Como domar as baleias de bitcoin e lucrar com seus movimentos

Baleia movimenta R$ 1,5 bilhão em Bitcoin pagando R$ 1,70 de taxa
Foto: Shutterstock


Existe uma lenda no mercado de criptomoedas que as baleias, os donos de grandes posições, são capazes de manipular a cotação. Talvez isto seja verdade, mas justamente por trabalhar com posições muito grandes, estes traders deixam rastros.

Ao aprender a interpretar esses sinais, é possível não só sobreviver aos maremotos causados pelas baleias, mas aproveitar para surfar a onda. Lembre-se que as sardinhas possuem vantagens, justamente por conseguir mover-se mais rápido, sem chamar atenção.

Ranking da Bitmex

Provavelmente você já viu o ranking abaixo algumas vezes, afinal, é no mínimo curioso alguém com lucro de 8 mil bitcoins no ano.

O problema é que esta página estática não nos dá muita informação sobre a posição destas baleias. Eis que surge o Coinfarm, monitorando as mudanças do lucro de cada usuário, para determinar se estão apostando na alta (long) ou queda (short).

É importante notar que alguns destes usuários não estão mais ativos, porém continuam no ranking anual. Portanto, deve-se ignorar os que não estão com data atual na coluna “updated”.

Por este motivo a informação do short 68% vs long 32% não é confiável, já que considera contas inativas. Além disso, o fato de naturalmente existirem mais baleias apostando na queda é natural, pois quase a totalidade das empresas de arbitragem acompanham seu patrimônio em dólares.

Ou seja, quando depositam 100 BTC na Bitmex para futuras operações, necessariamente precisam abrir um short (aposta na queda) de 930 mil dólares. Na verdade este short é até maior, cobrindo também boa parte das posições em cold wallets. Estes arbitradores deixam BTC e stablecoins previamente distribuídos em várias exchanges para o dia-a-dia de suas operações.



Tensor charts

Tensor charts é ferramenta utilizada pelos profissionais para acompanhar grandes ordens. É possível alternar entre diferentes moedas das principais exchanges, incluindo Bitmex, Binance, Bitfinex e Coinbase. Quanto mais claro for a linha (amarelo/branco), maior era a ordem no livro de ofertas.

Outra dica bacana é apertar a letra ‘C’ no teclado para esconder o gráfico de vela normal, e substituir pela vela dupla, apertando a letra ‘T’. 

Cada vela passa a ser dividida em duas, sendo o lado esquerdo, vermelho, a agressão dos vendedores, enquanto o lado verde, representa os compradores.

Isto dá uma granularidade maior na informação, pois dentro de uma mesma vela é possível haver grandes oscilações de preço. Desta forma sabemos em que nível especificamente houve uma força maior de algum dos lados.

Conclusão

Existem diversas ferramentas gratuitas que vão ajudá-lo a monitorar o movimento destas baleias. Assim como as ferramentas de análise técnica, exigem dedicação para saber interpretá-las corretamente. Estude, pesquise, treine!


Sobre o autor

Marcel Pechman atuou como trader por 18 anos nos bancos UBS, Deutsche e Safra. Desde maio de 2017, faz arbitragem e trading de criptomoedas.