Imagem da matéria: Bitcoin volta a subir com queda nas vendas de ETFs; será que o pior já passou?
Imagem criada por Decrypt usando IA

O Bitcoin está subindo novamente neste sábado (27), junto com praticamente todas as criptomoedas no topo do ranking. Os tokens começaram o dia sob o brilho verde do otimismo, com velas de alta por todo lado.

Exceto pelo Maker (MKR) e o grupo usual de stablecoins, projetadas para serem imunes a essa volatilidade, todos os tokens no top 100 desfrutaram de um impulso positivo. Essa maré otimista contrastou fortemente com as correntes baixistas que dominaram a última semana.

Publicidade

O Bitcoin, a criptomoeda original e frequentemente considerada o termômetro do mercado, teve uma significativa recuperação. Neste sábado (27), o BTC é negociado em alta de 1,5%, a US$ 41.744.

Essa alta não apenas superou as baixas do dia, mas também enviou um sinal forte de que os investidores podem estar recuperando a confiança após a queda do dia anterior.

Essa alta cancela uma grande queda que começou há quatro dias, levando a moeda abaixo do suporte psicológico de US$ 40.000, assustando os investidores e aumentando a possibilidade de uma grande correção baixista. Agora, a diferença entre os preços médios dos últimos 10 e 55 dias está diminuindo, o que é bom para aqueles que ainda esperam ver o Bitcoin atingir altas.

Por que o Bitcoin está subindo?

A trajetória do preço do Bitcoin é frequentemente influenciada pela complexa interação de instrumentos de mercado e comportamento dos investidores. Nikolaos Panigirtzoglou, do JPMorgan, lança luz sobre um fator recente, sugerindo que o pior pode ter passado agora que a Grayscale está reduzindo o ritmo de suas vendas de BTC após a conversão de seu fundo de Bitcoin para um ETF legítimo.

Publicidade

“O lucro obtido em investimentos anteriores no GBTC, feitos com desconto em relação ao NAV no ano passado, provavelmente foi um grande impulsionador da correção do Bitcoin; até agora, US$ 4,3 bilhões saíram do GBTC desde sua conversão para ETF”, disse ele.

Esse fluxo para fora, argumenta Panigirtzoglou, pode ter causado a perturbação temporal no comportamento dos mercados, já que alguns investidores correram para realizar lucros.

“Acreditamos que a maior parte desse fluxo de US$ 4,3 bilhões do GBTC reflete a realização de lucros, em vez de uma mudança para ETFs de Bitcoin mais baratos (é desnecessário dizer que tal mudança teria tido pouco impacto no mercado)”, acrescentou.

Mudanças no mercado

As dinâmicas em evolução nos mecanismos de descoberta de preço do Bitcoin também desempenham um papel crucial no preço, segundo o JPMorgan. A empresa observa uma “mudança significativa” na estrutura de mercado.

Publicidade

“A emergência de ETFs spot está introduzindo outra dimensão no processo de descoberta de preço do Bitcoin, juntamente com bolsas spot onshore e futuros onshore que ecoam a descoberta de preço que está ocorrendo no sistema financeiro tradicional”, observa Panigirtzoglou.

Essa evolução, longe de fragmentar o mercado, é prevista para aprimorar a eficiência da descoberta de preço, alinhando-se com padrões observados em outros ativos financeiros estabelecidos, como ações. É importante lembrar que cada dólar em Bitcoin negociado em um ETF é apoiado por uma quantia semelhante no ativo subjacente (também chamado de satoshis, a menor denominação do BTC).

Além disso, a introdução de novos produtos ETF pela Grayscale pode trazer liquidez adicional ao mercado, esclarece o JPMorgan. E isso é algo positivo para os traders, tanto legados quanto nativos de criptomoedas. Tais instrumentos financeiros, comuns nos mercados de ações, podem oferecer aos investidores uma abordagem mais mitigada de risco para obter exposição ao Bitcoin.

Isso significa que, uma vez que os mercados encontrem o equilíbrio entre a maneira usual de negociar e os novos instrumentos financeiros introduzidos, a tendência de preço pode se normalizar, e a maior liquidez tornaria mais difícil manipular os preços. Alguns analistas podem estar levando isso em consideração em suas estratégias.

Altcoins seguem o caminho do Bitcoin

O Ethereum, a segunda maior criptomoeda em valor de mercado e a base de muitas aplicações descentralizadas, imitou a ascensão do Bitcoin.

Publicidade

O ativo digital, que está se preparando para uma significativa atualização de rede destinada a aprimorar a velocidade de transação e a eficiência de custos, viu seu preço subir de uma abertura de US$ 2.217 para seu preço atual de US$ 2.264. A máxima do dia alcançou US$ 2.281, sugerindo que a antecipação em relação às próximas melhorias tecnológicas pode estar alimentando o interesse dos investidores.

O Ethereum ainda parece otimista em uma tendência mais longa, apenas que a tendência não é tão forte quanto era há algumas semanas. Os indicadores mostram que a moeda está ligeiramente sobrecomprada, mas considerando o quão fraco o índice direcional médio (ou ADX, um indicador que mede a força de uma tendência) parece, os traders devem ser cuidadosos e provavelmente esperar o Bitcoin definir o curso que as altcoins normalmente seguirão.

Num tom mais leve, a criptomoeda meme baseada em Solana, BONK, que tem chamado a atenção recentemente, subiu significativamente. Abrindo o dia a US$ 0,00001126, atingiu um pico de US$ 0,00001249 e conseguiu chegar ao seu preço atual de US$ 0,00001217, representando um impressionante aumento de 7,8%.

E, pelo menos hoje, o discípulo vence o mestre: Dogecoin cresceu apenas 2% no mesmo período, mas ainda permanece o incontestável rei das criptomoedas temáticas de cachorro em valor de mercado e, de longe, a moeda mais engraçada no top 10 das criptomoedas.

* Traduzido e editado com autorização do Decrypt.

You May Also Like
Moeda dourada de Bitcoin (BTC) próxima a uma seta que indica uma alta nos preços

Qual é o preço real que o Bitcoin deve atingir para superar seu recorde histórico de US$ 69 mil?

Um único Bitcoin não compra o que costumava comprar. Veja como o ativo se comporta quando comparado à inflação na economia dos EUA
celular com logo da binance e bandeira dos EUA ao fundo

Binance deve pagar R$ 21 bilhões em multas; CZ aguarda sentença

Os promotores americanos classificaram a execução de sexta-feira (23) como a maior penalidade imposta a uma empresa de serviços financeiros na história do DoJ
Changpeng "CZ" Zhao, CEO da Binance

Decisão sobre sentença de CZ é adiada para o final de abril

A sentença de Changpeng “CZ” Zhao por lavagem de dinheiro foi adiada por dois meses sem explicação do tribunal federal
Imagem da matéria: Worldcoin dispara 200% em uma semana com lançamento do Sora da OpenAI

Worldcoin dispara 200% em uma semana com lançamento do Sora da OpenAI

Apesar do Worldcoin não ter nenhuma relação com a OpenAI, os investidores em criptomoedas parecem querer se expor ao sucesso de Sam Altman por meio da WLD