Imagem da matéria: Manhã Cripto: Bitcoin (BTC) decola quase 6%; GAS Consultoria leva multa de R$ 102 milhões e BC adia prazo do Drex 
(Foto: Shutterstock)

O mercado de criptomoedas segue embalado nesta quarta-feira (30) pela decisão favorável da Justiça dos EUA para a possível conversão do maior fundo de Bitcoin do mundo em um ETF de BTC à vista. Na renda variável, os principais índices acionários revertem os ganhos da madrugada com novos dados que mostraram avanço da inflação na Alemanha e na Espanha. 

O Bitcoin (BTC), que atingiu a marca de US$ 28 mil na terça, sobe 5,6% nas últimas 24 horas, para US$ 27.410,91, segundo dados do Coingecko.  

Publicidade

Exchanges descentralizadas receberam cerca de 30 mil bitcoins antes da vitória da gestora Grayscale nos tribunais que obriga a SEC a revisar o pedido para transformar seu Grayscale Bitcoin Trust em um ETF de BTC à vista. 

Em reais, o BTC avança 5,2%, cotado a R$ 133.683,12, de acordo com o Índice do Portal do Bitcoin (IPB).   

O Ethereum (ETH) ganha 4,6%, negociado a US$ 1.717,49.  

As altcoins acompanham os ganhos, com destaque para BNB (+3,6%), XRP (+3,1%), Cardano (+2%), Dogecoin (+4,5%), Solana (+6,6%), Polkadot (+1,1%), Polygon (+5%), Shiba Inu (+2,4%) e Avalanche (+2,3%). 

Mercado reage à vitória da Grayscale  

A decisão favorável de um tribunal federal dos EUA sobre o pedido da gestora Grayscale Investments para converter seu Grayscale Bitcoin Trust (GBTC) em um fundo de índice (ETF) de BTC à vista foi comemorada por especialistas e traders de criptomoedas. 

Publicidade

A sentença obriga a SEC, agência que regula os valores mobiliários nos EUA, a revisar sua negativa ao produto e pode abrir caminho para o primeiro ETF de Bitcoin spot no mercado americano. 

“Embora isso não signifique a conversão imediata do veículo de investimento, é uma vitória muito importante para a indústria e deve acelerar o processo para a aprovação dos ETFs spot nos EUA. Gradativamente, a SEC vai ficando encurralada e sem argumentos válidos para negar tal produto financeiro”, disse Vinícius Bazan, analista de criptoativos da Empiricus Research, em entrevista ao Portal do Bitcoin

“O mais provável é que a SEC venha a aprovar a conversão do GBTC e, consequentemente, outros pedidos de ETF também, como os da BlackRock, Ark e Fidelity”, acrescentou. “Cada vez mais se torna uma questão de ‘quando’, e não ‘se’, os ETF spot serão aprovados.” 

A SEC tem 45 dias para decidir se vai acatar a decisão, solicitar que todo o tribunal federal de apelações em Washington revise a sentença ou encaminhar um recurso diretamente para a Suprema Corte. A agência disse na terça-feira que está revisando a decisão. 

Publicidade

Apesar da sentença favorável, não há garantia legal para que a Grayscale fure a fila de pedidos para o lançamento de um ETF de Bitcoin à vista nos EUA, disse ao Financial Times Teresa Goody Guillén, sócia da BakerHostetler.  

Advogados disseram ao FT que a Grayscale teria que registrar um novo pedido para seu ETF. E também não há garantia de que será aprovado, pois a SEC pode rejeitá-lo por outros motivos. 

Além disso, vários especialistas avaliaram que o pedido da gestora brasileira Hashdex para lançar o mesmo produto no mercado americano tem grandes chances de aprovação, devido à escolha de trabalhar com uma bolsa regulada, a CME. 

Nate Geraci, presidente da consultoria financeira The ETF Store, descreveu a proposta da Hashdex/NYSE como uma “jogada brilhante”, segundo o Financial Times

A SEC tem até sexta-feira, antes do fim de semana do feriado do “Labor Day”, para responder às solicitações de registro da Bitwise, BlackRock, VanEck, WisdomTree e Invesco. Grande parte do mercado acredita que a reguladora vai adiar a decisão para outubro. 

Publicidade

Maior fundo de Bitcoin do mundo 

O Grayscale Bitcoin Trust é o maior fundo de Bitcoin do mundo, com ativos de US$ 17,4 bilhões. O fundo teve o maior ganho desde julho de 2021 depois da decisão judicial favorável. 

As ações do GBTC deram um salto de 17% na terça-feira (29), o que reduziu seu desconto em relação aos ativos do fundo para cerca de 18%, em comparação com uma diferença de quase 50% em dezembro, mostram dados da Bloomberg

No entanto, especialistas alertam que só o fato de o fundo ainda ser negociado com desconto pode ser um sinal de que os investidores não apostam em uma conversão rápida do GBTC em um ETF. 

Fundo ETF de Bitcoin à vista 

O potencial do mercado para ETFs de Bitcoin à vista pode girar em torno de US$ 150 bilhões, semelhante ao valor de ativos em fundos de índice atrelados à cotação do ouro, de acordo com Eric Balchunas, analista da Bloomberg Intelligence. Como consultores financeiros administram cerca de US$ 30 trilhões em ativos nos EUA, seria necessária apenas uma alocação de cerca de 0,5% para impulsionar os ETFs de Bitcoin para US$ 150 bilhões, acrescenta. 

Em artigo no portal Inteligência Financeira, André Franco, chefe de pesquisa do MB, destaca que a aprovação da SEC seria o sinal verde para que grandes instituições dos EUA busquem exposição ao Bitcoin. 

