Sam Bankman-Fried da FTX falando em vídeo
Sam Bankman-Fried no DealBook Summit de 2022 (Foto: Reprodução)

Em seu período na cadeia, Sam Bankman-Fried quase sofreu uma tentativa de extorsão, passou tempo ensinando técnicas de trade para os colegas de cárcere e mostrou uma forte crença de que não passará mais que 20 anos preso — mesmo que todos os indícios apontem para muito mais tempo.

Os relatos são de Gene Borrello, um ex-membro de máfia que se tornou informante do governo e que conviveu com o fundador da FTX nos últimos meses. 

Publicidade

Borrello saiu da prisão em setembro e deu uma entrevista para a influencer cripto Tiffany Fong, publicada no X na quinta-feira (30). O ex-presidiário afirma que conviveu de forma amistosa com SBF, já que dividiam o mesmo dormitório. 

Ambos estavam em uma ala especial do Brooklyn Metropolitan Detention Center, destinada para informantes e presos com muito dinheiro, por conta dos riscos de serem alvos de extorsão entre a população carcerária comum. 

Mas mesmo na unidade especial, Borello afirma que SBF foi alvo de hostilidades de presos que disseram que ele poderia ser extorquido. “Eu ficava dizendo: ‘Não é perigoso aqui. Você não precisa de proteção. Não se preocupe com isso. Você não precisa pagar nada a ninguém. Não dê ouvidos a essas malditas crianças’”. 

Borello inclusive afirma que foi para a solitária por 80 dias quando um outro preso tentou confrontá-lo por ser amigável com Sam. O informante mostra uma notificação que supostamente prova o relato. 

Publicidade

O colega de SBF lembra que o fundador da FTX estava em uma forte negação sobre sua situação legal. “Ele simplesmente não entendia os problemas que estava enfrentando”, disse Borrello. “Estávamos tentando explicar a ele que são os federais, você é acusado de roubar bilhões de dólares. Ele simplesmente não entendeu o quão ferrado estava até que começamos a contar a ele”. 

Leia também: Na prisão, criador da FTX já trocou peixe por corte de cabelo e dividiu cela com ex-presidente de Honduras

O empresário mostrava acreditar que passaria no máximo 20 anos preso. Borrello afirma que tentou acordá-lo para a realidade. “Continuei tentando explicar: ‘Você nunca mais verá o lado de fora da prisão’”. 

Outro ponto destacado por Borrello é que SBF não tomava banho, não fazia exercícios físicos e demonstrava extrema timidez em qualquer contato. O informante chegou a aconselhar o empresário a retomar hábitos de higiene. “Não sei porque ele não tomava banho. Talvez não seja a dele”.

Publicidade

Sam Bankman-Fried foi condenado no dia 2 de novembro em todos os sete crimes de fraude e conspiração movidos contra ele pelo governo dos EUA, encerrando a saga da incrível ascensão e espetacular queda da exchange de criptomoedas FTX.

O empresário pode pegar uma pena máxima de 115 anos de prisão. Sua sentença será fixada no dia 28 de março do ano que vem e seus advogados devem apelar da condenação.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: MicroStrategy levanta US$ 800 milhões para comprar mais Bitcoin

MicroStrategy levanta US$ 800 milhões para comprar mais Bitcoin

Com essa arrecadação a MicroStrategy deve aumentar ainda mais sua reserva atual de US$ 14 bilhões em Bitcoin
Ilustração de moeda NOT dourada com logotipo do jogo Notcoin do Telegram

Notcoin desvaloriza 11% após o término da reivindicação do airdrop de NOT

Equipe da Notcoin disse que irá compartilhar detalhes sobre como os stakers de nível ouro e platina podem ganhar recompensas extras
Imagem da matéria: MB lança campanha comemorativa de 11 anos com ‘cakeback’ e oferece chance de ganhar dois ETH

MB lança campanha comemorativa de 11 anos com ‘cakeback’ e oferece chance de ganhar dois ETH

Os incentivos serão válidos para clientes antigos e novos entrantes da plataforma; campanha seguirá ativa por todo o mês de junho de 2024
Imagem da matéria: Binance lança programa de airdrops para detentores de BNB

Binance lança programa de airdrops para detentores de BNB

Detentores de BNB receberão tokens de projetos selecionados que estão se preparando para serem lançados na Binance