Sheik das criptomoedas Francisley Valdevino
Sheik das criptomoedas em festa à fantasia (Foto: Reprodução)

A CPI das Pirâmides Financeiras aprovou nesta terça-feira (20) a convocação de Antônio Neto Ais e Fabrícia Campos, criadores foragidos da Braiscompany, e Francisley Valdevino da Silva, criador da Rental Coins conhecido como “Sheik das Criptomoedas”, para prestarem depoimento na Câmara dos Deputados.

A Comissão Parlamentar de Inquérito também aprovou os requerimentos que pedem que sejam convidados para depoimentos o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, um membro do Ministério da Fazenda e o presidente da CVM, João Pedro Nascimento. O objetivo é saber detalhes da regulamentação do setor pelos respectivos órgãos. 

Publicidade

Outro ponto fixado na reunião de hoje da CPI foi que o deputado Ricardo Silva (PSD/SP) será o relator da Comissão.

“Tem muita gente graúda envolvida nessa história toda. Pelas investigações preliminares, já dá para ter noção do tamanho que terá essa CPI e do nível de convocação que nós teremos que enfrentar”, disse Silva ao falar pela primeira vez na nova função. 

Presença de especialistas 

O presidente da CPI, deputado federal Aureo Ribeiro (Solidariedade/RJ), disse que já conversou com a CVM e irá solicitar que um técnico da autarquia acompanhe os trabalhos parlamentares — um mesmo pedido será feito para a Polícia Federal e Ministério da Fazenda. 

Ribeiro informou que na próxima semana será apresentado um plano de trabalho para a CPI. 

Também foram aprovados os convites para prestar esclarecimentos do procurador da República Thiago Bueno, dos responsáveis da PF e da Receita Federal pela Operação TrapCoin, e do proprietário da One Internet Group, Fernando Oliveira Lima. 

Publicidade

Foi aprovada a convocação de Caito Maia, CEO da Chilli Beans. O motivo é que o empresário deu palestra em um evento da Genbit, que é suspeita de pirâmide financeira e está sendo investigada pelo Ministério Público. 

Por fim, o pedido de esclarecimento dos maiores clubes de futebol do país foi aprovado. Estão na lista: Flamengo, Fluminense, Botafogo, Vasco, Palmeiras, Corinthians, São Paulo, Santos, Cruzeiro, Atlético Mineiro, Internacional e Grêmio. 

Big techs e emissoras ficam para depois 

Os pedidos para que as grandes empresas de tecnologia e as principais emissoras de televisão do Brasil prestem informações serão reescritos e apresentados novamente no próximo encontro da CPI, que acontece na terça-feira (27).

A CPI quer informações da Meta (responsável por Facebook, Instagram e WhatsApp), Google, Telegram, TikTok e Twitter. As emissoras Globo, Bandeirantes, Record, SBT e RedeTV! também estão na lista.

Assista abaixo a íntegra da reunião da CPI das Pirâmides Financeiras:

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Epik Duck: Conheça o projeto que foi de piada a memecoin de US$ 25 milhões

Epik Duck: Conheça o projeto que foi de piada a memecoin de US$ 25 milhões

Memecoins como a EPIK estão se tornando cada vez mais populares no universo das criptomoedas. Isso é bom ou ruim?
Moedas de bitcoin sob mesa escura com sigal ETF

Manhã Cripto: ETFs de Bitcoin voltam a captar mais US$ 100 mi por dia nos EUA; Ex-diretor da FTX pede 18 meses de prisão

Mercado também começa a se preparar para veredito final da SEC sobre os ETFs de Ethereum à vista
Antônio Ais posa para foto ao lado de carro

Criador da Braiscompany, Antônio Neto Ais é solto na Argentina

O benefício de prisão domiciliar valerá até que o processo de extradição para Brasil seja resolvido
Moedas de ethereum à frente de ilustração de cadeado

A SEC vai finalmente aprovar os ETFs de Ethereum? Entenda

Vence no fim desta semana o prazo para a SEC aprovar ou não alguns pedidos de ETFs de Ethereum e a expectativa agora é mais positiva do que nunca