Imagem da matéria: Jogo NFT brasileiro impõe taxa de 46% para dificultar venda de tokens
Imagem: Divulgação/Mafagafo

Os desenvolvedores brasileiros do jogo NFT Mafagafo, tomaram uma medida drástica para impedir que jogadores vendam o token MAFA: aumentaram em 46% a taxa de venda da criptomoeda.

O anúncio foi feito na madrugada desta sexta-feira (25) aos mais de 97 mil membros do grupo do Telegram. A guerra entre Rússia e Ucrânia teria motivado a decisão de dificultar os saques dos investidores.

Publicidade

“Devido ao conflito Rússia-Ucrânia que começou ontem à noite e abalou o mercado internacional, para preservar a saúde do token e dos investidores, a taxa de venda do token foi ajustada para 46%, evitando assim um Panic Sell”, diz a nota.

A equipe do jogo se refere ao evento no qual investidores entram em pânico com a queda de preços de uma criptomoeda e decidem vender suas posições para evitar um prejuízo maior.

A nota explica que os jogadores ainda podem vender a MafaCoin (MAFA) em exchanges descentralizadas como PancakeSwap, mas deverão arcar com as altas taxas. 

Com esse empecilho imposto pelos desenvolvedores para impedir que jogadores negociem livremente a criptomoeda, os preços estão decolando.

Sem vendas, moeda valoriza

A MafaCoin opera em alta de 67% nas últimas 24 horas, valorização que faz sua cotação chegar a um novo topo histórico de R$6,80 nesta manhã, segundo o CoinGecko.

Publicidade

Nas redes sociais, os usuários indignados reclamam que não conseguem vender os tokens e apontam manipulação de preços. “Libera a venda de MAFA pra gente ver o verdadeiro valor, do jeito que está qualquer token sobe”, escreveu o usuário @ls_camargo em um post do Instagram oficial do jogo.

Além dele, diversos outros jogadores fazem reclamações parecidas, como Bruno Almeida: “Se alguém tá precisando de dinheiro, tem o token e quer vender, precisa pagar 46% de taxa. Tão querendo subir a moeda numa palhaçada dessa. O importante é o dinheiro de cada um e sua liberdade de decidir”.

O usuário da declaração acima detalhou ao Portal do Bitcoin qual o efeito prático da medida para um jogador: “Se você compra US$ 100 dos tokens MAFA, mas por alguma razão precisa do dinheiro e decide voltar atrás para dólar, só vai receber US$ 54”.

Na visão do jogador que possui NFTs do Mafagafo, isso vai impactar a economia do token. “Quando tirarem essa taxa o token vai desvalorizar muito porque o preço atual não representa um crescimento natural de compra e venda balanceado”, projeta.

Publicidade

O jogador Vitor Rezende disse à reportagem que por dois dias estava com dificuldade de vender MAFA. “Só consegui fazer o saque hoje de manhã pela Poocoin e só consegui sacar porque tive que colocar 99% de slippage, que é a porcentagem de até quanto você está disposto a perder com a operação”, explica.

Na nota oficial, a equipe do Mafagafo explicou porque o preço do token estava subindo, mas sem citar a queda das vendas como um fator de alta: “Como os investidores estão injetando dinheiro no pool, naturalmente o token aumentará. Além disso, amanhã haverá um evento da parceria entre MAFA e Sciensa, que traz grande força ao projeto MAFAGAFO”.

O lado do Mafagafo

A reportagem tentou contato com a equipe do Mafagafo pelo Discord para entender melhor o aumento das taxas e recebeu como resposta um vídeo divulgado no Telegram do day trader André Antunes, um dos embaixadores do Mafagafo, dando mais detalhes sobre a decisão:

“Essa taxa saiu de 7% para 46% por questão de proteção de risco sistêmico. Não é a primeira vez que a gente toma essa atitude para a proteção dos investidores, proteção do projeto e também um ganho depois na queima das taxas”.

Ele conta que esse mecanismo de taxa já foi implementado durante o “inverno cripto” quando tokens de jogos como CryptoCars e CryptoPlanes desabaram. Além disso, justificou que no mercado tradicional esses mecanismos de segurança são comuns, como o Circuit Breaker que pausa as negociações de uma bolsa de valores após quedas bruscas das ações.

