Imagem da matéria: "SEC errou na lei ao aprovar ETF de Bitcoin", ataca senadora anticripto
Elizabeth Warren (Foto: Shutterstock)

A senadora dos EUA Elizabeth Warren não gostou das aprovação de vários ETFs de Bitcoin à vista pela Comissão de Valores Mobiliários (SEC). Em uma postagem no X (antigo Twitter), a democrata afirmou que o órgão regulador estava “errado na lei e errado na política” em relação à decisão de aprovar ETFs de Bitcoin à vista de gestoras como BlackRock, Grayscale e Ark Invest.

Ela acrescentou que, “se a SEC vai permitir que as criptomoedas se aprofundem ainda mais em nosso sistema financeiro, então é mais urgente do que nunca que as criptomoedas sigam regras básicas de combate à lavagem de dinheiro”.

Publicidade

Em um comunicado após a aprovação dos ETFs, o presidente da SEC, Gary Gensler, afirmou que, “frequentemente disse que a Comissão age dentro da lei e de acordo com a interpretação da lei pelos tribunais”, e que as circunstâncias haviam “mudado” após uma ordem judicial forçar o regulador a revisar a aplicação da Grayscale.

Na época, o tribunal concluiu que a SEC carecia de uma explicação coerente para a recusa da aplicação da Grayscale para converter seu produto fundo Grayscale Bitcoin Trust (GBTC) em um ETF de Bitcoin à vista, dado que a agência já havia aprovado ETFs de futuros de Bitcoin. O juiz chamou de ilegal o “tratamento regulatório diferente de produtos semelhantes”.

Elizabeth Warren vs. criptomoedas

Warren tem criticado repetidamente as criptomoedas e a indústria como um todo, vinculando-a à lavagem de dinheiro e ao financiamento do terrorismo, e alegando que grupos como o Hamas e a Jihad Islâmica arrecadaram “mais de US$ 130 milhões em criptomoedas”.

A cifra foi contestada pela empresa de análise blockchain Elliptic, que afirma que um artigo do Wall Street Journal citado por Warren “interpretou erroneamente” os dados fornecidos pela empresa.

Publicidade

A senadora pediu a atualização do Ato de Sigilo Bancário para lidar com a “ameaça” das criptomoedas e é a patrocinadora do Digital Asset Anti-Money Laundering Act, um projeto de lei nos EUA que visa expandir os requisitos de “conheça seu cliente” (KYC) para uma ampla gama de provedores e participantes de infraestrutura de blockchain.

Entre outras disposições, o projeto de lei exigiria que plataformas e redes identificassem detentores de carteiras de criptomoedas de custódia própria e rastreassem suas transações.

O projeto de lei foi criticado por grupos de defesa das criptomoedas, como o Coin Center, que o descreveu como um “ataque oportunista e inconstitucional à custódia própria, desenvolvedores e operadores de nós de criptomoedas”. Em dezembro de 2023, Warren mirou os próprios lobistas da indústria de criptomoedas, alegando que eles “minam” os esforços da administração de Joe Biden para conter o financiamento do terrorismo por meio de criptomoedas.

* Traduzido e editado com autorização do Decrypt.

VOCÊ PODE GOSTAR
Joe Biden posa para foto

Biden expulsa mineradora cripto chinesa de área próxima a base militar: “Risco de espionagem”

O governo afirma que a MineOne possui equipamentos especializados de origem estrangeira potencialmente capazes de facilitar atividades de vigilância e espionagem
Imagem da matéria: Manhã Cripto: Ethereum (ETH) decola 20% com expectativa para aprovação de ETFs nos EUA

Manhã Cripto: Ethereum (ETH) decola 20% com expectativa para aprovação de ETFs nos EUA

A animação dos investidores fez aumentar em 219% o volume de negociação do Ethereum nas últimas 24 horas
Imagem da matéria: Criptomoeda desaba 99% após hacker invadir projeto e chamá-lo de "copia e cola"

Criptomoeda desaba 99% após hacker invadir projeto e chamá-lo de “copia e cola”

Após derrubar o preço da memecoin NORMIE, hacker ofereceu devolver fundos se os criadores do projeto fizerem melhorias no código
Bitcoin em gráfico de alta com seta azul apontado para o alto

Traders esperam que Bitcoin supere a máxima de US$ 74 mil em breve

“Esperamos um impulso de alta aqui que pode nos levar de volta às máximas de US$ 74 mil”, disse a QCP Capital sobre o momento do Bitcoin