Imagem da matéria: PF faz operação contra grupo de garimpo ilegal de ouro que lavava dinheiro com criptomoedas
Foto: Shutterstock

A Polícia Federal deflagrou nesta quinta-feira (7) uma operação contra uma organização acusada de fazer garimpo ilegal de ouro e usar criptomoedas para lavar o dinheiro obtido com o crime.

Segundo comunicado para a imprensa divulgado pela Receita Federal, estão sendo cumpridos cinco mandados de prisão preventiva e 60 mandados de busca e apreensão, nos estados de Rondônia, Pará, Acre, Goiás, Mato Grosso e Rio de Janeiro. A investigação foi batizada como Operação Ganância.

Publicidade

Além disso, foi feito o bloqueio judicial de ativos financeiros em nome dos investigados, no limite total de R$ 2 bilhões e a suspensão das atividades comerciais de algumas das empresas investigadas.

As acusações

A organização criminosa é acusada de fazer extração ilegal de ouro, crimes ambientais, invasão de terras da União e lavagem de dinheiro.

Conforme afirmam as autoridades, foi identificado que uma empresa mineradora localizada no estado do Pará estava extraindo minério de ouro em volume incompatível com as autorizações ambientais, além de promover ações visando aparentar a legalidade de operações comerciais com minério proveniente de outros garimpos localizados em terras indígenas e terras da União.

Estima-se que essa empresa tenha comercializado cerca de R$ 1 bilhão em minério de ouro entre os anos de 2020 e 2021, sendo quase a totalidade destinada para a exportação.

Publicidade

O grupo econômico investigado ainda praticou atos de lavagem de capitais por meio de ocultação e dissimulação de valores através de empresas de fachada, de pessoas físicas “laranjas”, de diversas operações envolvendo criptoativos, além de transações financeiras de altos valores (depósitos e saques em espécies), principalmente de forma fracionada, para burlar limites regulamentares ou operacionais.

VOCÊ PODE GOSTAR
Sob um banco de madeira três criptomoedas ao lado de um celular com logo do Nubank

Nubank libera envio e recebimento de criptomoedas de carteiras externas

Já estão disponíveis para essas transações Bitcoin, Ethereum e Solana; outras moedas e redes serão adicionadas em breve
Bandeira da Argentina com moeda de Bitoin do lado

Argentina se reúne com autoridades de El Salvador para discutir adoção de Bitcoin

Há cerca de três anos, El Salvador se tornou o primeiro país do mundo a incorporar o Bitcoin, junto com o dólar, como moeda oficial
Craig Wright posa para foto

Craig Wright mentiu “extensiva e repetidamente” sobre ser o criador do Bitcoin, diz juiz

“As tentativas do Dr. Wright de provar que ele era/é Satoshi Nakamoto representam um abuso muito sério do processo deste tribunal”, disse o juiz
Moeda de Bitcoi sob mapa da América comd estaque para Venezuela

Venezuela quer desativar todas as fazendas de mineração de criptomoedas do país

O governador do estado de Carabobo afirmou que o governo está prestes a publicar um decreto que irá proibir a mineração de criptomoedas