Publicidade

Antunes declarou ainda que a decisão de aumentar as taxas foi apoiada por toda comunidade — embora os comentários nas redes sociais mostrem o contrário —, e que recebeu a “benção” das baleias que detém a maior parcela de tokens e que mantém diálogo contínuo com os desenvolvedores do jogo através de um grupo.  

 À medida que o mercado cripto não mais reage de forma negativa aos acontecimentos geopolíticos e o bitcoin sobe 9,2% nesta sexta, a equipe do jogo decidiu diminuir as taxas de forma gradativa a partir de sábado (26), caindo 5% por dia até voltar ao nível normal.

O que é Mafagafo?

Desenvolvido por um grupo de brasileiros, Mafagafo é um jogo play-to-earn que vai se passar em um ilha paradisíaca onde os jogadores poderão jogar com as aves conhecidas como Mafagafos.

“A competição é parte da essência dessas aves. Pode se manifestar na pesca, corrida ou obstáculos desafiadores! Para cada rodada, o desafio é escolhido aleatoriamente entre os disponíveis para a temporada. Os mapas têm dificuldades únicas, rotas e surpresas desafiando os jogadores a se adaptarem a novas situações”, descreve o white paper do jogo que tenta ser uma espécie de Fall Guys com NFTs.

Para ganhar recompensas, o usuário deve comprar tokens MAFA para adquirir caixas misteriosas que contém os NFTs. Atualmente o jogo está na sua versão beta, com o lançamento oficial previsto para março.

A startup que desenvolve o jogo é de Davi Braga, filho do empresário João Kepler. Segundo o Brazil Journal, foi através da Bossa Nova Investimentos, a gestora de Kepler, que a equipe por trás do Mafagafo conseguiu o investimento para construir o jogo.

Publicidade

*ATUALIZAÇÃO

Após a publicação da matéria, as empresas MAFA TECH e Sciensa que representam o jogo Mafagafo, enviaram a seguinte declaração:

“O projeto não está impedindo que a comunidade negocie livremente a criptomoeda, apesar do aumento das taxas, a ação foi tomada por questão de proteção de risco sistêmico. Reiteramos que o foco sempre será a proteção dos investidores e do projeto. Dessa forma, queremos deixar claro que nenhum membro da comunidade foi impedido de comprar ou vender mafacoin durante o período. Além disso, esclarecemos que as taxas voltarão ao valor normal dentro de 4 dias mediante redução gradual de 5% ao dia que já está ocorrendo. Vale ressaltar que todas as moedas provenientes de taxas desse período serão direcionadas para a Wallet de BURN, ou seja, todo o lucro que as taxas elevadas geraram serão queimados. A MAFA Tech e a Sciensa possuem vasta experiência em seu mercado de atuação, sempre fizeram de tudo para promover e estabelecer a verdade e transparência com o público”.

VOCÊ PODE GOSTAR
Joe Biden posa para foto

Biden expulsa mineradora cripto chinesa de área próxima a base militar: “Risco de espionagem”

O governo afirma que a MineOne possui equipamentos especializados de origem estrangeira potencialmente capazes de facilitar atividades de vigilância e espionagem
Imagem da matéria: Governo proíbe uso de  criptomoedas em apostas esportivas

Governo proíbe uso de criptomoedas em apostas esportivas

Secretaria de Prêmios e Apostas vetou o uso de criptomoedas para apostas e pagamentos
Moedas de bitcoin sob mesa escura com sigal ETF

ETFs de Bitcoin têm entrada de US$ 303 mi, impulsionados por Fidelity e Grayscale

Os fluxos de entrada de ETFs de Bitcoin à vista nos EUA atingiram uma alta de US$ 303 milhões em duas semanas, já que o preço do Bitcoin ultrapassou US$ 66 mil
Imagem da matéria: Minerador sortudo de Bitcoin resolve bloco sozinho e fatura R$ 1 milhão

Minerador sortudo de Bitcoin resolve bloco sozinho e fatura R$ 1 milhão

Minerador solo completou o bloco 843.231 do Bitcoin usando software da CKpool