Imagem da matéria: China prende 21 acusados de lavar dinheiro com uso de Tether (USDT)

A polícia da província de Shanxi, no norte da China, descobriu um esquema de lavagem de dinheiro que usava a stablecoin Tether (USDT) e prendeu 21 pessoas acusados de envolvimento no caso, segundo informações locais.

Estima-se que o esquema, que usou o token lastreado em dólares americanos, tenha gerado mais de US$ 54 milhões para os criminosos, de acordo com o serviço de transmissão nacional chinês CCTV.

Publicidade

É a segunda grande ocorrência envolvendo criptomoedas na China nesta semana. Na terça-feira (19), as autoridades da cidade de Shayang confirmaram o primeiro caso do país de confisco de criptomoedas por meio de uma decisão judicial. Os criptoativos eram usados como pagamento em uma plataforma de jogos de azar.

No caso da lavagem de dinheiro, a investigação policial alega que os suspeitos, operando em seis cidades diferentes em quatro províncias, estavam envolvidos na compra de USDT com desconto por meio de serviços de negociação de criptomoedas de balcão desde outubro de 2021.

Dizem que eles lucraram ilegalmente com a venda desses tokens a preços inflacionados via através do serviço de mensagens WeChat. Ao longo de quase três anos, isso teria rendido cerca de US$ 55 milhões.

A conspiração foi descoberta quando a polícia notou um fluxo anormal de fundos na conta de um indivíduo. Isso levantou suspeitas de possíveis “pontos de execução”, um tipo de lavagem de dinheiro em que uma pessoa usa seu próprio cartão de banco ou método de pagamento online para coletar dinheiro de outras pessoas e depois transferi-lo.

Publicidade

Ao mesmo tempo em que realizavam as prisões, a polícia apreendeu 40 celulares e mais de 1 milhão de yuans (US$ 138.000) em USDT das contas dos acusados, além de mais de 200.000 yuans em dinheiro.

A CCTV informou que todos os 21 suspeitos teriam confessado o crime de lavagem de dinheiro para cibercriminosos com a stablecoin. O caso continua sob investigação.

Traduzido com autorização do Decrypt

Talvez você queira ler
Imagem da matéria: Investidor erra e paga R$ 15 milhões em taxa para simples transação de Bitcoin

Investidor erra e paga R$ 15 milhões em taxa para simples transação de Bitcoin

Um bug ou desatenção ao preencher os detalhes da transação pode explicar o caro erro do misterioso investidor
Smartphone mostra logotipo da Receita Federal; ao fundo, um leão

Contadora pioneira do mercado de criptomoedas vai revelar segredos da profissão em série de eventos

Objetivo é  proporcionar a contadores e profissionais da área insights exclusivos que transcendem relatórios tradicionais
Uma pessoa acena com uma das mãos em sinal de pare

Filipinas acusa Binance de operar sem licença no país

Segundo os reguladores, quem promover o acesso à corretora também pode ser responsabilizado criminalmente com multa e prisão
Imagem da matéria: Há um ano, CZ recebia a chave do Rio e fazia promessas para o Brasil; Hoje, admite crimes e diz adeus à Binance | Opinião

Há um ano, CZ recebia a chave do Rio e fazia promessas para o Brasil; Hoje, admite crimes e diz adeus à Binance | Opinião

CZ deixa comando da Binance sem cumprir as promessas feitas durante sua passagem pelo Brasil em 2022