Imagem da matéria: Mercado Bitcoin trava devido ao alto volume de negociações
Foto: Reprodução

A corretora brasileira Mercado Bitcoin, a maior do Brasil, teve problemas de instabilidade provocados pelo alto volume de transações no início da tarde desta quinta-feira (07), dia em que o bitcoin bateu novo recorde e chegou a R$ 220 mil.

Os usuários não estão conseguindo realizar os trades. A tela de login está abrindo para os clientes, mas há demorar para entrar na plataforma após colocar o CPF e senha. Ao confirmar o login aparece a mensagem de que algo está errado como é possível na imagem abaixo.

Publicidade

A API da corretora também está fora do ar. Quem utiliza, por exemplo, um robô em invés da interface deles também não tem conseguindo negociar. Os bots não estão se conectando. Contudo, é possível verificar os saldos.

Procurado pela reportagem o Mercado Bitcoin disse em nota:

“Devido ao alto volume de transações, estamos com instabilidade na plataforma. Nosso time está trabalhando para normalizar os acessos o mais breve possível”. Um aviso semelhante consta no site da empresa.

Nas últimas 24h, foram negociados mais de 717 BTCs na plataforma, equivalente a R$ 145 milhões de reais.

Na grande alta anterior da moeda em 2017, mesmo com os recordes de negociações, a plataforma de trades não apresentou problema semelhante.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Usuários da 99Pay têm chaves PIX vazadas, alerta Banco Central

Usuários da 99Pay têm chaves PIX vazadas, alerta Banco Central

Também foram potencialmente expostos dados como nome do usuário, CPF com máscara, instituição de relacionamento, agência e número da conta
Imagem da matéria: Real completa 30 anos com desvalorização de mais de 40% no período

Real completa 30 anos com desvalorização de mais de 40% no período

Lançado em julho de 1994, o real já chegou a valer mais que o dólar quando havia paridade cambial