criptomoedas
Foto: Shutterstock

Enquanto muitos observadores do mercado de criptomoedas assistem o Bitcoin (BTC) e Ethereum (ETH) se recuperar do terrível início de novo ano, algumas altcoins estão tomando a dianteira e acumulando ganhos significativos de preços.

O Bitcoin sobe tímidos 3,8% na semana, a valorização do ether no mesmo período fica por volta de 7,6%, segundo o CoinMarketCap. Mas, como foi o caso em 2022 até agora, as altcoins estão se saindo melhor.

Publicidade

Não muito tempo atrás, era raro ver tantos outros projetos disparando enquanto o bitcoin e ethereum permaneciam estagnados. Agora, semanas como esta estão se tornando uma tendência.

Nos últimos sete dias, os tradicionais líderes de mercado não permaneceram parados, mas certamente não estavam subindo tão alto quanto NEAR, o token da plataforma descentralizada Near Protocol. 

O NEAR subiu 43% na semana passada, atingindo um novo recorde histórico de US$ 20,38 na última sexta (14). Criptomoedas como Polygon (MATIC), Dogecoin (DOGE) e Terra (LUNA) também foram destaques.

Bitcoin e Ethereum

O bitcoin está subindo 3,8% em relação a uma semana atrás, negociado na manhã deste domingo (16) por US$ 43.167 (R$ 240 mil). Embora ainda esteja a quilômetros de seu antigo recorde de preço de US$ 68.790, o ativo parece estar em recuperação constante de sua queda vertiginosa no início da semana. 

Publicidade

Nas primeiras horas da manhã de segunda-feira (10), o bitcoin estava sendo negociado em torno de US$ 42.178, então entrou em queda livre até bater o fundo de US$ 39.867.

O Ethereum também caiu abaixo do limite simbólico de US$ 3 mil na última segunda. Neste final de semana, o ether é negociado a US$ 3.344, quase 11% a mais do que no último sábado.

No início da semana, um novo relatório do provedor de dados Kaiko concluiu que a correlação entre o preço do bitcoin, Nasdaq e S&P 500, está no nível mais alto desde julho de 2020. 

Isso significa que o bitcoin está sendo mais assimilado nos mercados financeiros tradicionais ao quais foi projetado para combater? Não necessariamente.

Publicidade

O relatório de Kaiko concluiu que os investidores nos mercados de bitcoin e ações estavam reagindo às notícias do Federal Reserve na semana passada. O Banco Central dos EUA dava sinais de que aumentaria as taxas de juros para fazer a transição para uma economia pós-pandemia. 

Portanto, investidores de bitcoin e ações — certamente tem alguma sobreposição — estão monitorando as mesmas notícias negativas. Mas ninguém pode ter certeza se a alta correlação atual se manterá por muito tempo.

Além disso, cripto foi um tema quente em Washington esta semana. Na terça-feira, o presidente do Fed, Jay Powell, anunciou que a entidade divulgará seu relatório sobre criptomoedas e moedas digitais do banco central (CBDC) nas próximas semanas.

Como muitos governos em todo o mundo, o Fed está especialmente interessado em pesquisar a viabilidade da implementação de CBDCs nos Estados Unidos, portanto, o relatório provavelmente incluirá uma discussão sobre o avanço de um possível dólar digital.

LUNA, DOGE, MATIC estão em alta

Além do NEAR, outras altcoins também desviaram o movimento de baixa do mercado cripto. Uma delas foi LUNA, o token da rede Terra que disparou 37% na semana. A criptomoeda é negociada por volta de US$ 86 no momento da redação desta matéria. 

Publicidade

A Terra tem crescido constantemente nos últimos dois meses. Vale a pena notar que, na época do Natal, o valor total bloqueado em projetos baseados na rede da Terra ultrapassou US$ 20 bilhões. 

Na semana passada, quando o preço da LUNA estava caindo, o TVL caiu para cerca de US$ 15 bilhões, mas cotações mais altas significam maior valor e, portanto, o TVL em  projetos na Terra estão de volta a cerca de US$ 19 bilhões, de acordo com a DeFi Llama.

A comunidade do Polygon também aproveitou a valorização de 24% do MATIC nos últimos sete dias, agora valendo US$ 2,38.

Finalmente, Dogecoin fecha o grupo com uma alta de 27% na semana. Atualmente, a DOGE vale apenas US$ 0,18, ainda muito distante do seu topo histórico de US$  0,74 alcançado em maio do ano passado, em meio ao bombeamento persistente de Elon Musk e o hype das criptomoedas meme.

Na última sexta-feira, a Dogecoin foi capaz de ultrapassar brevemente US$ 0,20 quando a loja da Tesla começou a aceitar a moeda como forma de pagamento para produtos de merchandising.

Portanto, após um difícil começo de ano, o mercado de criptomoedas está no verde em geral. Vai ficar assim? Vamos descobrir na próxima semana.

*Traduzido e editado com autorização do Decrypt.co

Talvez você queira ler
Imagem da matéria: Exchange de criptomoedas fecha e apressa clientes a sacar o quanto antes

Exchange de criptomoedas fecha e apressa clientes a sacar o quanto antes

A Bittrex decidiu encerrar todas as operações após não ser capaz de se recuperar de desafios regulatórios nos EUA
Imagem da matéria: FBI prende trio que fraudou bancos em US$ 10 milhões e converteu fundos em criptomoedas

FBI prende trio que fraudou bancos em US$ 10 milhões e converteu fundos em criptomoedas

Os golpistas faziam transações bancárias e alegavam que elas não eram autorizadas, convertendo depois os reembolsos em cripto
Imagem da matéria: BONK dispara 1.920% no mês com rumor de listagem na Binance

BONK dispara 1.920% no mês com rumor de listagem na Binance

Na segunda-feira, BONK foi capaz de atingir uma nova máxima histórica de US$ 0,000005
Moedas de bitcoin sob mesa escura com sigal ETF

Fundos de criptomoedas recebem maior entrada de investimentos em dois anos

Na semana passada, gestoras como Bitwise, Grayscale e ProShares viram a entrada de US$ 346 milhões, o dobro da semana anterior