Mercado subindo
Shutterstock

Maior corretora da Coreia do Sul e segunda maior do mundo, a Upbit passou a listar nesta terça-feira (22) o token CyberConnect (CYBER), que valorizou após a listagem. A criptomoeda apresenta alta de 2,5% nas últimas 24 horas, sendo vendida a US$ 4,49 (R$ 22,23), conforme dados do CoinGecko. No entanto, nas primeiras horas após o anúncio, o token subiu acima de 20%.

A Upbit informou em seu site que o par aberto para negociações é o Bitcoin/CYBER e que a plataforma só irá suportar depósitos na rede Ethereum. O token é compatível com a rede Binance Smart Chain, blockchain da maior corretora do mundo, mas a empresa coreana afirma que essa versão não terá suporte.

Publicidade

Logo que o token foi listado, chegou a bater em um pico de US$ 5,38. Segundo os dados do CoinGecko, a CYBER ocupa a 383ª posição no ranking de criptomoedas por capitalização de mercado, com US$ 49,5 milhões (R$ 245 milhões).

O site oficial do CyberConnect define o projeto como uma “rede social Web3 que permite aos desenvolvedores criarem aplicações que empoderem usuários para que tomem posse de suas identidades digitais, conteúdo, conexões e interações”.

Gráfico de 24 horas da CYBER (FOnte: Coinmarketcap)

Segunda maior do mundo

Reportagem do Portal do Bitcoin aponta que a Upbit passou as concorrentes em julho e se tornou a segunda maior corretora de criptomoedas do mundo.

Os dados são de um relatório da CCData, divulgados em reportagem do portal CoinDesk. Eles apontam que a Upbit teve um crescimento de 42,3% no volume de negociações de criptomoedas no mês, atingindo US$ 29,8 bilhões (R$ 145 bilhões). 

Publicidade

O motivo pode ser controverso: a Upbit tem sido um local no qual muitas vezes as compras e vendas de criptomoedas são feitas com valores altamente diferentes do restante do mercado, o que pode ser um indício de que a exchange é usada para ações de short squeeze pela necessidade de criação rápida de liquidez ou na exploração de alguma brecha.

Usando o chamado short squeeze, os traders aumentam a procura do token e, consequentemente, o preço. Isso faz com que investidores que apostaram no mercado de derivativos contra a moeda tenham que liquidar suas posições se o ativo chega em um determinado valor.

No início de julho, poir exemplo, a criptomoeda Aptos (APT) teve uma alta de 10% por conta de manobras financeiras feitas na Upbit. Traders utilizaram a corretora sul-coreana para ensaiar um ‘short squeeze’ e elevar o preço do token, aproveitando que prêmio na negociação era de 5%.

Fato semelhante parece ter ocorrido com o Bitcoin Cash (BCH) no final de junhoDados do CoinGecko mostram que o volume de negociação de 24 horas do par BCH/KRW na Upbit alcançou os US$ 685 milhões, o dobro do volume de negociação do BCH na Binance.

VOCÊ PODE GOSTAR
Antônio Neto Ais e Fabrícia Campos, casal que lidera a Braiscompany (Foto: Reprodução/Instagram)

MPF faz nova denúncia contra donos da Braiscompany e doleiro por lavagem de dinheiro

Antônio Neto e Fabrícia Farias realizaram operações financeiras de grande porte com características de lavagem de dinheiro em pleno colapso da pirâmide
Imagem da matéria: Grupo que desviou R$ 10 milhões em Portugal e lavou com criptomoedas é alvo de operação da PF

Grupo que desviou R$ 10 milhões em Portugal e lavou com criptomoedas é alvo de operação da PF

Operação Redescobrimento, da Polícia Federal, desarticulou um grupo de brasileiros que aplicava golpes em Portugal e lavava com criptomoedas
Imagem da matéria: Mesmo que ETF de Ethereum seja aprovado, pode levar semanas para estrear nas bolsas; entenda

Mesmo que ETF de Ethereum seja aprovado, pode levar semanas para estrear nas bolsas; entenda

Sinal verde da SEC esta semana é apenas o primeiro passo para o lançamento do ETF de Ethereum
Tigran Gambaryan, chefe de compliance da Binance, posa para foto

Executivo da Binance preso na Nigéria vai parar no hospital após desmaiar em julgamento

O executivo da Binance Tigran Gambaryan passou mal durante seu julgamento na Nigéria e precisou ser hospitalizado