Smartphone mostra logotipo da Binance à frente de tela de negociação
Shutterstock

A Binance vai suspender seus serviços de criptomoedas na Nigéria na próxima sexta-feira (8), segundo comunicado da corretora nesta terça-feira (5). A decisão ocorre em meio a desavenças com o governo nigeriano que vem culpando a empresa pelo derretimento da Naira (NGN), a moeda local.

Devido a suspensão da operação da Binance em solo nigeriano, a corretora pediu para que os usuários da Naira saquem seus fundos até a data mencionada.

Publicidade

“Os usuários são incentivados a sacar, negociar ou converter suas [nairas] NGN em outros ativos antes da descontinuação desses serviços”, disse a corretora.

“A partir das 8h (5h no Brasil) do dia 8 de março de 2024, quaisquer saldo restante em NGN nas contas Binance dos usuários serão automaticamente convertidos para USDT”, diz a nota.

Os usuários também devem prestar atenção a outros serviços oferecidos pela corretora. O “Convert” irá deslistar o NGN na tarde da quinta-feira (7); “Auto Invest” e “Binance Pay” removerão o NGN na madrugada de quarta-feira (6).

A nota ressalta que no serviço “Binance P2P”, os pares já foram deslistados no dia 28 de fevereiro deste ano.

Publicidade

Binance na Nigéria

Os reguladores nigerianos têm investigado a Binance, que não está autorizada a operar no país.

No fim de fevereiro deste ano, o presidente do Banco Central da Nigéria, Olayemi Cardoso, acusou a Binance de ser usada para canalizar fundos “ilícitos” e “suspeitos” e que a operação da exchange no país movimentou no ano passado US$ 26 bilhões em fundos não rastreáveis.

Na semana passada, as autoridades nigerianas acusaram a Binance de influenciar o aumento das taxas de câmbio através da especulação da Naira (NGN) e que o governo queria uma indenização US$ 10 bilhões pelas supostas perdas massivas que a corretora gerou ao país.

Na última segunda-feira (4), o site Politics Nigeria disse que uma comissão parlamentar da Nigéria pediu a prisão dos executivos da Binance por supostamente permitirem uma série de crimes financeiros na sua plataforma.

De acordo com a reportagem, o Comitê de Crimes Financeiros da Câmara anunciou planos para recomendar que o Congresso invoque o poder de intimar os executivos da corretora depois que eles não compareceram voluntariamente perante o comitê.

Publicidade

O Comitê também convocou o CEO da Binance, Richard Teng, para comparecer até 4 de março para tratar das investigações.

VOCÊ PODE GOSTAR
moeda de bitcoin com bandeira dos EUA no fundo

Fed diz que inflação está caindo, mas não rápido o suficiente: por que isso importa para o Bitcoin?

A queda da inflação beneficia os ativos de risco, incluindo as criptomoedas, pois daria ao Fed confiança para começar a reduzir as taxas de juros este ano
Imagem da matéria: Ethereum sobe 2,3% e faz traders que apostavam na queda serem liquidados em US$ 20 mi

Ethereum sobe 2,3% e faz traders que apostavam na queda serem liquidados em US$ 20 mi

Um total de US$ 20 milhões em contratos de venda e US$ 1,9 mi em contratos de compra de Ethereum foram liquidados nas últimas 24 horas
Imagem da matéria: Hackers roubam números de telefone de 33 milhões de usuários do Authy

Hackers roubam números de telefone de 33 milhões de usuários do Authy

Como precaução, todos os usuários do Authy devem atualizar seus aplicativos para as versões mais recentes
Imagem da matéria: Pagamento de Bitcoin da Mt. Gox começará "o mais rápido possível", afirma Bitstamp

Pagamento de Bitcoin da Mt. Gox começará “o mais rápido possível”, afirma Bitstamp

A exchange de criptomoedas diz que não vai esperar os 60 dias permitidos antes de repassar o Bitcoin aos credores da Mt. Gox