Imagem da matéria: Ethereum (ETH) sobe 4% e atinge nova máxima histórica nesta sexta
Foto: Shutterstock

A sexta-feira (29) está sendo positiva para a rede Ethereum (ETH), que fecha a semana com uma nova máxima histórica de US$ 4.400. De acordo com o CoinMarketCap, o ether opera em alta de 4,3% nas últimas 24 horas e é negociado por volta de US$ 4.330 (R$ 24,4 mil).

O segundo maior criptoativo do mercado manteve seu preço por volta de US$ 4.100 na maior parte do dia de ontem, mas começou a valorizar ao anoitecer até ultrapassar o antigo recorde de preço de US$ 4.350.

Publicidade

O Ethereum havia chegado ao topo histórico na quinta-feira passada (21) graças ao efeito positivo causado pelo bom desempenho do Bitcoin que desfrutava da aprovação de seu ETF nos EUA.

À medida que o mercado voltou a se acalmar, o ether não teve forças para segurar sua cotação próxima da máxima e voltou a cair, mas se manteve na maior parte do tempo acima dos US$ 4 mil.

Uma semana depois, o ETH ensaia uma nova ascensão de preço, dessa vez sem depender de outro ativo para acumular ganhos e sim de novidades no seu próprio projeto.

Na quarta-feira (24), o Ethereum concluiu com sucesso a atualização ‘Altair’ que trouxe melhorias para a Beacon Chain, a cadeia paralela que prepara o seu ecossistema para a chegada do Ethereum 2.0.

Publicidade

Essa foi a primeira e possivelmente a última atualização que a Beacon Chain recebe antes da importante troca de consenso que acontece no ano que vem. Na sua versão 2.0, o Ethereum abandona a mineração tradicional baseada na prova de trabalho (PoW) e passa a adotar o consenso de prova de participação (PoS).

A expectativa é que além da rede ficar mais rápida e barata, o fornecimento total de ether comece a diminuir no futuro.

BTC tem leve queda  

Ao contrário do ether, o Bitcoin (BTC) está abrindo a distância do seu recorde de preço ao cair mais 0,4% nas últimas 24 horas, valendo agora US$ 60.900.

Embora a criptomoeda líder do mercado seja capaz de manter sua cotação acima dos US$ 60 mil, na semana as perdas chegam a 3,4%. Por outro lado, os ganhos acumulados pelo bitcoin nos últimos 30 dias já superam 40%.

Publicidade

Segundo o Índice do Portal do Bitcoin, o criptoativo é negociado nas corretoras brasileiras por R$ 344 mil.

Nesta manhã, a Shiba Inu (SHIB) e a Dogecoin (DOGE) também estão em queda de 5,6% e 1,2%, respectivamente. Até ontem as duas estavam valorizando mais de 20%, em disputa pelo posto de maior moeda meme do mercado.

O desempenho do restante das altcoins está misto nesta sexta, algumas mostram leves perdas como a Cardano (-1%) Solana (-0,2%), e Polkadot (-0,7%), e outras altas mais significativas, como a Binance Coin (+3,7%) e XRP (+1%).

As criptomoedas baseadas em blockchain de jogos como Descentraland (+55%), Enjin Coin (+9%) e Axie Infinity (+12%) são as que mais valorizam nesta manhã.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem por detrás de uma pessoa algemada

Interpol prende hacker que roubou R$ 260 mil da Polícia de Buenos Aires e lavou fundos com USDT

Liderado por um venezuelano, preso nos EUA, o grupo roubou R$ 8 milhões de entidades argentinas através de um malware de origem brasileira
Moeda de Bitcoi sob mapa da América comd estaque para Venezuela

Venezuela quer desativar todas as fazendas de mineração de criptomoedas do país

O governador do estado de Carabobo afirmou que o governo está prestes a publicar um decreto que irá proibir a mineração de criptomoedas
Imagem da matéria: Manhã Cripto: CVM aplica multa de R$ 55,8 milhões a Atlas Quantum e dono foragido

Manhã Cripto: CVM aplica multa de R$ 55,8 milhões a Atlas Quantum e dono foragido

A CVM multou a pirâmide financeira Atlas Quantum após identificar indícios “robustos e consistentes” de que tudo não passava de uma operação fraudulenta
Imagem da matéria: "Centavo épico" de Bitcoin é usado para inscrever música da Grimes gerada por IA

“Centavo épico” de Bitcoin é usado para inscrever música da Grimes gerada por IA

Ordinals com uma música gerada por IA da Grimes foi inscrito num satoshi “épico” de Bitcoin avaliado em mais de R$ 10 milhões