Imagem da matéria: Devo investir em bitcoin depois do recorde de preço? Especialistas respondem
Foto: Shutterstock

O bitcoin superou a máxima histórica de US$ 20.000 na quarta-feira (16) e seguiu o movimento de valorização, alcançando US$ 23.500 menos de 24 horas após bater o recorde. A disparada virou notícia pelo mundo e foi destaque nos trending topics do Twitter.

Mas será que vale a pena investir em meio a um momento de euforia? Especialistas em finanças e em criptomoedas ouvidos pela reportagem do Portal do Bitcoinrecomendaram muita cautela.

Publicidade

Para José Pio Martins, economista e reitor da Universidade Positivo, em Curitiba (PR), não vale a pena entrar no mercado de criptomoedas por modismo, indicação de algum familiar ou por causa do buzz da alta.

“O ideal é investir só depois de entender bem como funciona tanto o segmento de criptomoedas como a área de finanças. Se o investidor é completamente ignorante nesses assuntos, a probabilidade de algo dar errado é muito grande”, disse.

Martins recomendou para as pessoas alocarem na modalidade apenas um quinto do capital disponível para investimentos: “Aplique pouco e fique observando como o mercado irá reagir. Excesso de ganância e excesso de ignorância são ruins”.

Contas pagas antes do Bitcoin

O economista Charles Mendlowicz, do canal Economista Sincero, afirmou que a pessoa precisa estar em dia com as próprias contas antes de colocar dinheiro em criptomoedas.

Publicidade

“É necessário estar sem dívidas e com as finanças em ordem. Além disso, o ideal é ter uma reserva de emergência de pelo menos seis meses a um ano, pois a pandemia do coronavírus mostrou que isso é mais do que necessário hoje em dia”.

Mendlowicz também disse que o recomendado é fazer pequenos aportes em bitcoin. “Vejo que a tendência é de alta de preço no longo prazo, principalmente por causa da situação econômica global. Mesmo assim, acho interessante investir apenas de 1% a 5% em criptomoedas”.

Olho no longo prazo

José Artur Ribeiro, CEO da corretora Coinext, disse que vale a pena sim investir em bitcoin durante esse forte rali, desde que o objetivo seja manter a criptomoeda no portfólio, e não lucrar no curto prazo com especulações:

“Para o longo prazo, sempre é hora de entrar no mercado, pois o bitcoin tem fundamento econômico e nos próximos anos vamos ter muitos momentos de comemoração e de alta”.

Publicidade

No entanto, disse Ribeiro, se a ideia do investidor é especular, o momento não é propício para alocar dinheiro na criptomoeda. “Isso porque houve um aumento acelerado e denso do valor do btc, que pode ter sido causado por uma baleia (investidor com grande quantidade de ativos digitais). Acreditamos que essa alta tende a ser corrigida nos próximos dias”.

O executivo acredita que, no curto prazo, o bitcoin terá uma correção no início de 2021, principalmente por causa do ano novo chinês, que ocorre em fevereiro:

“A China é um grande player e impacta qualquer mercado. Então quando eles param durante o ano novo, que é o principal feriado por lá, há correção no preço”.

Segurança no mercado

Existem diversas maneiras de começar a investir em criptomoedas. A mais popular é por meio de corretoras especializadas. Antes de abrir a conta em uma, no entanto, os especialistas ouvidos nesta reportagem disseram que é preciso pesquisar sobre as empresas.

O ideal é ir atrás do histórico das exchanges, verificar o que se diz no Reclame Aqui e conversar com outros investidores que já utilizaram as plataformas.

Publicidade

Mendlowicz disse também que é importante fugir de promessas milagrosas nesse mercado. “Se alguma empresa ou pessoa afirmar que consegue entregar 2% ao mês em cima do seu investimento, fuja. Não existe retorno garantido nesse mercado”, disse .

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Senador que chamou Bitcoin de "escolha ideal para criminosos" é condenado por corrupção

Senador que chamou Bitcoin de “escolha ideal para criminosos” é condenado por corrupção

“Este caso sempre foi sobre níveis chocantes de corrupção”, disse o procurador dos EUA
Imagem da matéria: Bitcoin pode cair até US$ 50 mil em breve, alerta analista brasileiro

Bitcoin pode cair até US$ 50 mil em breve, alerta analista brasileiro

Analista da Foxbit avalia gráficos do Bitcoin e aponta que preços devem continuar pressionados ao longo da semana
Criador do Twitter e da Square, Jack Dorsey em palestra no TED

Bitcoin pode um dia substituir o dólar americano, diz criador do Twitter

Em um sofisticado retiro na Toscana, Jack Dorsey compartilhou sua visão sobre a ascensão do Bitcoin à supremacia global
Craig Wright afirma ser o criador do Bitcoin, Satoshi Nakamoto

Craig Wright admite não ser Satoshi Nakamoto, o criador do Bitcoin

Um tribunal do Reino Unido ordenou que Wright declare publicamente que não é o criador do Bitcoin e do white paper do projeto