Ripple (XRP) é a criptomoeda com pior performance esse ano, diz relatório

O XRP encerrou 2019 como a criptomoeda com pior desempenho do ano. Infelizmente, essa tendência persistiu até agora em 2020.

Token XRP, da empresa Ripple (Foto: Shutterstock)


2019 foi um ano para a Ripple esquecer. E, infelizmente, a situação está se repetindo em 2020 de acordo com um novo relatório da Messari, uma das principais empresas de análise do mercado de criptomoedas.

Um token de origem questionável, o XRP foi o criptoativo com o pior desempenho entre as 25 principais moedas, informou a Messari. Atualmente o ativo é negociado a US$ 0,18 por unidade, perto das mínimas dos últimos três anos.

Existem várias razões potenciais, internas e externas, que poderiam afetar adversamente o desempenho do XRP até agora em 2020.

No nível do mercado, o pânico sobre as consequências da pandemia de coronavírus desempenhou um papel fundamental na formação do sentimento de baixa entre os investidores. No entanto, além do vírus, as ações da Ripple (a empresa) também podem ter contribuído para este deslize.

“No início do ano, Brad Garlinghouse, CEO da Ripple, revelou que a empresa não seria lucrativa ou teria um fluxo de caixa positivo sem vender o XRP, indicando que suas vendas de XRP estavam realmente ajudando a financiar os negócios”, observou Messari.

As vendas de XRP têm sido um problema na indústria. Por um lado, a Ripple sempre foi clara e transparente ao revelar suas vendas, afirmando publicamente que a empresa não se importa muito com o preço do XRP e que não pretende encerrar permanentemente essa prática. Por outro lado, os detentores de XRP – os afetados por esses dumps no token – têm se destacado nas mídias sociais ao expressar seu descontentamento.

A Messari também observou que a incerteza sobre a natureza do XRP pode estar desempenhando um papel importante no desencadeamento de uma perspectiva pessimista entre os investidores. Atualmente, a Ripple enfrenta uma ação coletiva que alega que o XRP foi ilegalmente vendido como um ativo ‘valor mobiliário’ não registrado de acordo com a lei federal dos EUA. Até que o processo seja resolvido, a questão de saber se o XRP é ou não uma securite continuará persistindo.

Mas, embora o futuro possa parecer sombrio, houveram alguns desenvolvimentos positivos.

A empresa recentemente estabeleceu parcerias estratégicas para expandir o ecossistema, incluindo uma expansão de seus negócios no mercado de remessas EUA-México, o que poderia desempenhar um papel importante na adoção do XRP.

Enquanto isso, a Bitmex anunciou recentemente planos de oferecer seus primeiros contratos de swap perpétuo de XRP, o que também pode ajudar a estimular a negociação de XRP no futuro. 

*Traduzido e republicado com autorização da Decrypt Media

Compre Bitcoin na Coinext 

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br