Imagem da matéria: Stripe retorna ao mundo cripto ao liberar pagamentos com USDC
Shutterstock

A processadora de pagamentos Stripe está de volta ao jogo das criptomoedas após anunciar na quinta-feira (25) que em breve permitirá que comerciantes recebam fundos na stablecoin USD Coin (USDC).

A partir deste verão, a empresa sediada em São Francisco permitirá que empresas que usam sua tecnologia aceitem a USD Coin (USDC) para pagamentos online. A USDC é a segunda maior stablecoin no espaço das criptomoedas e a sexta maior criptomoeda em capitalização de mercado.

Publicidade

“Estamos empolgados em capacitar os usuários da Stripe a aceitar pagamentos em stablecoin, ajudando-os a expandir seu alcance global e oferecer aos seus clientes acesso a transações fáceis, rápidas e confiáveis, mesmo que não tenham uma conta bancária ou cartão de crédito”, disse John Egan, chefe de criptomoedas da Stripe, em um comunicado à imprensa.

A Stripe inicialmente suportará transações USDC nas redes Ethereum, Solana e Polygon, confirmou um porta-voz da Stripe ao Decrypt, acrescentando que “a lista final, mais abrangente, será anunciada próximo ao lançamento”.

As aventuras da Stripe em cripto

Em 2014, a Stripe se tornou uma das primeiras grandes empresas a aceitar pagamentos em Bitcoin. No entanto, suas iniciativas em cripto diminuíram em 2018, quando a empresa encerrou a opção citando custos crescentes na maior blockchain do mundo.

Apesar de abandonar o serviço, a empresa disse na época que ainda estava “muito otimista em relação às criptomoedas como um todo”.

Publicidade

Em março de 2022, a Stripe voltou a se aproximar do espaço cripto ao disponibilizar sua plataforma de pagamento para compras de NFT e outras empresas Web3, prometendo recursos de prevenção de fraude como requisitos de conheça seu cliente (KYC). No ano passado, foi divulgado que a empresa estava trabalhando com o Twitter em recursos de pagamento.

Hoje, a Stripe diz que permitirá que os comerciantes aceitem USDC e resolvam transações na blockchain. Pagamentos feitos na stablecoin serão automaticamente convertidos em moeda fiduciária para depósito na conta da Stripe do comerciante, explicou a empresa.

As stablecoins são um tipo de criptomoeda com valor fixado em outro ativo, como dólares ou ouro. Elas são projetadas para serem menos voláteis do que o Bitcoin ou outros ativos digitais que notoriamente sobem e descem de preço.

Essas moedas e tokens são normalmente usados por traders de criptomoedas para entrar e sair rapidamente de posições em outras moedas ou tokens sem convertê-los diretamente em uma moeda fiduciária como dólares americanos —especialmente quando o acesso a tais moedas é restrito ou proibido.

* Traduzido e editado com autorização do Decrypt.

VOCÊ PODE GOSTAR
ilustração mostra logo da pepecoin PEPE subindo ao céu

PEPE e BONK valorizam mais de 30% nas últimas 24 horas

Memecoin PEPE bateu sua máxima histórica nesta terça-feira (21), em momento de forte aquecimento do mercado cripto
criptomoedas, criptoativos, regulação, Brasil, projeto de lei

Banco Central anuncia próximos passos da regulamentação do mercado cripto no Brasil

Sem definir datas, BC diz que irá fazer mais uma consulta pública no segundo semestre e um planejamento interno sobre stablecoins
Tigran Gambaryan, chefe de compliance da Binance, posa para foto

Executivo da Binance preso na Nigéria vai parar no hospital após desmaiar em julgamento

O executivo da Binance Tigran Gambaryan passou mal durante seu julgamento na Nigéria e precisou ser hospitalizado
Imagem da matéria: 5 coisas para saber sobre o lançamento do token do Notcoin

5 coisas para saber sobre o lançamento do token do Notcoin

Quando o token NOT será lançado? Qual o futuro para a Notcoin? É melhor fazer stake dos tokens? Preparamos um resumo para você