Imagem da matéria: Binance vai remover três criptomoedas da plataforma nesta semana
Foto: Shutterstock

A exchange Binance anunciou que vai remover três criptomoedas da sua plataforma de negociação: OST (OST), Ripio Credit Network (RCN) e WePower (WPR).

O trading dos criptoativos e todos os seus pares será interrompido a partir das 7h da manhã de sexta-feira (16). A exchange alerta os usuários que após essa data, todas as ordens de trade serão removidas automaticamente da plataforma.

Publicidade

Os clientes que possuem saldo em alguma dessas criptomoedas terão até o dia 15 de outubro para sacá-las da plataforma. Ao final do prazo, todos os fundos que ainda estiverem na moeda removida serão convertidos para BUSD, a stablecoin da Binance pareada ao dólar americano.

A corretora informou que a decisão de remover os tokens aconteceu após a análise periódica feita de todos os ativos digitais listados na plataforma.

“No momento em que uma moeda deixa de atender o padrão, ou o setor mudar, realizamos uma revisão mais aprofundada e potencialmente os excluímos. Acreditamos que isso protege melhor todos os nossos usuários”, diz a nota.

Entre os fatores que a corretora leva em consideração para manter listado um token está o compromisso da equipe com o projeto, qualidade da atividade de desenvolvimento, segurança da rede, volume e liquidez de trading, entre outros. 

Publicidade

As criptomoedas

Entre as criptomoedas removidas está uma criada pela Ripio, a exchange argentina que avançou no mercado brasileiro esse ano ao adquirir a corretora brasileira BitcoinTrade.

A Ripio Credit Network (RCN) foi lançada em 2017 pelo CEO da Ripio, Sebastian Serrano, para ser utilizada em um ecossistema descentralizado de empréstimos que conecta diferentes tipos de credores e devedores na blockchain do Ethereum.

Após alcançar uma máxima histórica de US$ 0,51 em 2018, a moeda se manteve em constante queda. Os ganhos voltaram em março quando a RCN alcançou US$ 0,16, mas logo o ativo voltou a cair e hoje vale US$ 0,02, segundo o CoinMarketCap.

A OST é outra criptomoeda lançada em 2017 com o objetivo de permitir que os usuários usem carteiras Ethereum em aplicativos convencionais para se beneficiar de micro transações. Após alcançar o seu pico de US$ 1,47 no início de 2018, o token desvalorizou de forma contínua ao longo dos anos e agora é negociada a US$ 0,004.

Publicidade

A WePower (WPR) é a moeda nativo de uma plataforma de comércio de energia verde baseada em blockchain. Assim como os outros ativos citados, ela também parou de valorizar após os picos de 2018 e agora a sua cotação não passa de US$ 0,008.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Epik Duck: Conheça o projeto que foi de piada a memecoin de US$ 25 milhões

Epik Duck: Conheça o projeto que foi de piada a memecoin de US$ 25 milhões

Memecoins como a EPIK estão se tornando cada vez mais populares no universo das criptomoedas. Isso é bom ou ruim?
Cofre dourado no formato de baleia receb moedas shiba inu SHIB

Baleias voltam a encher os bolsos de Bitcoin, mostra análise

A acumulação acelerada de baleias é um sinal de que o mercado altista do Bitcoin ainda está ativo
Imagem da matéria: Chainlink (LINK) valoriza em meio à atualização de pagamentos rápidos e corrida de ETFs de Ethereum

Chainlink (LINK) valoriza em meio à atualização de pagamentos rápidos e corrida de ETFs de Ethereum

A Chainlink é a criptomoeda do top 30 que apresenta o melhor desempenho hoje
Tela de celular mostra logotipo Drex- no fundo notas de cem reais

Banco Central adia Drex para realizar novos de testes de privacidade

BC explica que primeira fase de testes foi focada em elementos de privacidade, mas as soluções encontradas “ainda não estão maduras”