Imagem da matéria: Bitcoin Não Para e Atinge US$ 4.800

Nos últimos 5 dias o bitcoin subiu 15% e hoje ultrapassou a marca dos US$ 4800. A última vez que o bitcoin atingiu essa marca foi há mais de um mês atrás, no dia primeiro de setembro.

Desde o dia 15 de setembro, quando chegou a cair até os US$ 3000, o bitcoin já valorizou mais de 60%. Tudo isso em menos de 30 dias.

Publicidade
Gráfico BTC/USD da Bitstamp

No Brasil, o preço já rompeu a barreira dos R$ 15.000 e opera na casa dos R$ 15.500.

Um dos possíveis motivos para essa alta é o hard fork do SegWit2x em novembro e o Bitcoin Gold. Os investidores podem estar se posicionando para receber os “airdrops”, assim como aconteceu com o Bitcoin Cash, no dia primeiro de agosto desse ano.

Leia Também: Entenda o SegWit2x: O que está por trás do Hard Fork do Bitcoin

Embora o SegWit2x esteja programado apenas para novembro, o Bitcoin Gold será no dia 25 de agosto e todos que tiverem Bitcoin, receberão Bitcoin Gold.

Seguindo essa teoria, as altcoins estão todas operando em forte queda e com isso o Bitcoin voltou a ter 50% do marketshare das criptomoedas. É provável estar ocorrendo uma migração do dinheiro das altcoins para o bitcoin com a finalidade de receber Bitcoin Gold e em novembro o “Bitcoin SegWit2x”.

VOCÊ PODE GOSTAR
trader segura moeda de bitcoin em frente a grafico em computador

Bolsa de Chicago planeja lançar negociação de Bitcoin à vista, diz jornal

O objetivo é capitalizar a crescente demanda este ano entre os gestores de Wall Street para ganhar exposição ao setor de criptomoedas
Imagem da matéria: Manhã Cripto: Bitcoin recua para US$ 62 mil em dia de quedas generalizadas; Dogwifhat desaba 12%

Manhã Cripto: Bitcoin recua para US$ 62 mil em dia de quedas generalizadas; Dogwifhat desaba 12%

As quedas resultaram em liquidações de US$ 148 milhões no mercado de criptomoedas nas últimas 24 horas
Moedas de Bitcoin sobre mesa espelhada

Análise: o preço do Bitcoin está novamente sendo ditado pela política do Fed

“Análise dos últimos 40 dias revela uma maior alinhamento com as expectativas de taxa de juros para junho”, diz firma de análises CoinShares
Imagem da matéria: Bitcoin entra em onda de alta e atinge o seu maior preço desde o halving

Bitcoin entra em onda de alta e atinge o seu maior preço desde o halving

Dados do CoinGecko mostram que o Bitcoin subiu cerca de 3% no último dia e no período de uma semana valorizou em 9%