Imagem da matéria: Criptomoeda "bomba-relógio" entra em colapso e investidores alertam: "Saiam agora"
Foto: Shutterstock

As críticas ao ecossistema da criptomoeda HEX, da Hex.com, se intensificaram nos últimos meses após rumores de que seus promotores estariam sendo sondados por autoridades dos EUA. Nesta semana, o investidor de alta influência, Mike Alfred, fez um alerta no Twitter, aconselhando as pessoas expostas ao projeto a saírem do negócio enquanto podem.

“Hex está em colapso total agora. Os ratos estão abandonando o navio à medida que a SEC vem intimando todos os criadores desse esquema de marketing multinível desonesto”, disse Alfred.

Publicidade

Ele acrescentou: “Sempre foi uma bomba-relógio. Saia o mais rápido possível.”

Ele também criticou o criador do projeto, o polêmico Richard Heart —  que comprou o maior diamante negro do mundo por R$ 22 milhões no início do ano.

“Alguns dias atrás, perguntei a Richard como foi seu interrogatório na SEC. [Fui] bloqueado em segundos. Ele sabe o que está prestes a acontecer. Não seja a última pessoa a entender”, escreveu Alfred.

O investidor também relembrou seu comentário para a Forbes, quando já relatava o que poderia vir a acontecer como o mercado da Hex.

”Em outubro, na Forbes, eu chamei a HEX de ‘economia paralela’ que falharia em câmera lenta devido aos incentivos de bloqueio. Isso está acontecendo agora”, ressaltou.

Publicidade

E ele parece não estar de todo errado, já que dados do CoinMarketCap mostram que o token HEX vale atualmente só US$ 0,02, cerca de 4% do seu recorde de preço de US$ 0,48, registrado em setembro de 2021. Naquela época, foi revelado que até o bilionário Mark Cuban tinha um pouco de tokens HEX em seu portfólio.

Gráfico dos últimos sete dias do HEX (Fonte: CoinMarketCap)

Também no Twitter, Eric Wall publicou uma imagem de vários veículos escritos “O preço da HEX valorizou 11.500% em 129 dias”. “Rindo muito”, ele comentou.

Eric e Alfred não são os únicos a criticarem a HEX. Em setembro, Justin Bons, fundador e CIO da CyberCapital, publicou: “Tecnicamente não é um esquema Ponzi, mas algo muito pior”.

Criptomoeda Hex investigada pela SEC

No mês passado, começaram a circular na internet prints de supostas intimações da SEC a influenciadores digitais que promovem a HEX, PulseChain e PulseX — todos os projetos que possuem Richard Heart por trás. O site Crypt News, por exemplo, disse que o regulador americano investigava os status financeiros dos promotores. 

Publicidade

“Aqueles que receberam as intimações foram obrigados a fornecer documentos até 15 de novembro de 2022. Embora a SEC não tenha feito acusações públicas”, ressalta a publicação.

O que é a Hex.com e o token HEX

O projeto Hex Coin foi criado para substituir certificados de depósitos tradicionais usados ​​em instituições financeiras de forma descentralizada, ou seja, usando token HEX como a contraparte na blockchain. Quando o protocolo surgiu, não fazia promessas muito diferente do esquema do falido ecossistema Terra (LUNA).

Richard Heart também ficou famoso pela compra do ‘The Enigma’, um diamante negro supostamente extraterrestre e considerado o maior do mundo. Em fevereiro deste ano, ele o arrematou o diamente em um leilão da Sotheby’s em Londres, na Inglaterra, por 3,1 milhões de libras esterlinas (cerca de R$ 22 milhões na época).

O diamante foi então renomeado por ele como “HEX.com diamond”, conforme anunciado em um vídeo por Heart, que, segundo reportagem do site Protos, nunca hesitou em ostentar exibições berrantes de riqueza.

  • Como será o mercado de criptomoedas em 2023? Clique aqui e descubra no relatório gratuito do time de Research do MB
VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Dogecoin está se aproximando de uma "cruz dourada": o que isso significa?

Dogecoin está se aproximando de uma “cruz dourada”: o que isso significa?

Média móvel simples de 50 semanas (SMA) do preço spot da Dogecoin está atualmente em alta e pode passar barreira das 200 semanas
Pessoa olha para scanner da Worldcoin

Hong Kong bane Worldcoin por coleta de dados “desnecessária e excessiva”

A Worldcoin chegou a escanear o rosto e a íris de 8.302 indivíduos durante sua operação em Hong Kong, segundo autoridades
moeda de bitcoin dentro de armadilha selvagem

CVM faz pegadinha e descobre que metade das pessoas cairia em golpe com criptomoedas

Junto com a Anbima, a entidade criou um site de uma empresa fictícia que simulava a oferta de investimentos com lucros altos irreais
Imagem da matéria: Há 2 anos, LUNA caia para zero; relembre um dos dias mais caóticos do mercado cripto

Há 2 anos, LUNA caia para zero; relembre um dos dias mais caóticos do mercado cripto

Em maio de 2022, o ecossistema da Terra (LUNA) entrou em uma “espiral da morte” que levou uma das criptomoedas consideradas mais promissoras daquele ano a cair para zero em 24 horas