Imagem da matéria: Minerador sortudo de Bitcoin desafia probabilidade, resolve bloco e fatura R$ 800 mil
Foto: Shutterstock

Aconteceu de novo: um minerador de Bitcoin individual e extremamente sortudo recebeu a recompensa total de 6,25 Bitcoins depois de, contra todas as possibilidades, resolver o bloco 803.821 da maior criptomoeda.

O evento ocorreu no dia 18 de agosto, com o minerador utilizando o serviço de mineração solo CKpool.

Publicidade

Em termos fiduciários, o minerador, identificado como bc1q2za4ejga366sn288273pty8trasn5zs4y9hqg6, ganhou cerca de US$ 160 mil (cerca de R$ 800 mil), menos 2% de taxas, que são mantidas pelo pool de mineração.

Con Kolivas, que supervisiona o Solo CKpool, parabenizou o vencedor, sugerindo que o minerador operava com um poder de hash de aproximadamente 1 PH/s (petahash por segundo), que é significativamente menor do que os principais pools de mineração de Bitcoin em escala industrial.

Embora a maioria dos mineradores tenha capacidades de poder de computação na faixa Exahash (EH/s) – Foundry, por exemplo, o maior pool de mineração de Bitcoin, atualmente possui até 123,64 EH/s – um minerador individual equipado com apenas alguns Petahash se encontra em uma desvantagem grosseira.

Na atual dificuldade de mineração de Bitcoin, que está perto de um recorde histórico de 52,39 trilhões de hashes, “um minerador desse tamanho só resolveria de bloco em média uma vez a cada 7 anos”, de acordo com Kolivas.

Ele também disse que o minerador sortudo possivelmente estava usando cerca de dez máquinas de mineração Antminer S17 Bitcoin para resolver o quebra-cabeça matemático e ganhar a recompensa.

Publicidade

Mineração de Bitcoin

No coração da rede Bitcoin está um processo chamado mineração – um mecanismo crucial que verifica as transações e protege a rede, bem como introduz novos bitcoins em circulação.

É um empreendimento computacional que aproveita o poder de computadores de alto desempenho para resolver quebra-cabeças matemáticos complexos. Os mineradores competem para resolver esses quebra-cabeças, com o vencedor tendo a chance de adicionar um novo bloco de transações ao blockchain.

Apesar das probabilidades, a probabilidade de um minerador solo de Bitcoin ocasionalmente produzir um hash válido ainda existe. É aqui que a Solo CKpool apostou em seus negócios, atendendo a mineradores que possuem “equipamentos de mineração mais antigos/ineficientes que provavelmente não renderão recompensas por meio da mineração padrão, mas ainda desejam se envolver na mineração como uma forma de loteria”.

Somente este ano, mineradores individuais usando o Solo CKpool já encontraram até dez blocos, de acordo com o BTC.com, com a instância mais recente totalizando 277 blocos validados na história do pool.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: ABCripto lança campanha de arrecadação de criptomoedas em apoio a vítimas de enchentes no RS

ABCripto lança campanha de arrecadação de criptomoedas em apoio a vítimas de enchentes no RS

Ação conjunta da ABcripto e associados visa levantar fundos e doações para desabrigados das inundações
Imagem da matéria: Minerador sortudo de Bitcoin resolve bloco sozinho e fatura R$ 1 milhão

Minerador sortudo de Bitcoin resolve bloco sozinho e fatura R$ 1 milhão

Minerador solo completou o bloco 843.231 do Bitcoin usando software da CKpool
Donald Trump é fotografado em comício nos EUA

Trump agora aceita doações em Bitcoin e cumpre promessa com relação às criptomoedas

Bitcoin, Ethereum, Dogecoin, Solana, Shuba Inu e XRP estão entre criptomoedas aceitas pela candidato Donald Trump 
Imagem da matéria: Merge Madrid: encontro Web3 promete unir Europa e América Latina em outubro

Merge Madrid: encontro Web3 promete unir Europa e América Latina em outubro

De 8 a 10 de outubro, pontos chave da cidade de Madri atrairão o ecossistema Web3 sob uma perspectiva de negócios, legal e técnica