Imagem da matéria: "Forma mais segura de dinheiro é a emitida pelo Banco Central", diz Christine Lagarde
Chritine Lagarde em conferência (Foto: Center for Global Development/Flickr)

O Banco Central Europeu (BCE) anunciou nesta quarta-feira (14) o lançamento de um projeto de euro digital. Ao compartilhar a notícia no Twitter, a presidente da instituição, Christine Lagarde, reiterou o que havia dito em reunião da entidade sobre o tema, que “na era digital, as pessoas e empresas devem continuar a ter acesso à forma mais segura de dinheiro — o dinheiro do banco central.

De acordo com o comunicado do Eurosystem, autoridade responsável pela política monetária da zona do euro, a fase de investigação do projeto do euro digital terá a duração de 24 meses e vai considerar os comentários dos cidadãos, comerciantes e de conselhos técnicos que participaram de uma consulta pública feita pelo BCE. Depois desta ação, disse o órgão, “nenhum obstáculo técnico foi identificado durante a fase preliminar de experimentação”.

Publicidade

Nesse período, a equipe responsável pelo projeto terá como objetivo abordar questões-chave relacionadas à nova moeda desde o seu design até sua distribuição.

Um euro digital, afirma o documento,  deve ser capaz de satisfazer as necessidades dos europeus, ao mesmo tempo que ajuda a prevenir atividades ilícitas e evita qualquer impacto indesejável na estabilidade financeira e na política monetária. Para o BCE o euro digital deve cumprir seus objetivos principais, que são: uma forma de Moeda Digital do Banco Central (CBDC) sem riscos, acessível e eficiente.

Segundo o órgão, considerando essas premissas, um euro digital apenas complementaria o dinheiro, não o substituiria, discurso eventualmente repetido de Lagarde, mas que segue em linha com ideias de outras autoridades, como a do presidente do Banco Central dos EUA, Jerome Powell, que recentemente disse que um ‘dólar digital’ deve coexistir com dinheiro.

Próximos passos do Banco Central Europeu

Sobre os próximos passos da equipe de euro digital, o economista italiano Fabio Panetta, membro da comissão executiva do BCE, disse na nota:

Publicidade

“Vamos interagir com o Parlamento Europeu e outros decisores europeus e informá-los regularmente sobre as nossas conclusões”. De acordo com o órgão, o trabalho técnico com a Comissão Europeia, que em janeiro deste ano se juntou ao projeto, também será intensificado.

Como foi a fase de testes

Em relação à fase preliminar de experimentação citada na nota, o BCE disse que o trabalho foi realizado pelo BCE e pelos bancos centrais nacionais da área do euro nos últimos nove meses. A fase contou com participantes do meio acadêmico e do setor privado que interagiram com um sistema de livro-razão e consideraram a privacidade e combate à lavagem de dinheiro.

Além disso, foram discutidos também o limite de emissão de euro digital, bem como o acesso do usuário final enquanto não estiver conectado à Internet e os dispositivos apropriados.

“Tanto o Eurosystem TARGET Instant Payment Settlement (TIPS) como alternativas como o blockchain mostraram-se capazes de processar mais de 40.000 transações por segundo. Os experimentos também sugeriram que arquiteturas combinando elementos centralizados e descentralizados são possíveis”, diz a nota.

Publicidade

O Eurosystem concluiu o comunicado afirmando que o uso de energia que um euro digital iria consumir seria menor que a atual demanda necessária para a circulação do bitcoin.

VOCÊ PODE GOSTAR
trader segura moeda de bitcoin em frente a grafico em computador

Bolsa de Chicago planeja lançar negociação de Bitcoin à vista, diz jornal

O objetivo é capitalizar a crescente demanda este ano entre os gestores de Wall Street para ganhar exposição ao setor de criptomoedas
Moeda prateada da Chainlink com reflexo em um fundo roxo

Chainlink sobe 18% ao lançar projeto piloto em Wall Street com JP Morgan, BNY Mellon e DTCC

A DTCC anunciou que acaba de concluir um projeto piloto de tokenização com gigantes de Wall Street, como JP Morgan e BNY Mellon, aproveitando o CCIP da Chainlink
Fazenda de Mineração de criptomoedas Salto del Guairá Paraguai -ANDE

Paraguai usa inteligência artificial para encontrar fazenda ilegal de mineração de Bitcoin

Autoridades apreenderam 176 ASICs em Saltos de Guairá com ajuda de sistema que mede a tensão de redes elétricas
CEO da Galaxy Digital, Mike Novogratz, em entrevista ao BNN Bloomberg no YouTube

O Bitcoin precisa de uma nova narrativa para voltar a subir, segundo CEO da Galaxy Digital

Mike Novogratz também acredita que o preço do BTC flutue entre US$ 55 mil e US$ 75 mil até que novos eventos ocorram