Do Kwon, criador da Terra (LUNA) olhando assustado para a câmera.
Do Kwon, criador da Terra Luna (Foto: FAQX via Wikimedia Commons)

Uma Corte de Apelações de Montenegro acolheu o recurso do empresário cripto Do Kwon, criador do falido projeto Terra (LUNA), para suspender seu processo de extradição que havia sido aprovado pelo Poder Judiciário.

Segundo a mais recente decisão, o juiz que conduziu o processo na fase de investigação não ouviu apropriadamente o executivo, o que é uma etapa obrigatória segundo a lei local. 

Publicidade

Do Kwon é o criador da Terraform Labs, empresa por trás dos tokens LUNA e UST que colapsaram em maio de 2022 e desempenharam um papel crucial no início do ciclo de desvalorização no mercado cripto.

O empreendedor é alvo de pedidos de extradição para os Estados Unidos e Coreia do Sul, país onde nasceu e residia até sua fuga. Em Montenegro, Do Kwon foi pego com documentos falsos e condenado a quatro meses de prisão.

No início de dezembro, o The Wall Street Journal relatou que o ministro da Justiça de Montenegro, Andrej Milovic, tinha decidido pela extradição de Do Kwon para os Estados Unidos.

O processo, agora suspenso, havia sido aprovado pela Suprema Corte de Podgorica. Agora, o caso será enviado novamente para o tribunal de origem para um novo julgamento.

Publicidade

As acusações contra Do Kwon

Do Kwon enfrenta acusações criminais de fraude nos EUA por parte de promotores federais em Nova York, bem como uma ação civil movida pela Comissão de Valores Mobiliários dos EUA (SEC).

Na Coreia do Sul, ele enfrenta acusações de crimes financeiros, incluindo fraude, violações das leis dos mercados de capitais, manipulação de volumes de transações usando “trader bots” e suborno.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: MicroStrategy anuncia desdobramento de ações após acumular US$ 13 bilhões em Bitcoin

MicroStrategy anuncia desdobramento de ações após acumular US$ 13 bilhões em Bitcoin

A empresa de software MicroStrategy, do defensor do Bitcoin Michael Saylor, dividirá suas ações depois que o preço mais do que triplicou no ano passado
Dólares equilibrados formam uma pirâmide

Mercado ligado a elite do Camboja movimentou R$ 59 bilhões para golpistas cripto

Um grupo ligado à família Hun, no poder do Camboja, foi acusado de estar envolvido em um golpe multibilionário de cripto
ingresso nft sympla

Tribunal dos EUA deve decidir se NFTs são valores mobiliários em processo contra DraftKings

O autor da ação coletiva “alegou plausivelmente que os NFTs da DraftKings satisfazem três vertentes do teste de Howey”, escreveu o juiz
Imagem da matéria: Jogador que traiu Iza perdeu R$ 50 mil na pirâmide Braiscompany

Jogador que traiu Iza perdeu R$ 50 mil na pirâmide Braiscompany

Yuri Lima entrou na Justiça alegando ter aplicado R$ 50 mil na Braiscompany, pirâmide financeira que ruiu em dezembro de 2022