Imagem da matéria: BitcointoYou, BitcoinTrade, Coinext e Walltime saem do ar e clientes não conseguem negociar
Foto: Shutterstock

Além do Mercado Bitcoin, as corretoras BitcointoYou, BitcoinTrade, Walltime e Coinext e também saíram do ar no início da tarde desta quinta-feira (07), dia em que o bitcoin quebrou um novo recorde de preço e atingiu os US$ 40 mil para depois cair US$ 4 mil em 10 minutos.

Os clientes não estão conseguindo nem sequer entrar no site da exchange BitcointoYou.

Publicidade

Questionado pelo Portal do Bitcoin, o criador da corretora, André Horta, afirmou que o problema foi causado por um aumento repentino de acessos simultâneos.

“Tá uma loucura aqui”, disse, “Só hoje foram 327 cadastros”.

Conforme Horta, a previsão é que a plataforma seja reestabelecida por volta das 16h30.

A BitcoinTrade, que recentemente foi vendida para a argentina Ripio, também travou as negociações na plataforma. Os clientes conseguem logar na plataforma mas não podem comprar e vender.

Questionada, a empresa disse em nota:

“A BitcoinTrade está em um pico de acessos e negociações. Por isso, alguns clientes estão enfrentando instabilidades na plataforma. Toda a equipe está focada em reestabelecer 100% do sistema o mais rápido possível”.

A Walltime também está apresentando problemas e os clientes não estão conseguindo negociar. Uma quarta exchange, a Coinext, também está apresentando problemas e os usuários não estão conseguindo fazer negociações.

VOCÊ PODE GOSTAR
Tela de celular mostra logo da Comissão de Valores Mobiliários do Brasil CVM

CVM ganhou R$ 832 milhões com multas aplicadas em 2023, um aumento de 1.791%

A autarquia também registrou o maior número de casos julgados desde 2019
Homem aponta controle para TV que emerge imagens em 3D

‘TV 3.0’ que chegará ao Brasil em 2025 vai precisar de internet ou conversor? Entenda

Novo sistema de transmissão para TVs promete enviar som e imagem com qualidades maiores, além de maior interatividade com o espectador
Imagem da matéria: Fundos de criptomoedas do Brasil captam mais R$ 50 milhões na semana

Fundos de criptomoedas do Brasil captam mais R$ 50 milhões na semana

Fundos cripto brasileiros ficam pela segunda semana consecutiva atrás apenas dos EUA em captação
simbolo do dólar emergindo de placa de computador

Mercado Bitcoin lista duas novas stablecoins da startup Aryze

Ambas as moedas, devido à paridade com o dólar americano e à libra esterlina, representam estabilidade e diversificação na carteira dos investidores