“Se a objeção do regulador para aprovar o ETF de Bitcoin foi, até hoje, uma preocupação com a manipulação do mercado, uma decisão positiva é um endosso à confiabilidade do BTC e do mercado cripto no geral”, avalia Franco. 

Publicidade

“Além disso, há uma ‘consequência positiva acessória’, que é a praticidade. Para grandes instituições, fazer a própria custódia de ativos digitais não é vantajoso, e um ETF ligado ao preço do Bitcoin resolve essas dores de gestão”, ressalta. 

CVM multa Faraó do Bitcoin

A diretoria da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) condenou na terça-feira (29) Glaidson Acácio dos Santos, conhecido como o “Faraó do Bitcoin”, sua ex-esposa Mirelis Diaz e a empresa fundada pela dupla, a GAS Consultoria, por operação fraudulenta e oferta de títulos mobiliários sem registro, segundo a Folha de S. Paulo

A multa foi dividida em R$ 34 milhões para cada um, e agência os proibiu de atuar no mercado por 102 meses. Santos, Diaz e a GAS Consultoria podem recorrer ao Conselho de Recursos do Sistema Financeiro Nacional, embora não tenham apresentado defesa no julgamento da CVM, de acordo com o jornal. 

“Ficou amplamente demonstrado pela Acusação o abalo ‘gravíssimo’ e ‘sistêmico’ provocado pelo esquema à credibilidade, transparência e integridade do mercado de valores mobiliários”, escreveu em seu voto o presidente da CVM, João Pedro Nascimento. 

Em resposta à Folha, a defesa de Diaz disse “repudiar decisão, alegando que ela não participava da gestão das empresas identificadas como grupo GAS”, cuja falência foi decretada em fevereiro. O jornal não conseguiu entrar em contato com a defesa de Santos. 

CPI das Pirâmides 

Preso na penitenciária federal de Catanduvas, no interior do Paraná, o Faraó do Bitcoin também é alvo de investigação na CPI das Pirâmides Financeiras, acusado de um golpe na casa de bilhões de reais que usou criptomoedas como isca. 

Nesta quarta-feira (30), a comissão analisa a convocação de novas testemunhas: Jair Renan, o filho “zero quatro” do ex-presidente Jair Bolsonaro, por seu envolvimento com uma empresa de tokens que se desvalorizaram, e o pai do jogador Neymar, por ter intermediado um patrocínio entre o Santos e a casa de apostas Blaze. 

Outros destaques das criptomoedas  

O Banco Central adiou para 3 de novembro o prazo final para a configuração dos nós dos consórcios participantes do projeto-piloto do real digital (Drex) na rede Hyperledger Besu, apurou o Valor Econômico. Um dos motivos seria dificuldade que alguns consórcios enfrentam para instalar seus nós devido à exigência feita pelo BC de uma largura de banda de 10 megabytes por segundo para a conexão na Rede do Sistema Financeiro Nacional (RSFN) para os participantes do Drex. 

Em meio a um documento secreto protocolado pela Sec que preocupa investidores, a Binance lançou uma plataforma que permitirá a transferência de criptos por meio do Binance Pay em nove países da América Latina. Chamada de Send Cash, a ferramenta vai possibilitar que usuários transferiram fundos digitais a custos reduzidos mais rapidamente por meio de provedores licenciados, disse a Binance em comunicado na terça-feira. 

A plataforma estará disponível primeiro na Colômbia, Honduras, Guatemala, Argentina, Costa Rica, Paraguai, República Dominicana, Panamá e México. Os usuários dos nove países podem enviar fundos para contas bancárias na Colômbia e na Argentina na primeira fase do lançamento. 

A plataforma de negociações online Robinhood Markets, cuja entrada no mercado cripto há vários anos foi impulsionada pela gigante Jump Trading, encerrou sua parceria com a empresa, disse uma pessoa familiarizada com o assunto ao CoinDesk. 

A plataforma cripto livre de taxas da Robinhood depende de formadores de mercado, os chamados “market makers”, para garantir o bom funcionamento das operações de seus bilhões de dólares em volume negociado. Mas a Jump tem se afastado do mercado dos EUA em meio a um maior escrutínio regulatório. A Robinhood não comentou, enquanto a Jump ainda não respondeu a um pedido de comentário. 

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Solana lança atualização para aliviar problema de congestionamento da rede

Solana lança atualização para aliviar problema de congestionamento da rede

“Esta versão contém melhorias que ajudarão a aliviar o congestionamento contínuo na Rede Solana”, afirmou a conta de atualização do projeto
Imagem da matéria: FBI intima participantes de evento de 2022 após roubo de dev do Bitcoin Core

FBI intima participantes de evento de 2022 após roubo de dev do Bitcoin Core

Dashjr, cofundador do pool de mineração Ocean, teve um montante de Bitcoin roubado que hoje vale mais de US$ 14 milhões
Imagem da matéria: Transfero se une à Fuse Capital e lança joint venture para modernizar mercado financeiro com blockchain

Transfero se une à Fuse Capital e lança joint venture para modernizar mercado financeiro com blockchain

BRX Finance busca aproveitar as potencialidades da blockchain para criar uma infraestrutura financeira mais eficiente, acessível e transparente para todos os brasileiros
Imagem da matéria: Jogue e ganhe Bitcoin: os melhores jogos para iOS e Android que pagam BTC

Jogue e ganhe Bitcoin: os melhores jogos para iOS e Android que pagam BTC

Você pode acumular satoshis enquanto joga jogos Bitcoin no iOS e Android – e isso é realmente divertido