Imagem da matéria: Samsung vai distribuir NFTs na pré-venda do novo Galaxy S22
Foto: Shutterstock

Existe uma forma de alavancar ao máximo a publicidade em torno do lançamento de seu principal produto: incluindo um token não fungível (ou NFT, na sigla em inglês).

E é exatamente isso que a Samsung fez – pelo menos, para clientes na Coreia do Sul. Em parceria com o projeto cripto Theta Labs, a empresa de eletrônicos irá distribuir tokens NFTs para pessoas que ou compraram o smartphone Galaxy S22 ou o novo tablet S8 na pré-venda.

Publicidade

Os NFTs poderão ter “benefícios e privilégios contínuos de afiliação”, segundo o CEO e cofundador do Theta Labs. No entanto, um porta-voz da Theta não pôde revelar mais detalhes com o Decrypt sobre quais serão esses benefícios.

Theta Labs é a equipe por trás do projeto blockchain Theta Network, bem como do serviço de streaming de vídeos nativos a cripto chamado THETA.tv.

Theta Labs está levando sua rede ao nicho de e-sports e streaming de vídeos e incentivando a atividade em suas plataformas por meio do token nativo THETA.

O token está sendo negociado a US$ 3,64, subindo 1,17% na última semana, de acordo com o CoinMarketCap.

Espera-se que o novo sorteio de NFTs da Samsung também atraia usuários ao mercado NFT da Theta, chamado ThetaDrop.

Isso porque clientes que compraram o Galaxy S22 ou o Tablet S8 da Samsung na pré-venda podem resgatar seus NFTs ao se registrarem no ThetaDrop e inserirem um código exclusivo gerado em seu aplicativo “Samsung Members”.

Publicidade

As pré-vendas começaram na última quarta-feira (9) e os dispositivos serão oficialmente na próxima sexta-feira (25).

Essa não é a primeira investida da Samsung no mundo das criptomoedas nem sua primeira parceria com a Theta Network.

Samsung e cripto

Samsung NEXT, o braço de capital de risco da empresa sul-coreana, investiu no Theta Labs em 2019 como parte de seu foco em tecnologias emergentes, como inteligência artificial, blockchain, fintech e mais.

A empresa coreana acrescentou um Samsung Blockchain Keysore e Wallet a seus smartphones Galaxy em 2019, permitindo que usuários armazenassem suas chaves privadas de criptomoedas em Knox, um enclave seguro do dispositivo que está isolado do sistema operacional principal, e só pode ser acessado com um código de identificação pessoal (ou PIN) ou autenticação biométrica.

Outros smartphones Galaxy, incluindo os modelos S10 e S20, são compatíveis com a tecnologia e, em 2021, a Samsung acrescentou suporte para carteiras de hardware.

Publicidade

A empresa também entrou para o mercado de NFTs, acrescentando suporte para tokens não fungíveis à sua linha de televisões de 2022.

Um comunicado de imprensa junto com o anúncio destacou como usuários poderiam descobrir, adquirir e negociar “obras de arte digitais” por meio de suas televisões MICRO LED, Neo QLED e The Frame.

*Traduzido e editado por Daniela Pereira do Nascimento com autorização do Decrypt.co.

VOCÊ PODE GOSTAR
solana, criptomoedas,

Este evento vai fazer a Solana atingir US$ 400 este ano, projeta analista

Para analista da Merkle tree, a Solana pode disparar 170% este ano puxado por memecoins ligadas aos candidatos na eleição dos Estados Unidos
Imagem da matéria: BNDES planeja lançar em agosto o piloto da Rede Blockchain Brasil

BNDES planeja lançar em agosto o piloto da Rede Blockchain Brasil

Blockchain deve chegar com casos de uso: diploma digital pela Rede Nacional de Ensino e Pesquisa e uma cadeia de custódia de provas
Antônio Ais posa para foto ao lado de carro

Criador da Braiscompany, Antônio Neto Ais é solto na Argentina

O benefício de prisão domiciliar valerá até que o processo de extradição para Brasil seja resolvido
Costas de um policial de Hong Kong

Empresário e filho se entregam à polícia após sequestrarem investidora de criptomoedas

A dupla teria tentado acertar as contas com a mulher de 55 anos que teria intermediado um investimento de cerca de R$ 10 milhões em criptomoedas