Imagem da matéria: Câmara dos Deputados fará audiência sobre esquemas da Atlas Quantum e Investimento Bitcoin
Imagem: Shutterstock

A Câmara dos Deputados marcou para quarta-feira (26), às 14h, uma audiência pública extraordinária virtual para discutir indícios de pirâmide financeira em operações das empresas Atlas Quantum e Investimento Bitcoin.

O pedido foi feito pelo deputado federal Aureo Ribeiro (Solidariedade-RJ), autor do projeto de lei da Casa que discute a regulação das criptomoedas no Brasil.

Publicidade

Foram convidados para participar da reunião o economista Fernando Ulrich; representantes da Associação Brasileira de Criptomoedas e Blockchain; membros da Polícia Federal (PF), Banco Central do Brasil (BCB), Ministério Público Federal (MPF) e Comissão de Valores; e representantes das duas empresas citadas.

Como é um convite, os envolvidos com as empresas investigadas podem não comparecer, como ocorreu em audiências públicas sobre criptomoedas realizadas em anos anteriores na Câmara.

Investimento Bitcoin e Atlas Quantum

A Investimento Bitcoin é uma suposta pirâmide que prometia rendimentos que poderiam chegar até 600% sobre o valor total investido em 300 dias úteis.

A empresa não cumpriu com as promessas e hoje responde a vários processos judiciais. O negócio era divulgado até por apresentadores famosos, como Rodrigo Faro (Record TV) e José Luiz Datena (Band).

Publicidade

A Atlas Quantum, fundada pelo empresário Rodrigo Marques, não libera saques para investidores desde agosto de 2019. Só na Justiça de São Paulo a empresa responde a mais de 100 processos judiciais.

No mês passado, a empresa ofereceu acordos abusivos para vítimas e mesmo assim não pagou.

VOCÊ PODE GOSTAR
miniatura de homem sob pulpito e moeda gigante de bitcoin ao lado

Brasileiros não podem usar criptomoedas para fazer doações nas eleições municipais

A Procuradoria-Geral da República explicou as regras de doações para as eleições municipais de 2024
Imagem da matéria: Justiça nega pedido de liberdade para PM acusado de vender armas ao "Faraó do Bitcoin"

Justiça nega pedido de liberdade para PM acusado de vender armas ao “Faraó do Bitcoin”

Réu é acusado de ser responsável pela segurança do criador da GAS Consultoria e vender armas para a organização criminosa
CEO do MB Reinlado Rabelo em evento da CVM na USP

“A Bolsa é sim lugar de startups”, diz CEO do Mercado Bitcoin em evento da CVM

Reinaldo Rabelo participou do evento do “Tecnologia e Democratização dos Mercados de Capitais no Brasil”
busto de homem engravatado simulando gesto de pare

CVM proíbe corretora de criptomoedas e forex de captar clientes no Brasil

O órgão determinou, sob multa diária de R$ 1 mil, a imediata suspensão de qualquer oferta pública de valores mobiliários pela Xpoken