Imagem da matéria: FTX adquire fintech japonesa para ampliar sua presença na Ásia
Foto: Shutterstock

A corretora de criptomoedas FTX está no processo de adquirir a fintech japonesa Liquid Group e todas as suas subsidiárias, segundo um comunicado de imprensa.

Como parte do acordo, a FTX também terá controle da Quoine, uma das primeiras corretoras cripto japonesas registradas com a Agência de Serviço Financeiro (ou FSA, na sigla em inglês) do país em 2017.

Publicidade

A FSA concedeu uma licença Tipo 1 de Negócios de Instrumentos Financeiros à Quoine, permitindo que ofereça derivativos a seus clientes.

Embora os termos do acordo ainda não tenham sido anunciados, o comunicado de imprensa afirma que a finalização do acordo será em março deste ano.

Se as condições do acordo forem atendidas, a partir de 30 de março, a plataforma da Quoine vai começar a integrar gradualmente produtos e serviços da FTX enquanto clientes japoneses da FTX serão migrados para a plataforma.

A rápida expansão da FTX

Por ser a segunda corretora mais popular do mundo após a Binance, a FTX é uma das empresas cripto de crescimento mais rápido.

Publicidade

Em 2020, adquiriu a rastreadora de portfólio cripto Blockfolio por US$ 150 milhões e anunciou planos de colaborar com a equipe da Blockfolio para desenvolver um aplicativo de negociação ao varejo. Em 2021, o aplicativo da Blockfolio foi renomeado para FTX.

Em agosto de 2021, a FTX ajudou a Liquid Global (a empresa que acabou de comprar) com um empréstimo de US$ 120 milhões para recuperar perdas de um ataque de US$ 90 milhões que comprometeu as carteiras digitais da Liquid.

No primeiro mês deste ano, a entidade americana da FTX foi avaliada em US$ 8 bilhões após uma rodada de financiamento “series A” (quando uma empresa já demonstra seu potencial de crescimento e de geração de receita) de US$ 400 milhões de investidores como Paradigm, Temasek, Multicoin Capital, Lightspeed Venture Partners e SoftBank Vision Fund 2.

A FTX arrecadou mais US$ 400 milhões em uma rodada de financiamento “series C” (para reforçar suas operações e continuar crescendo) uma semana depois.

Publicidade

Todos os investidores que participaram do financiamento da FTX US também participaram da rodada da FTX. Agora, a corretora está avaliada em US$ 32 bilhões.

Nos últimos meses, a corretora também esteve em uma onda de patrocínio. Em março de 2021, a corretora comprou os direitos de nomeação da arena Miami Heat por 19 anos e o estádio se tornou a FTX Arena.

Nos oito meses seguintes, a FTX fechou acordos com a Liga Principal de Beisebol (ou MLB), o Golden State Warriors, o Wizards (time da Associação Nacional de Basquete ou NBA) e Capitals (time da Liga Nacional de Hóquei ou NHL) de Washington e a gigante equipe de e-sports de Los Angeles TSM.

*Traduzido e editado por Daniela Pereira do Nascimento com autorização do Decrypt.co.

VOCÊ PODE GOSTAR
Celular com logotipo da BInance

Binance vai suspender saques e depósitos de Ethereum para manutenção; veja data e hora

No planejamento da Binance, os serviços serão reabertos assim que a rede for considerada estável
Hacker com capuz sorri no escuro

“Fizemos besteira”: Gala Games confirma hack de de R$ 1,2 bilhão

Um invasor usou um exploit para cunhar e roubar 5 bilhões de tokens da Gala Games (GALA)
Imagem da matéria: 5 coisas para saber sobre o lançamento do token do Notcoin

5 coisas para saber sobre o lançamento do token do Notcoin

Quando o token NOT será lançado? Qual o futuro para a Notcoin? É melhor fazer stake dos tokens? Preparamos um resumo para você
Imagem da matéria: 8 ETFs de Ethereum à vista são aprovados pela SEC nos EUA

8 ETFs de Ethereum à vista são aprovados pela SEC nos EUA

Expectativa agora é que Ethereum possa renovar sua máxima histórica de novembro de 2021 e passar com folga a marca dos US$ 5 mil