Imagem da matéria: Desenvolvedor do Ethereum compara Lido a cartel e alerta: “É uma ameaça ao sistema"
Foto: Shutterstock

Um ano após a mudança do Ethereum para o consenso de prova de participação (proof-of-stake), a rede tem dado bons sinais de melhora e evolução, mas os riscos de centralização de serviços importantes do ecossistema está preocupando os especialistas.

Danny Ryan, da Ethereum Foundation, destacou esse cenário em vídeo recente, apontando que a Lido, Coinbase e Binance agora controlam coletivamente 85% da validação de staking líquido do Ethereum.

Publicidade

De acordo com Ryan, essa concetração de serviços de staking líquido em poucos mãos representão um risco de “corporatização, centralização e ameaça sistêmica”.

“O que acontece quando um regulador percebe que três pessoas controlam a votação?”, questiona. “Ele tem três portas para bater, é fácil.”

https://twitter.com/Pledditor/status/1706606105961341382

Das três entidades que hoje dominam a rede, a que mais preocupa é a Lido, que é a maior validadora do Ethereum, sendo três vezes maior que a Coinbase e sete vezes que a Binance.

Os riscos da Lido

A Lido é a maior provedora do mercado do chamado staking líquido. Basicamente, o projeto concede aos usuários liquidez por meio do token stETH, que tem paridade de 1:1 com o ETH travado em staking.

Publicidade

Ou seja, o staking líquido permite aos investidores fazer staking e ainda ter acesso à liquidez para negociação por meio de ativos vinculados emitidos pelo provedor de staking (como o stETH da Lido).

Dessa forma, a Lido permite que usuários façam stake sem ficarem com as mãos vazias enquanto o ether está travado na rede, como ocorre normalmente fora dos serviços de staking líquido.

“A Lido ou algum protocolo semelhante que provoca um curto-circuito na economia e essencialmente forma um cartel, tem seu próprio token de governança que está nas mãos de um grupo de VCs, é uma ameaça sistêmica ao Ethereum”, disse Ryan no vídeo, alertando que a indiferença da comunidade é preocupante para o compromisso da rede em ser descentralizada.

Ele alerta ainda que caso reguladores proíbam o funcionamento ou encerrem a Lido, isso poderia levar a sérios problemas na rede. “Teremos um problema com a vivacidade da rede. Sendo a vivacidade a finalidade, não necessariamente a disponibilidade da rede, você poderia tomar algumas decisões, mas não serão decisões economicamente finais”, explicou.

Publicidade

Por fim, Ryan ainda diz que a comunidade deve agir para evitar que o cenário piore. Em um caso extremo, poderia até ocorrer um hard fork para alienar os ativos da Lido. Para o desenvolvedor, no entanto, isso seria um movimento catastrófico não apenas para as partes interessadas da Lido, mas para todo o ecossistema Ethereum, com o que ele chamou de “guerra civil” blockchain.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Fundador do Telegram diz que manterá seus tokens do Notcoin até multiplicarem por 100

Fundador do Telegram diz que manterá seus tokens do Notcoin até multiplicarem por 100

Pavel Durov detém 1% do maior token de jogo deste ano, doado pelos jogadores. E ele não está vendendo seus Notcoin – não agora, pelo menos
Imagem da matéria: Drenador de carteiras de criptomoedas encerra negócio após roubar mais de US$ 85 milhões

Drenador de carteiras de criptomoedas encerra negócio após roubar mais de US$ 85 milhões

“Alcançamos nosso objetivo e agora, de acordo com o planejado, é hora de nos aposentarmos”, disseram os desenvolvedores do drenador de carteiras cripto
busto de homem engravatado simulando gesto de pare

CVM proíbe corretora de criptomoedas e forex de captar clientes no Brasil

O órgão determinou, sob multa diária de R$ 1 mil, a imediata suspensão de qualquer oferta pública de valores mobiliários pela Xpoken
Imagem da matéria: Há 2 anos, LUNA caia para zero; relembre um dos dias mais caóticos do mercado cripto

Há 2 anos, LUNA caia para zero; relembre um dos dias mais caóticos do mercado cripto

Em maio de 2022, o ecossistema da Terra (LUNA) entrou em uma “espiral da morte” que levou uma das criptomoedas consideradas mais promissoras daquele ano a cair para zero em 24 horas