Imagem da matéria: Paypal tem fila de espera para comprar bitcoin três vezes maior do que o projetado
Foto: Shutterstock

O tamanho da lista de espera dos interessados em obter acesso ao bitcoin e outras criptomoedas por meio do PayPal foi duas ou três vezes maior do que o esperado, afirmou na segunda-feira (02) Dan Schulman, CEO da gigante de pagamentos. As informações são da Fortune.

Disponível inicialmente para apenas 10% de seus usuários, o serviço já começa a ser oferecido para todos os usuários dos EUA nas próximas semanas. A expansão do projeto está planejada para o primeiro semestre de 2021.

Publicidade

A decisão do PayPal de oferecer suporte a criptomoedas foi saudada por especialistas na ocasião do anúncio como um divisor de águas para a indústria de criptomoedas em geral.

O PayPal permitirá que os usuários utilizem contas em criptomoedas para pagar por bens e serviços de 28 milhões de comerciantes que usam a plataforma. Ou Seja, comprar, vender e gastar bitcoin e outras criptomoedas. 

Do mesmo modo vai acontecer com o Venmo, serviço de pagamento ponto a ponto do PayPal, cujo sistema também foi preparado para o novo serviço com criptomoedas. A fintech não vai cobrar nenhuma taxa adicional por isso, afirmou o diretor.

Empresa mira parceria com bancos centrais

Schulman também descreveu planos para a criação de ferramentas com soluções voltadas para o varejo, bem como possíveis parcerias com bancos centrais.

Publicidade

Ele revelou inclusive que o PayPal já está em negociações bastante estreitas com bancos centrais e reguladores para explorar novos usos para essas carteiras.

“As carteiras digitais são um complemento natural para todas as formas de moeda digital”, disse Schulman, segundo a Fortune.

Ele apontou para o fato de que as empresas e os bancos centrais têm feito experiências com criptomoedas porque é um sistema mais barato e mais eficiente. Destacou também o crescimento das carteiras digitais.

Essas carteiras geralmente são equiparadas aos serviços de pagamento oferecidos pela Apple e pelo Google, mas também incluem aplicativos usados ​​para armazenar bitcoin e outros novos tipos fundos, explicou a revista.

PayPal e criptomoedas

Para a Fortune, qualquer tentativa de introduzir um serviço que transacione criptomoedas no dia a dia acaba dando de cara com um obstáculo, os reguladores do mercado.

Publicidade

A IRS, Receita Federal dos EUA, por exemplo, trata qualquer transação em criptomoedas como um evento tributável, como a venda de uma ação ou um imóvel.

Em tese, explica o artigo, significa que um usuário do PayPal que compra um café ou algum produto com uma conta de criptomoedas, pode ser forçado a declarar um ganho de capital.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Desenvolvedor da Solana rouba R$ 1,6 milhão de investidores para apostar em jogos de azar

Desenvolvedor da Solana rouba R$ 1,6 milhão de investidores para apostar em jogos de azar

“O que vier a seguir está nas mãos de Deus”, disse o dev após assumir o roubo
Imagem da matéria: Câmara dos EUA aprova projeto de lei para frear criação de CBDC

Câmara dos EUA aprova projeto de lei para frear criação de CBDC

O apoio à legislação ficou bastante dividido entre os partidos, com muito menos apoio dos democratas em comparação com outros projetos de lei envolvendo criptomoedas neste mês
Imagem da matéria: CEO da Grayscale deixa cargo: "Momento certo para transição"

CEO da Grayscale deixa cargo: “Momento certo para transição”

A Grayscale, uma das maiores gestoras de criptomoedas do mundo, anunciou que Michael Sonnenshein está deixando o cargo de CEO
moeda de Bitcoin ao lado de letreiro com ETF

Estado dos EUA investe R$ 510 milhões em ETF de Bitcoin da BlackRock

O investimento foi confirmado hoje pelo Conselho de Investimentos do Estado de Wisconsin (SWIB)