Imagem da matéria: Baleias estão mais famintas do que nunca por Bitcoin; Veja por quê
Shutterstock

Os maiores detentores de Bitcoin não se cansam de comprar a criptomoeda. De acordo com uma nova pesquisa da empresa de dados CryptoQuant, o “crescimento da demanda” das baleias nunca foi tão grande. 

Isso significa que os investidores que detêm a maior quantidade de BTC querem engordar seus bolsos ainda mais, captando os bitcoins despejados no mercado por mineradores que se preparam para o halving — evento que vai cortar pela metade as recompensas de BTC geradas por blocos minerados.

Publicidade

As baleias são investidores que acumulam grandes quantidades de Bitcoin (pelo menos 1.000 BTC, ou US$ 69 milhões na cotação atual) e não as tocam por anos. Como resultado, esses investidores obtêm grandes rendimentos — mesmo que parte significa das baleias representem empresas ou detentores institucionais.

“Atualmente, o crescimento da demanda desse grupo de investidores é o maior de todos os tempos”, disse a equipe da CryptoQuant ao Decrypt, acrescentando que esse crescimento promoveu aumentos de preços no passado recente.

A CryptoQuant acrescentou que a demanda dos “detentores permanentes” superou a criação de novos bitcoins pela primeira vez — e isso provavelmente levará a uma alta no preço do BTC após o halving neste mês.

Os efeitos do halving no Bitcoin

O halving está programado para ocorrer na próxima semana, um evento quadrienal que reduzirá pela metade as recompensas dos mineradores de Bitcoin. Espera-se que isso leve a uma maior escassez na quantidade de moedas no mercado. 

Publicidade

Leia também:Como saber o dia e hora que vai acontecer o halving do Bitcoin?

Alguns analistas afirmaram que o preço do ativo subirá como resultado — especialmente em combinação com o influxo de capital que flui para o espaço após a introdução de ETFs de Bitcoin à vista extremamente populares.

“Este ano, a demanda tem crescido muito mais rapidamente por causa dos ETFs“, disse um porta-voz da CryptoQuant. “Essas baleias incluem baleias novas, baleias antigas e também ETFs.”

O preço do Bitcoin disparou este ano: está sendo negociado atualmente por US$ 69.316 por criptomoeda, tendo atingido um novo recorde histórico de quase US$ 74 mil no mês passado. No início de 2024, o BTC estava cotado a menos de US$ 45 mil.

*Traduzido por Gustavo Martins com autorização do Decrypt.

VOCÊ PODE GOSTAR
Andrew Witty CEO da UnitedHealth Group

Empresa de saúde que teve sistema hackeado paga resgate de R$ 113 milhões em Bitcoin 

O CEO da Change Healthcare falou ao Senado dos EUA que pagar o resgate foi a “decisão mais difícil de tomar”
Imagem da matéria: '101 Perguntas sobre Bitcoin': Editora Portal do Bitcoin lança livro sobre a criptomoeda mais famosa do mundo

‘101 Perguntas sobre Bitcoin’: Editora Portal do Bitcoin lança livro sobre a criptomoeda mais famosa do mundo

A obra discorre os princípios técnicos da moeda até suas implicações socioeconômicas no contexto atual, de modo a proporcionar um entendimento profundo ao público geral
Nathalia Arcuri falando em evento

Mercado Bitcoin e Nathalia Arcuri firmam parceria de conteúdo via blockchain

Mercado Bitcoin e Nathalia Arcuri firmam parceria via blockchain e promovem educação financeira de criptoeconomia gratuita
Alexander Vinnik sendo escoltado para um tribunal na Grécia em 2017

Fundador da BTC-e se declara culpado de lavar R$ 45 bilhões em criptomoedas

A exchange do russo Alexander Vinnik teria processado entre 2011 e 2017 mais de um milhão de transações de usuários em todo o mundo, incluindo clientes dos EUA