Twitter e Elon Musk
Shutterstock

Nesta sexta-feira (22), o Twitter cancelou sua apresentação trimestral de resultados financeiros, usando como justificativa sua disputa judicial em andamento contra Elon Musk, o bilionário CEO da Tesla, cuja tentativa falha em desistir da planejada aquisição multibilionária da rede social, continua a todo o vapor.

“Devido à pendente aquisição do Twitter por uma afiliada de Elon Musk, não iremos realizar uma videoconferência de resultados, enviar uma carta aos acionistas ou fornecer orientações financeiras em conjunto com nosso relatório de resultados do segundo trimestre de 2022”, afirmou o Twitter em um comunicado.

Publicidade

Muitos participantes do setor cripto haviam apoiado a oferta de Musk em adquirir o Twitter na expectativa de que ele iria integrar elementos cripto à plataforma e pavimentar o caminho para a ampla adesão.

Até agora, o principal efeito da oferta de Musk tem sido na capacidade do Twitter em conduzir seu negócio.

No entanto, o Twitter divulgou um relatório com detalhes de seus resultados mais recentes.

No segundo trimestre, anunciou que seu número de usuários diários ativos aumentou em 16,6%, para 237,8 milhões, enquanto sua receita caiu em 1%, para US$ 1,18 bilhão. Segundo a empresa, a queda reflete “obstáculos na indústria publicitária” relacionados ao macroambiente — possivelmente a Ucrânia e as consequências pós-pandêmicas.

Também afirmou que a receita sofreu com a “incerteza relacionada à aquisição pendente do Twitter por uma afiliada de Elon Musk”.

Twitter, Musk e cripto

A relação conturbada da gigante rede social com Musk começou em abril quando o empreendedor concordou em comprar a empresa a US$ 54,2 por ação, avaliando a empresa em cerca de US$ 43 bilhões.

Publicidade

Dentre os financiadores de Musk, havia um grupo de empresas cripto, incluindo a Binance e a empresa de capital de risco cripto Andreessen Horowitz, e era de se esperar que ele iria implementar certos elementos Web3 à plataforma, como micropagamentos.

Porém, conforme as ações despencaram e a inflação disparou, Musk aparentemente ficou receoso, regularmente criticando a empresa e os executivos do Twitter na própria plataforma.

Por fim, em junho, ele tentou desistir completamente do acordo, afirmando que o Twitter falou em explicar o número de robôs que existem no aplicativo.

O Twitter nega, alegando que não houve menção dos robôs no contrato assinado por Musk e que o próprio bilionário alega que queria comprar a plataforma para “reprimir os robôs” — e abriu um processo contra Musk. A empresa espera fazê-lo comprar a empresa ou obrigá-lo a pagar US$ 1 bilhão.

Publicidade

Esta semana, um tribunal concordou em realizar uma audiência “acelerada” para que o processo inicie em outubro.

*Traduzido por Daniela Pereira do Nascimento com autorização do Decrypt.co.

Quer negociar mais de 200 ativos digitais na maior exchange da América Latina? Conheça o Mercado Bitcoin! Com 3,8 milhões de clientes, a plataforma do MB já movimentou mais de R$ 50 bilhões em trade in. Crie sua conta grátis!

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Hashdex entra com pedido para lançar ETF de Bitcoin e Ethereum nos Estados Unidos

Hashdex entra com pedido para lançar ETF de Bitcoin e Ethereum nos Estados Unidos

A gestora de fundos apontou no formulário de aplicação que terá como parceiros custodiantes dos ativos a Coinbase, LLC e a BitGo
Imagem da matéria: Manhã Cripto: Bitcoin segue em queda e perde os US$ 67 mil refletindo sinais do Fed

Manhã Cripto: Bitcoin segue em queda e perde os US$ 67 mil refletindo sinais do Fed

Mercado de criptomoeda caminha para fechar a semana no negativo após o Fed indicar apenas um corte de juros no ano, com o Bitcoin voltando para US$ 66 mil
martelo de juiz com logo da binance no fundo

Nigéria retira acusações contra executivos da Binance, mas mantém exchange na mira

Dois executivos da Binance foram afastados das acusações de evasão fiscal por uma agência nigeriana, mas ainda enfrentam um caso de lavagem de dinheiro
Tigran Gambaryan, chefe de compliance da Binance, posa para foto

Deputados pressionam Biden para trazer de volta aos EUA executivo da Binance detido na Nigéria

Em carta ao executivo, os deputados alegam que Tigran Gambaryan está na condição de refém do governo da Nigéria e corre risco de morrer de malária