Dois aviões riscam com fumaça para cima o B de bitcoin
Foto: Shutterstock

O Bitcoin atingiu hoje US$ 39 mil por moeda pela primeira vez desde abril de 2022.

A maior criptomoeda em termos de capitalização de mercado estava pela última vez nesse nível antes do colapso do projeto cripto Terra em maio de 2022, o que subsequentemente causou caos no ecossistema de ativos digitais ao fazer despencar o preço de todas as criptomoedas e levar a uma série de falências de alto perfil.

Publicidade

Depois de atingir o topo de US$ 39 mil, o Bitcoin sofreu uma queda e agora está sendo negociado a US$ 38.777, conforme os mesmos dados mostram.

A moeda subiu quase 3% nas últimas 24 horas. Ao longo do mês, subiu mais de 12%.

O BTC atraiu renovado interesse dos investidores porque várias grandes empresas de Wall Street solicitaram à Comissão de Valores Mobiliários dos Estados Unidos a aprovação de um ETF de Bitcoin à vista.

Um veículo de investimento desse tipo proporcionaria aos investidores tradicionais exposição à criptomoeda de maneira segura e regulamentada. Por causa disso, alguns analistas esperam que haja um influxo de capital no mercado de ativos digitais.

Analistas da Bloomberg Intelligence afirmaram que esperam que o principal regulador aprove uma das solicitações até 10 de janeiro.

Além disso, nesta semana, o governador do Federal Reserve, Christopher J. Waller, afirmou que estava “cada vez mais confiante de que a política está atualmente bem posicionada para desacelerar a economia e levar a inflação de volta a 2 por cento”, levando investidores com apetite por ativos de maior risco a se sentirem otimistas.

No início do ano, o Bitcoin estava sendo negociado por menos de US$ 17.000 por moeda.

No entanto, ainda está bem abaixo de seu recorde de todos os tempos de novembro de 2021, de US$ 69.044 por moeda.

* Traduzido e editado com autorização do Decrypt.

You May Also Like
Imagem da matéria: Bitcoin pode passar máxima histórica em breve: veja dois indicadores chave

Bitcoin pode passar máxima histórica em breve: veja dois indicadores chave

Histórico do halving e Índice de Força Relativa (RSI) mostram que Bitcoin pode superar barreira dos US$ 69 mil
Miniaturas de homens em cima de moeda de Bitcoin gigante fazendo medição pela metade

O que o halving e os ETFs de Bitcoin significam para a oferta e demanda

Halving é apenas um dos muitos motivos para ser otimista com o futuro em curto prazo do Bitcoin, dizem os emissores de ETFs
Imagem da matéria: Bitcoin chega em US$ 53 mil pela primeira vez desde outubro de 2021

Bitcoin chega em US$ 53 mil pela primeira vez desde outubro de 2021

Bitcoin atingiu uma máxima no ano de US$ 53.482 nesta segunda-feira e permanece acima da marca de US$ 53 mil com um preço atual de US$ 53.409
bitcoin, fogo, traders, shorts

Alta do Bitcoin faz traders que apostavam na queda perder R$ 1,3 bilhão em liquidações

Os contratos em aberto do Bitcoin já ultrapassaram US$ 25 bilhões, de acordo com dados do Coinglass