Imagem da matéria: CEO da Empiricus, Felipe Miranda, previa bolsa a 300 mil pontos; o que ele diz agora
Foto: Reprodução/Youtube

A Empiricus previu uma grande alta no Ibovespa, mas recentemente teve que fazer mudanças atípicas na carteira frente às recentes perdas das bolsas. O mesmo aconteceu com o discurso de Felipe Miranda, CEO da empresa.

“Situações extraordinárias requerem medidas extraordinárias”, disse Miranda, após mudanças atípicas na carteira, o que ele chamou de “mudança abrupta”.

Publicidade

A explicação veio após a empresa receber críticas à previsão feita no início do ano, cujo prognóstico revelava uma alta de até 300 mil pontos no Ibovespa.

Na ocasião, fazendo uma analogia com antigas performances das bolsas, inclusive com o fato histórico da grande crise de 2008, a Empiricus citou “os quatro últimos ciclos de crescimento da Bolsa”.

Segundo o artigo, esses ciclos duraram entre seis e oito anos e entregaram multiplicações médias de entre 5 e 21 vezes. Diante dos dados, a empresa concluiu:

“O nosso ciclo atual se iniciou somente há três anos e as cotações do Ibovespa nem triplicaram de valor. Estenda a linha de tendência na imagem acima para o futuro e você vai ver que isso nos joga lá para cima de 300 mil pontos”.

Imagem: Reprodução

No entanto, o artigo questionou: ‘O que pode dar errado?’ Uma das respostas foi “uma crise global”.

Apesar de o artigo não estar assinado por Felipe Miranda, ele endossou a análise da empresa em uma publicação:

“O Quinto Grande Ciclo de Alta Brasileiro. Temos motivos claros para chegar aos 300 mil pontos na Bolsa de Valores ainda neste ciclo. Mas isso não é o mais importante. O mais importante são as super multiplicações que um período como este oferece”.

Publicidade

Empiricus e coronavírus

As coisas mudaram. Os 300 mil pontos parecem ter ficado de lado. Miranda agora tenta proteger os seus clientes de mais perdas.

“Sim, o coronavírus vai afetar o Brasil no curto prazo. Mas, quer saber, isso não importa para o investidor”, escreveu a equipe Empiricus em outra publicação.

De acordo com um recente vídeo de alerta, Miranda diz que o momento é de muita incerteza, de muita volatilidade, e que as coisas sempre podem ficar pior do que se imagina.

“A maioria das pessoas está enxergando o que está acontecendo como uma baita oportunidade de compra de ações. Na minha opinião, é uma completa falta de responsabilidade”.

Publicidade

No final, como de praxe, Miranda convida o leitor a comprar acesso aos conteúdos da Empiricus.

Empiricus e CVM

Conforme mostra o histórico da Empiricus, a empresa é focada em conteúdos. Contudo, nos últimos anos o que também chamou atenção foi seu marketing agressivo.

A CVM, que supervisiona e regula o mercado brasileiro, se atentou então às peças e viu que se tratava de análises financeiras — a atividade requer registro no órgão.

No entanto, a Empiricus desejava ser reconhecida como uma publicadora de conteúdo e não como uma casa de análise.

Recentemente, a empresa teve que fazer um acordo de R$ 4 milhões com CVM para poder continuar com atuação na análise de mercado.


BitcoinTrade: Depósitos aprovados em minutos!

Cadastre-se agora! Eleita a melhor corretora do Brasil. Segurança, Liquidez e Agilidade. Não perca mais tempo, complete seu cadastro em menos de 5 minutos! Acesse: bitcointrade.com.br

VOCÊ PODE GOSTAR
homem segura com duas mãos uma piramide de dinheiro

Polícia do RJ investiga grupo acusado de roubar R$ 30 milhões com pirâmide financeira

Para ganhar a confiança dos investidores, a empresa fraudulenta fazia convites para assistir jogos de futebol em camarote do Maracanã
Logotipo do token CorgiAI

Mercado Bitcoin lista token CorgiAI

O ativo é ligado a projeto que usa utiliza inteligência artificial para criar uma comunidade de entusiastas no ecossistema cripto
Rafael Rodrigo , dono da, One Club, dando palestra

Clientes acusam empresa que operava opções binárias na Quotex de dar calote milionário; dono nega

Processos judiciais tentam bloquear R$ 700 mil ligados à One Club, empresa de Rafael Rodrigo
Imagem da matéria: Bitcoin ganha estátua no Brasil com Satoshi domando touro, símbolo de otimismo do mercado

Bitcoin ganha estátua no Brasil com Satoshi domando touro, símbolo de otimismo do mercado

O MB inaugurou uma estátua que simboliza a relevância do mercado cripto em 2024, marcado pela adoção institucional e o recorde de preço do BTC