uma suposta fraude ligada à Terraform Labs, empresa por trás da criptomoeda LUNA.

Nos EUA, a Comissão de Valores Mobiliários (SEC) entrou com uma ação acusando-o de orquestrar uma fraude multibilionária de títulos cripto. Além disso, o Ministério Público dos EUA do Distrito Sul de Nova York apresentou acusações criminais contra ele, relacionadas ao colapso da stablecoin da Terraform Labs, TerraUSD (TUSD).

Publicidade

Há apenas um mês, Kwon e seus advogados pediram que o julgamento da SEC fosse adiado para que houvesse uma “possibilidade realista” de que ele pudesse comparecer pessoalmente. Mas agora que a questão é discutível.

*Traduzido com autorização do Decrypt.

VOCÊ PODE GOSTAR
Moedas de bitcoin sob mesa escura com sigal ETF

ETFs de Bitcoin voltam a ter entradas líquidas com fluxo de US$ 101 milhões

ETFs de Bitcoin tiveram dois dias de saídas e voltaram a ter fluxo positivo com uma retomada do ânimo do mercado após dados de inflação nos EUA
Imagem da matéria: Projetos DeFi do Ethereum ainda são alvo favorito de hackers, mas fundos roubados caem 28% em maio

Projetos DeFi do Ethereum ainda são alvo favorito de hackers, mas fundos roubados caem 28% em maio

Investidores perderam US$ 473 milhões desde o início do ano devido a hacks e fraudes, uma queda de 20% em relação ao mesmo período do ano passado
Pilha com varias moedas de Ethereum

MB lança campanha comemorativa de 11 anos com ‘cakeback’ e oferece chance de ganhar dois ETH

Os incentivos serão válidos para clientes antigos e novos entrantes da plataforma; campanha seguirá ativa por todo o mês de junho de 2024
Policial algemando suspeito durante a noite

Médico perde R$ 500 mil em criptomoedas após encontro por aplicativo e sequestro; suspeitos são presos

Os sequestradores que aplicaram o famoso ‘golpe do amor’ foram presos rapidamente pela PM de SP; Polícia Civil investiga o paradeiro dos ativos