Moeda de bitcoin semicoberta por bandeira nacional do Uruguai
Foto: Shutterstock

O presidente do Uruguai, Luis Alberto Lacalle Pou, assinou no último dia 5 de setembro a proposta de um projeto de lei que regula o setor de criptomoedas no país e que torna o Banco Central do Uruguai (BCU) a entidade reguladora do novo mercado. O documento deu entrada no Parlamento uruguaio na última quarta-feira (07).

Se aprovado pela Câmara dos Deputados e pelo Senado, a PL do executivo, ainda sem um nome, irá criar uma nova categoria de empresas específicas para o setor de criptomoedas, bem como alterar a lei orgânica do BCU para que os prestadores de serviços do país fiquem sob supervisão da Superintendência de Serviços Financeiros (SSF).

Publicidade

“O Banco [Central do Uruguai] exercerá a regulação e fiscalização das entidades que integram o sistema financeiro, qualquer que seja a sua natureza jurídica e se têm ou não status de pessoa jurídica”, diz um trecho do texto, também disponível no site Scribd.

No Brasil, o projeto de lei que regulamenta as criptomoedas segue aguardando votação pelo plenário da Câmara dos Deputados.

Projeto do Uruguai sobre criptomoedas

O texto do projeto uruguaio, criado pelo Ministério da Economia local, descreve o conceito de criptomoedas como “representação virtual de valor ou direitos contratuais que podem ser armazenados, transferidos e negociados eletronicamente por meio de tecnologia de contabilidade distribuída (DLT) ou tecnologias similares”.

Ele dá também o conceito também a corretoras cripto, stablecoins, e descreve como são negociados os ativos, o câmbio com moeda fiduciária, entre outros, e como seguir as normas do Grupo de Ação Financeira Internacional (Gafi) para prevenção da lavagem de dinheiro e financiamento ao terrorismo.

Além disso, o texto visa alterar as leis que regem o mercado de capitais, dando aos novo tipo de ativo o conceito de “valores mobiliários descentralizados”, que só podem ser emitidos por uma entidade registrada que cumpra os requisitos estabelecidos por lei e regulamento.

Publicidade

Criptomoedas no Uruguai

Em agosto de 2021, o senador uruguaio Juan Sartori, do Partido Nacional, já havia apresentado um projeto de lei que visava regular o bitcoin e todo o mercado de criptomoedas no país. Ao falar sobre a proposta, ele disse que o Uruguai queria ser pioneiro no mundo a estabelecer o uso legítimo, legal e seguro nos negócios relacionados à produção e comercialização de moedas virtuais.

O projeto de lei, contudo, ainda não obteve sucesso, comenta o site Coindesk, ressaltando  que também no ano passado, no mês de outubro, o BCU começou a trabalhar em um plano de trabalho para estabelecer as bases para a regulamentação de ativos digitais e empresas que oferecem esses serviços.

Quer investir em ativos digitais, mas não sabe por onde começar? O Mercado Bitcoin oferece a melhor e mais segura experiência de negociação para quem está dando os primeiros passos na economia digital. Conheça o MB!

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Manhã Cripto: Bitcoin abre semana em alta de 2,8%; Grandes investidores do Japão e EUA ganham exposição ao BTC

Manhã Cripto: Bitcoin abre semana em alta de 2,8%; Grandes investidores do Japão e EUA ganham exposição ao BTC

Wells Fargo dos EUA e a Metaplanet do Japão anunciaram novos investimentos no Bitcoin
Imagem da matéria: Ex-diretor da FTX deve pegar até 7 anos de prisão, pedem promotores dos EUA

Ex-diretor da FTX deve pegar até 7 anos de prisão, pedem promotores dos EUA

Ryan Salame foi um dos executivos da FTX que coordenaram a doação de milhões para campanhas políticas usando dinheiro dos clientes
Imagem da matéria: CEO da Grayscale deixa cargo: "Momento certo para transição"

CEO da Grayscale deixa cargo: “Momento certo para transição”

A Grayscale, uma das maiores gestoras de criptomoedas do mundo, anunciou que Michael Sonnenshein está deixando o cargo de CEO
Imagem da matéria: Desenvolvedor da Solana rouba R$ 1,6 milhão de investidores para apostar em jogos de azar

Desenvolvedor da Solana rouba R$ 1,6 milhão de investidores para apostar em jogos de azar

“O que vier a seguir está nas mãos de Deus”, disse o dev após assumir o roubo