Imagem da matéria: Tribunal do DF vai dar medalha de ouro de R$ 20 mil a servidor com 50 anos de carreira
Fachada do Tribunal de Justiça do Distrito Federal (Foto: TJDFT/Divulgação)

Um servidor do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT) vai receber uma medalha de ouro em homenagem pelos seus 50 anos de atividade. O custo da condecoração, a ser cunhada pela Casa da Moeda do Brasil, é de R$ 20 mil, sem licitação por inexigibilidade.

A informação consta de extrato publicado na edição desta quarta-feira (13) no Diário Oficial da União (DOU) e autorizada pelo desembargador Romeu Gonzaga Neiva, presidente do TJDFT.

Publicidade

No extrato junto ao DOU não constam o nome do servidor premiado, bem como a área na qual ele atua hoje.

O prêmio é previsto por lei, datada de 1961, e atualizada em 1964 e em 1981. Ela prevê a condecoração de servidores públicos com 50 anos ou mais de serviços ininterruptos e sem faltas graves.

A atualização de 1981 prevê que a verba para concessão do prêmio saia da instituição à qual pertence o servidor — no caso, o TJDFT. Nela também é prevista a Casa da Moeda como responsável por cunhar o objeto.

Embora prevista por lei, a concessão do prêmio chama a atenção diante de um cenário de escassez de recursos em razão da pandemia de coronavírus e seus efeitos sobre a economia brasileira.

Publicidade

Procurado pela reportagem, o Tribunal não se pronunciou a respeito da premiação até o fechamento deste texto.

Gastos questionados

O mau uso do dinheiro público foi um dos motivos alegados por um grupo de hackers para invadir uma base de dados do Exército brasileiro. Segundo os autores da ação, foram obtidas informações sensíveis de cerca de 200 mil integrantes da instituição militar.

“Queremos de vocês responsabilidade, seriedade em meio esse caos que vocês estão ajudando a promover e não 3 milhões para incentivo de uma mega aglomeração. Temos mais de 200k dados de soldados”, escreveu o grupo no Twitter.

De acordo com reportagem de 6 de maio da revista Veja, essa verba de R$ 3 milhões, liberada por meio de licitação, seria usada para custear eventos comemorativos do Exército ao longo do ano, como o Dia do Soldado (25 de agosto). Para essa data, inclusive, estaria prevista a presença de Bolsonaro, que é capitão reformado do Exército.

No dia seguinte, também de acordo com a Veja, o Exército anunciou a revogação da licitação.


Compre Bitcoin na Coinext 

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br

VOCÊ PODE GOSTAR
simbolo do dolar formado em numeros

Faculdade de Direito da USP recebe evento da CVM sobre democratização dos mercados de capitais

Centro de Regulação e Inovação Aplicada (CRIA) da CVM vai a “Tecnologia e Democratização dos Mercados de Capitais no Brasil” com transmissão ao vivo no Youtube
miniatura de homem sob pulpito e moeda gigante de bitcoin ao lado

Brasileiros não podem usar criptomoedas para fazer doações nas eleições municipais

A Procuradoria-Geral da República explicou as regras de doações para as eleições municipais de 2024
CEO do MB Reinlado Rabelo em evento da CVM na USP

“A Bolsa é sim lugar de startups”, diz CEO do Mercado Bitcoin em evento da CVM

Reinaldo Rabelo participou do evento do “Tecnologia e Democratização dos Mercados de Capitais no Brasil”
Nathalia Arcuri falando em evento

Mercado Bitcoin e Nathalia Arcuri firmam parceria de conteúdo via blockchain

Mercado Bitcoin e Nathalia Arcuri firmam parceria via blockchain e promovem educação financeira de criptoeconomia gratuita