Imagem da matéria: Reguladores dos EUA investigam culpa da Terraform Labs na morte do UST, diz Bloomberg
Foto: Shutterstock

Os reguladores da Comissão de Valores Mobiliários dos EUA (SEC) estão investigando se a Terraform Labs, empresa de Do Kwon que controla o ecossistema Terra, violou as leis americanas na forma como comercializou a stablecoin TerraUSD (UST) no país.

A informação foi revelada pela Bloomberg nesta quinta-feira (9) por uma fonte que pediu para não ser identificada por se tratar de uma investigação confidencial.

Publicidade

Segundo o delator, a SEC quer averiguar se a comercialização do UST no mês passado, antes do ativo perder seu lastro e ir a zero, infringiu os regulamentos federais de proteção ao investidor. 

Ainda não há mais detalhes sobre a investigação e qual seria a possível penalidade que a Terraform Labs e seus executivos poderiam sofrer, uma vez que a empresa é registrada em Singapura.

De qualquer modo, os investidores norte-americanos — assim como todos os outros no resto do mundo — sofreram prejuízos financeiros quando o UST desmoronou em maio ao perder seu lastro com o dólar americano. A morte da stablecoin desencadeou o colapso de todo ecossistema Terra, inclusive do token LUNA, e despertou a fúria dos reguladores.

A secretária do Tesouro dos Estados Unidos, Janet Yellen, chegou a citar a morte do UST como um motivo para pedir uma regulação mais rigorosa às stablecoins em 2022.

Publicidade

A SEC se recusou a comentar a investigação. Já a Terraform Labs disse à Bloomberg que não está ciente do trabalho dos reguladores no caso do UST. “Não recebemos tal comunicação da SEC e não temos conhecimento de nenhuma nova investigação além daquela envolvendo o Mirror Protocol”, disse Do Kwon ao veículo. 

Terra vs SEC

Como relembrou o empresário sul-coreano na sua resposta, a SEC já investiga a Terraform Labs pelo seu projeto Mirror Protocol.

O Mirror Protocol permite que os usuários negociem versões tokenizadas de ações listadas na bolsa de valores, como Tesla e Apple — algo que a SEC analisa ser legal ou não.

A investigação do projeto se arrasta desde outubro de 2021, quando a SEC intimou presencialmente Do Kwon durante uma conferência em Nova York.  

Publicidade

O processo ganhou um novo capítulo na quarta-feira (8), quando um tribunal dos EUA rejeitou um recurso apresentado por Do Kwon e reforçou a obrigação do empresário cumprir com os pedidos feitos pela SEC no âmbito da investigação.

O recurso de Kwon estava relacionado a uma intimação de fevereiro da SEC que pediu à Terraform Labs documentos relacionados ao Mirror Protocol e depoimentos sobre as operações do projeto.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Nvidia supera Microsoft e se torna a empresa mais valiosa do mundo

Nvidia supera Microsoft e se torna a empresa mais valiosa do mundo

A capitalização de mercado da Nvidia atinge US$ 3,34 trilhões, impulsionada por seu intenso foco em inteligência artificial e pesquisa ampliada em robótica
Ilustração do logotipo da criptomoeda Ethena (ENA) envolta a um gráfico de preço

Ethena Labs revolta comunidade ao forçar mudança na economia do token ENA

A exigência de bloqueio de 50% de tokens oriundos do airdrop provocou uma queda no preço do token ENA
Letras que formam a sigla ETF próximas a uma moeda dourada de Bitcoin (BTC)

ETFs de Bitcoin têm novo dia de saídas com fluxo de US$ 226 milhões liderado pela Fidelity

O único ETF de Bitcoin a ter entrada líquida na quinta foi o IBIT da BlackRock, o maior em valor patrimonial líquido, com fluxo positivo de US$ 18 milhões
Imagem da matéria: Hashdex entra com pedido para lançar ETF de Bitcoin e Ethereum nos Estados Unidos

Hashdex entra com pedido para lançar ETF de Bitcoin e Ethereum nos Estados Unidos

A gestora de fundos apontou no formulário de aplicação que terá como parceiros custodiantes dos ativos a Coinbase, LLC e a BitGo