PAN, BMG e Inter lideram ranking de reclamações do Banco Central no 2º trimestre

Desde que começou a figurar entre as instituições financeiras com mais de 4 milhões de clientes, o PAN é presença frequente nas primeiras posições do levantamento do BC

Projetos com blockchain estão entre os 25 escolhidos para laboratório de inovação do Banco Central
Edifício-sede do Banco Central, em Brasília (Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil)


O Banco PAN superou o Inter e voltou a liderar o ranking de reclamações de clientes no país. As informações são de levantamento trimestral do Banco Central (BC), que divulgou nesta quarta-feira (15) os dados relativos ao segundo trimestre deste ano.

Nesse período, o Banco PAN recebeu índice 158,89 após ter recebido 794 queixas consideradas procedentes pelo BC —sua base é de 4,96 milhões de clientes. Em seguida aparecem o BMG, com índice 99,80, e o Inter — que liderou o ranking no trimestre anterior — com 97,92.

Esse índice é obtido a partir do número de reclamações reguladas consideradas procedentes, dividido pelo número de clientes e multiplicado por um milhão. Tal fórmula, de acordo com o BC, visa equilibrar as queixas em relação ao tamanho da instituição financeira.

Os cinco grandes bancos em operação no país aparecem a partir da quarta posição, ocupada pelo Santander. Em seguida a ele estão Caixa Econômica Federal, Bradesco, Banco do Brasil, Itaú, Banrisul e Banco CSF.

BancoÍndice
Banco PAN158,89
BMG99,80
Banco Inter97,72
Santander41,35
Caixa Econômica Federal26,45
Bradesco24,35
Banco do Brasil22,76
Itaú21,09
Banrisul19,83
Banco CSF S/A16,59
Fonte: Banco Central do Brasil

Os bancos que apresentam menos de 4 milhões de clientes são contabilizados em uma lista à parte. Nesse recorte, a liderança no índice de reclamações cabe à Facta Financeira (índice 559,96), seguida pelo Banco Digimais (340,24) e Banco Safra (281,71).

O que dizem as instituições

Controlado pelo BTG Pactual e pela Caixa Econômica Federal, o Banco PAN tem 4,99 milhões de clientes, segundo o ranking do BC. Desde que começou a figurar entre as instituições financeiras com mais de 4 milhões de clientes, o PAN sempre aparece nas primeiras posições do levantamento.

Procurado pela reportagem, o Banco PAN informou por meio de nota que trabalha consistentemente em medidas para melhorar e modernizar produtos, processos e a qualidade do atendimento ao consumidor. A instituição diz ainda contar com uma área dedicada a acompanhar o cliente durante toda sua jornada na instituição.



“A digitalização dos negócios, o investimento em ciência de dados e a consolidação do modelo ágil de trabalho também têm contribuído para melhorar a experiência do consumidor. O PAN reforça sua posição de respeito aos clientes e está à disposição em todos os seus canais de atendimento”, prossegue a nota.

Já o BMG, por sua vez, informou que o critério adotado pelo BC no ranking acaba desfavorecendo a instituição e que se coloca à disposição dos clientes em seus canais de atendimento.

“A atual posição do BMG no referido ranking do Banco Central se deve à classificação do banco que, ao ultrapassar a marca de 4 milhões de clientes, passou a ser equiparado às maiores instituições financeiras do País, deixando de ser um banco de médio porte. Desta forma, os critérios adotados pelo Banco Central acabam desfavorecendo a posição do BMG, pois a comparação é realizada com companhias detentoras de centenas de milhares de clientes”, disse a instituição, via assessoria de imprensa.

Também procurado pela reportagem para comentar o ranking, o Banco Inter não se manifestou até o fechamento deste texto.

Reclamações mais frequentes

O Banco Central também divulgou os motivos de reclamações dos clientes em relação às instituições financeiras. No período, a instituição contabilizou um total de 15.758 queixas, classificadas em 76 tipos diferentes de ocorrências.

A reclamação mais frequente, de acordo com o BC, foi referente a irregularidades quanto a integridade e segurança de operações e serviços com cartões de crédito (2.228). Em seguida aparecem irregularidades relacionadas a serviços com operações de crédito (2.050).


Compre Bitcoin na Coinext 

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br