Imagem da matéria: Brasileiros importam R$ 8,9 bilhões em criptomoedas em abril apesar da queda do Bitcoin
Foto: Shutterstock

Depois de bater recorde em março, a importação de criptomoedas por brasileiros seguiu atingindo marcas importantes e, em abril, chegou a US$ 1,731 bilhão (R$ 8,9 bilhões), mesmo em um mês marcado por forte queda do mercado, com o Bitcoin (BTC) recuando mais de 14% após bater sua máxima próxima de US$ 74 mil em março.

Com esse resultado, o volume importado de ativos digitais por brasileiros saltou 127% em comparação com os US$ 763 milhões apresentados um ano antes, segundo dados divulgados pelo Banco Central nesta sexta-feira (24).

Publicidade

No quadrimestre, o país registrou a importação de US$ 6,420 bilhões de criptomoedas, alta de 120% sobre os US$ 2,915 do período entre janeiro e abril de 2023. Com isso, o Brasil, em apenas quatro meses, chegou a metade do resultado atingido em todo ano passado, de US$ 12,306 bilhões.

A importação reflete o fluxo de ativos entre um não residente (vendedor) para um residente (comprador) no Brasil, e as transações comerciais são medidas pela autoridade monetária por meio de contratos de câmbio.

Esse movimento, que pode ser interpretado como compra de moedas digitais, mostra que mesmo com a ressaca que viveu o mercado cripto em abril, os investidores brasileiros seguiram adquirindo ativos, o que também coincide com dados dos fluxos de fundos de cripto nacionais, que estão desde o ano passado com resultados semanas positivos.

Exportações sobem, mas ainda são pequenas

Na outra ponta, as exportações de criptomoedas, que pode ser interpretada como a venda de ativos, também subiu na comparação anual, mas caiu no dado mensal e segue muito abaixo do desempenho das importações.

Publicidade

Em abril, foram exportados por brasileiros US$ 120 milhões em criptomoedas, segundo o BC, uma alta de 823% sobre o mesmo período do ano passado, quando foi de apenas US$ 13 milhões. Em março, o resultado havia sido de US$ 202 milhões.

No desempenho do quadrimestre, foram exportados US$ 468 milhões no mês passado, contra US$ 613 um ano antes, queda de quase 24%. Neste ritmo, porém, o país deve superar a marca de US$ 613 milhões do total de 2023 entre junho e julho.

VOCÊ PODE GOSTAR
Ilustração de baleia nadando com moeda de bitcoin em seu interior

Baleia de Bitcoin movimenta US$ 535 milhões após mais de 5 anos parada

Uma baleia não identificada transferiu 8.000 BTC para a Binance ontem – se vendida, renderia mais de meio bilhão de dólares em lucro
moeda de bitcoin com bandeira dos EUA

O que faria os americanos comprarem mais Bitcoin? Regulamentações mais claras, afirma pesquisa

Pesquisa da Grayscale mostra que 44% dos eleitores dos EUA que não possuem criptos dizem que estão “esperando regulamentações adicionais”
Imagem da matéria: Bitcoin Lightning e soluções de segunda camada podem ser “abusadas ​​por criminosos”, diz UE

Bitcoin Lightning e soluções de segunda camada podem ser “abusadas ​​por criminosos”, diz UE

Um relatório do Centro de Inovação da UE diz que as soluções de Bitcoin e de segunda camada podem causar “problemas para as investigações policiais”
Imagem da matéria: Quem é Roaring Kitty e o que seu retorno significa para as criptomoedas?

Quem é Roaring Kitty e o que seu retorno significa para as criptomoedas?

Keith Gill, o Roaring Kitty, encenou seu retorno ao Twitter, depois ao Reddit e, finalmente, de volta ao YouTube com uma transmissão ao vivo que atraiu 700.000 espectadores