Imagem da matéria: Bitcoin Volta a Representar mais de 50% do Valor de Mercado das Criptomoedas

Pela primeira vez desde maio a dominância do bitcoin voltou a superar a marca de 50%, solidificando sua posição como a mais valiosa criptomoeda no mercado.

Marketshare das criptomoedas

O Bitcoin sempre ocupou a primeira posição desde a sua criação, porém, nesse ano de 2017 a sua participação no mercado diminuiu. Apesar de seu valor ter quadruplicado, a representatividade das outras criptomoedas, que também tiveram forte valorização, cresceu.

Publicidade

Até março desde ano, o Bitcoin só havia estado com menos de 80% do mercado em duas ocasiões e mesmo assim por um curto espaço de tempo. Desde então, com a ascensão meteórica de outras criptomoedas como ethereum, ripple e mais recentemente o Bitcoin Cash, que agora ocupada a quarta posição em valor de mercado, o bitcoin perdeu um pouco da sua dominância e chegou a ter apenas 38% do mercado no dia 19 de junho.

Neste exato momento da escrita, o Bitcoin representa 53% do mercado, seguidos pela ethereum e ripple com 18,4% e 6,7% respectivamente. Na quarta e quinta posições tem-se o Bitcoin Cash e a litecoin com 3,3% e 1,7%.

Altcoins em queda

Além do Bitcoin estar subindo nos últimos dias, grande parte das outras criptomoedas estão caindo, o que ajudou o bitcoin a retomar sua dominância no mercado.

Em novembro o bitcoin provavelmente passará por mais um hard fork, o do SegWit2x, que poderá abalar um pouco o mercado. Para quem quiser ficar informado, leia este recente artigo postado pelo Portal do Bitcoin: Entenda o SegWit2x: O que está por trás do Hard Fork do Bitcoin

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Tom Brady é ridicularizado por ligação com FTX em especial da Netflix

Tom Brady é ridicularizado por ligação com FTX em especial da Netflix

Brady e sua ex-esposa, Gisele Bündchen, adquiriram uma participação acionária na falida FTX em 2021
Pessoa inserindo chip no celular

Justiça manda TIM pagar R$ 21 mil a cliente que teve celular clonado e perda de criptomoedas

A partir da clonagem do celular, os invasores tiveram acesso ao email e posteriormente a uma carteira cripto na Binance
Imagem da matéria: Em operação contra “Rei do Bitcoin”, PF descobriu fraude em contratos públicos envolvendo irmão do ex-governador do Paraná 

Em operação contra “Rei do Bitcoin”, PF descobriu fraude em contratos públicos envolvendo irmão do ex-governador do Paraná 

Nova operação da Polícia Federal apura crimes ligados às investigações da operação Daemon, de 2021, que prendeu o “Rei do Bitcoin”, Claudio Oliveira
Vitalik Buterin na ETH Taipei 2024. Foto: Rug Radio

Como o fundador do Ethereum, Vitalik Buterin, mantém suas criptomoedas seguras

“Descentralize sua própria segurança”, diz Buterin – mas ele não usa uma cold wallet para suas próprias criptomoedas