Halving do bitcoin vai tirar alguns mineradores do mercado caso o preço não suba

Se o preço do Bitcoin não dobrar na próxima semana, alguns mineradores de bitcoin podem ter que dizer adeus ... ou operar no prejuízo

Volume de transações de Bitcoin alcança níveis de janeiro de 2018
(Foto: Shutterstock)


Faltam apenas três dias para o halving do bitcoin. Esse é um momento que muitos investidores esperam. Mas, para os mineradores de varejo, o entusiasmo – e a lucratividade – se esgotaram.

O iminente halving está destinado a abalar os mineradores, a menos que ocorra uma alta nos preços. Isso é de acordo com vários mineradores de varejo, a maioria dos quais já não apresentam lucratividade mesmo antes do halving.

A partir do corte, a recompensa por bloco do Bitcoin cairá de 12,5 BTC por bloco minerado para 6,25 BTC, reduzindo a lucratividade para todas as empresas.

Esse é certamente o caso do Sr. Kristof, um YouTuber de criptomoedas e, até recentemente, um minerador de Bitcoin. Falando ao Decrypt, Kristof explicou que ele teve que fechar suas operações devido à crescente falta de lucratividade.

“Também fiquei apreensivo em comprar mineradoras mais novas, pois o halving reduzirá esses lucros”, disse ele. “Simplesmente não faz sentido comprar novas máquinas com incerteza de mercado neste momento. O pós-halving vai piorar a situação das minhas máquinas atuais”.

Kristof não está sozinho.

O minerador de Bitcoin Mehran Fani disse que seu ponto de equilíbrio chegaria a US$ 13.500 a US$ 15.000 após o halving – um número que, sem dúvida, faria a grande parte dos mineradores fecharem no prejuízo, dado o preço do Bitcoin atualmente em torno de US$ 10.000.



“Mineradores se importarão mais com as maquinas mais eficientes na próxima temporada”, disse Fani, acrescentando que a alta taxa de falhas da Antminer s17 torna essas máquinas pouco confiáveis.

No que diz respeito à lucratividade da mineração de Bitcoin, existem vários fatores a serem considerados. O preço do Bitcoin, o custo da eletricidade, a eficiência da maquina de mineração e a dificuldade do Bitcoin. Se algum desses itens desequilibrar, a lucratividade poderá diminuir.

Rendimentos em queda

De fato, as condições de mineração de Bitcoin têm piorado constantemente para os players do varejo ao longo dos anos.

De acordo com um relatório recente de Alejandro De La Torre, o vice-presidente da Poolin – o maior pool de mineração de Bitcoin da China – hoje o setor de mineração possui “100 vezes o nível de concorrência” em comparação com os quatro anos anteriores. Isso é exacerbado pela eficiência cada vez maior dos equipamentos de mineração.

Como resultado, De La Torre alega que a maioria das mineradoras de varejo provavelmente irão falir após o halving.

“Esperamos que a maioria dessas mineradoras sejam fechadas após o halving”, argumentou De La Torre. No entanto, ele ressalta que alguns mineradores serão capazes de obter eletricidade barata o suficiente para sobreviver.

“Após o primeiro ajuste de dificuldade, algumas mineradoras mais velhos podem voltar a ligar, mas à medida que novos ASICS mais eficientes entrarem em operação nos próximos meses e os mineradores existentes encontrarem preços mais baixos de eletricidade, as mineradoras de geração antiga serão inevitavelmente eliminadas”, disse ele.

No entanto, nem todos os mineradores de varejo estão em mau estado; alguns formaram meios engenhosos de subverter a calmaria da lucratividade. Para Rene Marhold, uma produtora de contêineres de mineração, isso envolve a venda de energia extra de mineração.

“No momento, vendemos cerca de 2 MW para empresas”, disse Marhold ao Decrypt. “Isso significa um adicional de € 30 por MWh que ganhamos para [cada] Bitcoin, por isso produzimos muito mais barato, pois não jogamos fora essa energia.”

Marhold aconselha que outros mineradores possam se manter à tona vendendo o sobressalente também.

Existe, no entanto, outra maneira de sobreviver. Para que esses mineradores que vão operar no prejuízo voltem ao setor, o preço do Bitcoin precisaria pelo menos dobrar – quebrando sua máxima histórica de US$ 20.000. É possível, mas se isso realmente acontecerá é uma história diferente.

*Traduzido e republicado com autorização da Decrypt.co

Compre Bitcoin na Coinext 

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br